Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

O uso da Realidade Virtual no cenário pós-Covid

Por Marcus Granadeiro

A atual pandemia vem influenciando de forma inequívoca a adoção de novas tecnologias, acelerando a digitalização bem mais que qualquer um dos outros fatores de indução. No mercado de engenharia e construção, a repercussão ocorre em todas as fases. Vemos novos métodos de venda, reuniões de projeto por videoconferência e gestores de obra se reinventando, isso sem falar em todos os impactos no uso e na operação.

Algumas tecnologias, como videoconferência e assinatura digital, foram claramente incentivadas por motivos óbvios, porém nem todas as tecnologias têm esta relação direta tão óbvia. Vamos analisar a Realidade Virtual. Como ela ficará? As soluções que têm como premissa a utilização de óculos compartilhados por diversas pessoas terão futuro? Dá para dizer que a Covid-19 será responsável pela morte da Realidade Virtual?

O nosso palpite é que não. É certo que soluções que usam óculos em estandes de vendas de imóveis, por exemplo, e eram compartilhados por clientes devem acabar, pelo menos até se resolver, de uma forma ou de outra, a questão da insegurança trazida pela doença. Se este dispositivo já enfrentava resistências em função de uma possível transmissão de conjuntivite, por exemplo, imagina no atual cenário. Por outro lado, as soluções baseadas em dispositivos móveis devem aflorar, pois também serão "empurradas" pelas aplicações para a tecnologia 5G.

Quando falamos em análises de projetos, lá fora as soluções de Realidade Virtual estão migrando para a colaboração. Esta deve ser a tendência a partir da realização sofisticada de videoconferências com "passeios virtuais" pelo modelo, em conjunto e de modo síncrono, gerando registros para alimentar o workflow de análises críticas ou integração entre obra e projeto. A utilização dos óculos, que passarão a ser um acessório pessoal vinculado ao computador, assim como se tem o mouse e o monitor, é um detalhe.

Enquanto o distanciamento social se mantém, as revisões de projetos podem ser exploradas utilizando a Realidade Virtual colaborativa, que permite a profissionais de diversas áreas interagirem para a validação do andamento das obras, que envolve estrutura, geotécnica, mecânica, tubulações, elétrica e automação, entre outras. O processo on-line acelera as rotinas sem a insegurança do contato.

E quando avançamos para as revisões de projetos utilizando a Realidade Virtual dentro do modelo BIM (Building Information Modeling), é possível otimizar o tempo e o custo das áreas envolvidas, tornando o processo mais colaborativo e ágil. Isso permitirá que o segmento de engenharia e construção consiga evoluir na concepção e entrega de seus empreendimentos mesmo diante da crise.

Os óculos, neste caso, são os grandes agregadores de valor da Realidade Virtual, pois com eles conseguimos ter a real dimensão do que está sendo projetado ou construído, empoderando os profissionais a partir de uma visão tridimensional que apenas poucos engenheiros ou arquitetos possuem.

*Marcus Granadeiro é engenheiro civil formado pela Escola Politécnica da USP, presidente do Construtivo, empresa de tecnologia com DNA de engenharia e membro da ADN (Autodesk Development Network) e do RICS (Royal Institution of Chartered Surveyours).

Sobre o Construtivo.com

O Construtivo é uma empresa de tecnologia com DNA de engenharia. Pioneira no conceito de nuvem, atende aos maiores projetos de infraestrutura do Brasil. Fundado em 2000 como uma joint venture do Grupo Santander, o Construtivo passou por um processo de MBO (Management buy-out) em 2004 e se tornou uma empresa nacional.

Com sede em São Paulo e filial em Porto Alegre, o Construtivo tem como carro chefe a solução Colaborativo, ofertada na modalidade de serviço (SaaS) e atendendo mais de 40 mil usuários com rede de plena redundância e com padrões de segurança internacionais a partir de seus servidores em Data Center Nacional padrão Tier III.

As soluções do Construtivo não se limitam apenas àquelas que compõem o Colaborativo. Elas englobam o serviço e o conhecimento de sua equipe como parte do processo. Aproveitando o know-how de mais de 20 anos de sua equipe em CAD e o pioneirismo em BIM, o Construtivo estabeleceu um núcleo de serviços de CAD / BIM.

Com cerca de 100 clientes ativos, entre eles UHE Belo Monte, CSN, Systra Vetec, CEEE, Voith, EBEI, Exto, CTG Brasil, Mobissom, LPC Latina, Rodobens, State Grid, JHE, PK, Voith, Rumo e Energia Consult, o Construtivo.com se tornou uma das principais empresas voltadas para o gerenciamento de processos com especialização em engenharia civil do país, atendendo áreas como energia, transporte, administração pública, manutenção, entre outras.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo