Brasil,

Novas análises de plantas e de solo são feitas diretamente no campo

Em menos de 60 segundos, já é possível obter a composição elementar desejada

A Fertiláqua, um dos maiores grupos de nutrição, fisiologia de plantas e revitalização de solo, tem realizado semanalmente transmissões online com representantes do seu corpo técnico e especialistas do agronegócio para debater principais pontos da agricultura e auxiliar os produtores com dicas e orientações que, até então, eram dadas no campo.

A última live “DM em Campo” abordou a revolução na análise de plantas e de solo, com os professores PhDs da Universidade Federal de Lavras, Bruno Teixeira, Luiz Roberto e Marcelo Guerra. A transmissão foi conduzida pelo coordenador de desenvolvimento de mercado da Fertiláqua, Eduardo Cancellier.

Os participantes traçaram uma cronologia das análises, desde as clássicas realizadas há anos até as mais modernas, com a utilização de plataformas e sensores com alta tecnologia e rapidez na entrega de resultados.

As análises clássicas são procedimentos que envolvem como primeiro passo a coleta de amostras. Em seguida, é a fase para secar, peneirar e preparar o solo. Então, essa amostra sofre o processo de digestão e extração dos nutrientes e dos elementos de interesse e, por fim, são determinados e quantificados por um procedimento analítico clássico da química.

Porém, segundo os professores, as análises no campo estão evoluindo muito rápido, sendo possível atualmente fazê-las in loco e na máquina simultaneamente. Isso se deve por meio de equipamentos portáteis com sensores que fazem análises em menos de um minuto.

“A química clássica não irá acabar, pois tem informações importantes preexistentes, que irão ajudar nos momentos que os novos sensores necessitarão de correções no funcionamento. Mas com essas novas tecnologias que proporcionam a aquisição de maior quantidade de dados, quando conectados em uma máquina, auxiliam de forma mais ágil a tomada de decisão do agricultor”, afirma Luiz Roberto.

Uma nova tecnologia para análises é o sensor com fluorescência de raios-X portátil, considerado mais inovador na ciência do solo com grande aplicação para plantas. Além de obter a composição elementar total, baseada em todos os dados, é possível utilizar para abastecer modelos de predição e estimar outras propriedades de interesse no solo. A leitura de elementos é feita entre 30 e 60 segundos, enquanto na análise convencional demoraria em torno de 15 dias.

“Essa ferramenta analisa não só o solo, mas também folha, matrizes líquidas, água e fertilizantes. Sua principal vantagem é a não utilização de resíduos. Tem sido um boom no setor. Solos no mundo todo estão sendo caracterizados com ela”, explica Bruno.

Outro novo sistema utilizado recentemente é o LIBS, sigla em português, Espectrometria de Emissão Óptica com Plasma Induzido por Laser. Faz a análise elementar direta da amostra sólida, sem a necessidade do preparo da amostra. Segundo apontou Marcelo, a maior parte do tempo consumido e dos erros nas análises de planta e solo é atribuída ao preparo da amostra.

As duas tecnologias são feitas diretamente no campo. São muitas as vantagens: menor tempo de análise, de geração de resíduos e de incertezas no resultado. Além disso, são métodos ambientalmente legais e não prejudiciais.

O uso combinado das técnicas é indicado pelos profissionais. “Com elementos mais leves o desempenho da fluorescência de raios-X não é muito bom, já com o LIBS sim. As técnicas em conjunto poderão quantificar todos os macro e micronutrientes no solo. O ideal é utilizar o que cada técnica fornece de melhor”, esclarece Marcelo.

Para os especialistas, o futuro da agricultura moderna e tecnificada que visa aumentar a eficiência das culturas é o uso de drones e suas correlações com os sensores no chão para avançar ainda mais, a fusão de sensores e a otimização de aplicações de um nutriente para sanar deficiência para indivíduo.

Para participar das próximas lives, que acontecem semanalmente, às 19 horas, basta acessar o perfil da Fertiláqua no Instagram: @fertilaqua e no Youtube: youtube.com/fertilaquaoficial, onde as lives também ficam disponíveis. E mais informações sobre os programas da companhia no website: http://fertilaqua.com/.

Sobre o Grupo Fertiláqua

Um dos maiores grupos de nutrição, fisiologia de plantas e revitalização de solo, a empresa Fertiláqua atua por meio das marcas Aminoagro, Dimicron e Maximus, a linha Longevus no segmento de cana-de-açúcar, e a linha Golden Seeds para sementeiras e produtores de sementes. A companhia pertence ao fundo de investimento Aqua Capital. Com mais de 300 colaboradores e presença em todo o Brasil, e em outros países da América Latina, a empresa investe em pesquisa, tecnologia e inovação. A Fertiláqua conta com a sede administrativa em Indaiatuba/SP, fábricas em Cidade Ocidental/GO e Cruz Alta/RS, um centro de distribuição em Cuiabá/MT, dois Laboratórios de Análise de Sementes (LAS) e dois Centros de Inovação Tecnológica (CIT). O grupo disponibiliza uma iniciativa pioneira, o Programa Construindo Plantas (PCP), com ações específicas em cada fase das culturas, do plantio à colheita, para potencializar o desenvolvimento de plantas mais eficientes, e um solo com melhores qualidades físicas, químicas e biológicas, buscando com isso sistemas com maiores potenciais produtivos e consequentemente rentabilidade. Com o objetivo de reconhecer a qualidade das sementes de soja no mercado brasileiro, foi criado pelo grupo o selo Sementes de Verdade.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo