Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Maior investimento da história da Klabin utiliza tecnologia Trimble Inc. para otimização e desenvolvimento de processos

A ferramenta de análise de processos Wedge, ao antecipar problemas e encontrar rapidamente as causas, possibilita mais eficiência da planta industrial

Elielson Batista, Engenheiro de Processos da Klabin Puma Mill

O maior investimento da história da Klabin, o Projeto Puma II, representa mais sustentabilidade, inovação e tecnologia para o setor de celulose. O complexo industrial, que está localizado em Ortigueira (PR), já teve a primeira etapa de expansão concluída. O término da segunda fase está previsto para 2023. As novas unidades produtivas da fábrica contam com a tecnologia Wedge, da Trimble Inc., ferramenta de análise de processos para plantas industriais.

O Wedge aumenta a segurança da operação e reduz desperdícios, uma vez que antecipa problemas e encontra rapidamente as causas principais, melhorando a eficiência. Através da captação de dados, a solução auxilia no gerenciamento de produção, desenvolvimento de processos e produtos, gerenciamento de qualidade, manutenção, controle de processos ou gerenciamento de fábricas.

As plantas da Klabin têm um alto nível de automação, o que aumenta o número de dados que podem ser avaliados. Robson Nascimento, especialista da Trimble explica que o Wedge é dotado de um conjunto de ferramentas que refinam os dados captados. “Ter tratamento das informações de modo automático otimiza o tempo do usuário, que consegue se concentrar no que mais importa: a análise e o monitoramento dos dados representativos”, comenta.

Segundo Elielson Batista, Engenheiro de Processos da Klabin Puma Mill, a solução já estava sendo empregada em outras áreas da empresa e a expansão da utilização se deve à praticidade e rapidez de análise que o Wedge proporciona. “Essa solução já é utilizada na unidade desde 2018. Recursos como modelagens, regressões, correlações multivariadas com compensações dinâmicas de atrasos de processos (delays) e flexibilidade para incorporação de várias bases de dados em um único sistema viabilizaram respostas rápidas e apoio para tomadas de decisão durante análises para identificação de distúrbios e oportunidades de otimização de processos”, afirma.

O sistema é on-line e permite rápido diagnóstico de processos, sendo possível usar algoritmos avançados para entender melhor as relações de causa e efeito. Além disso, o usuário não precisa se preocupar com atrasos no processo, uma vez que a ferramenta de reconhecimento de padrões pode compensá-los automaticamente.

Para conhecer mais sobre o Wedge, acesse: https://wedge.trimble.com/pt/

Sobre a Divisão Florestal da Trimble:

A Divisão Florestal da Trimble oferece SaaS e software empresarial para melhorar a produtividade e sustentabilidade das empresas de produtos florestais integradas mais reconhecidas do mundo, gestores florestais, organizações de conservação, departamentos governamentais, fabricantes de produtos acabados, e os parceiros que ligam a cadeia global de fornecimento florestal. As soluções Connected Forest™ da Trimble fazem a gestão de todo o ciclo de vida das matérias-primas, desde o planejamento, plantação, cultivo, colheita, transporte e processamento. Para mais informações, visite: forestry.trimble.com/pt/.

Sobre a Trimble:

A Trimble desenvolve tecnologias para transformar e melhorar o modo como o mundo trabalha. Com a integração de dados de posicionamento, transmissão em tempo real e processamento de informações, a Trimble oferece a solução completa de ponta a ponta para ampliar a produtividade, segurança e sustentabilidade em projetos para indústrias e governos. Presente com seus produtos no país há mais de três décadas, a Trimble contribui com suas soluções para que o Brasil explore o máximo de seu potencial de desenvolvimento nas áreas de agricultura, construção civil pesada, transporte e logística, aplicações geoespaciais e construções verticais. Fundada em 1978, a Trimble está sediada em Sunnyvale, Califórnia.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo