Brasil,

O esporte não pode parar: Pacto pelo Esporte reúne personalidades para debater o futuro e os desafios sociais do setor esportivo

Busca por melhorias em gestão e pautas igualitárias serão destaques de encontros promovidos por acordo empresarial pioneiro no Brasil; Globo fará a transmissão

Futuro do esporte brasileiro, melhorias na gestão esportiva, aumento de patrocínios, plano nacional do esporte e contribuições às pautas de diversidade, inclusão e redução das desigualdades sociais serão destaques do Pacto pelo Esporte 2021 - O esporte não pode parar. Durante três dias, de 24 a 26 de março, o evento será um grande palco para o compartilhamento de boas práticas e a análise de diversas agendas do setor. Os debates mesclarão encontros presenciais, realizados sob os devidos protocolos sanitários nos estúdios de São Paulo da Rede Globo, signatária do Pacto, com participações por videoconferência e depoimentos gravados. A transmissão, aberta ao público, será feita no site do Globo Esporte (globoesporte.globo.com) ao longo dos três dias de realização do evento.

O encontro é organizado pelo Pacto pelo Esporte, acordo privado voluntário lançado em 2015 entre empresas interessadas em apoiar o esporte nacional por meio da definição de regras e mecanismos nas relações entre investidores e entidades desportivas (confederações, federações e clubes). Já são 33 empresas signatárias (conheça-as abaixo, no campo "Sobre o Pacto pelo Esporte").

Em sua programação, o Pacto pelo Esporte 2021 - O esporte não pode parar contará com sete Mesas de Debates. Serão debatidos temas como Esporte e Educação; Liderança Feminina em Gestão Esportiva; Racismo no Esporte; um Plano Nacional para a área; e as Olimpíadas e Paraolimpíadas de Tóquio. As conversas serão conduzidas por jornalistas do Grupo Globo e reunirão atletas, representantes de entidades esportivas, integrantes de movimentos da sociedade civil e líderes empresariais. O quadro completo de participantes será divulgado em breve.

Atualização do Rating Integra

Durante o encontro serão divulgados os resultados do segundo ciclo do Rating Integra, sistema de avaliação de governança, transparência e integridade fruto de uma parceria entre o Pacto pelo Esporte, a ONG Atletas pelo Brasil, o Instituto Ethos, o Comitê Olímpico do Brasil (COB) e o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB). Por meio dessa ferramenta, de adesão voluntária e avaliação independente, entidades esportivas - confederações, federações e clubes - recebem uma classificação e um relatório sobre a sua maturidade, com pontos em que podem melhorar. "Isso garante maior segurança a empresas propensas a investir no esporte, além de oferecer a quem pleiteia patrocínios um diagnóstico importante, indicando eventuais pontos a serem aprimorados na gestão", afirma Daniela Castro, diretora executiva do Pacto pelo Esporte.

Como contrapartida para as entidades que aplicam ao Rating Integra, e para promover o aumento dos aportes privados no esporte, o Pacto pretende ainda em 2021 lançar uma plataforma interna empresarial. "O objetivo aqui é aproximar o patrocínio das entidades esportivas e seus projetos. Estamos trabalhando cada vez mais para contribuir com a integridade e transparência do segmento, o que é fundamental para o crescimento do movimento como um todo" comenta João Paulo Diniz, membro do Conselho Gestor do Pacto pelo Esporte.

"O Pacto pelo Esporte é um marco brasileiro em termos de acordos privados, nos quais as empresas percebem sua capacidade de influenciar mudanças no cenário socioeconômico e se aliam em prol de impactos em alta escala", comenta Daniela Castro. "Em 2020 a pandemia impediu a realização do nosso encontro anual, que é de extrema relevância para os avanços da indústria do esporte como um todo. A retomada do evento reafirma a crença dos signatários e parceiros de que o compliance e a cultura pró-ética engrandecem as cadeias de valor esportivas, favorecendo os negócios.", afirma Kévin Chevalier, diretor executivo da Atletas pelo Brasil, fundadora do Pacto pelo Esporte.

Serviço:
Pacto pelo Esporte 2021 - O esporte não pode parar
Quando: de 24 a 26 de março de 2021
Horário: Mesa de Abertura às 11h de 24/03; demais atrações a partir das 15h
Como assistir: no site do Globo Esporte (globoesporte.globo.com)

Sobre o Pacto pelo Esporte:

O Pacto pelo Esporte é uma união entre empresas patrocinadoras do esporte brasileiro que, por meio da criação de ferramentas de autorregulamentação, visa contribuir para que entidades esportivas pratiquem uma gestão profissional, com integridade, transparência e governança. O objetivo é aumentar os investimentos privados no esporte.

Lançado em 2015, o Pacto pelo Esporte conta atualmente com 33 empresas signatárias: ACCOR, Aché, Algar, ASICS, Banco do Brasil, Bradesco, BRF, BR Sports, BTG Pactual, Carrefour, Centauro, Cielo, Correios, Decathlon, EDP, Eletromídia, Estácio, EY, Grupo Globo, Gol, Itaú, Johnson & Johnson, LATAM, Mastercard, McDonald’s, Passarelli, P&G, Quantum, Santander, Sky, SOMOS Educação, Visa e Vivo.

O Conselho Gestor é composto por João Paro Neto (Mastercard); Roberto Marinho Neto e Renato Ribeiro (TV Globo); Paulo Kakinoff (Gol); Eduardo Alvarenga (Eletromídia); Luiz Sérgio Vieira (EY); Hugo Passarelli (Passarelli); Luciana Nicola (Itaú); João Paulo Diniz (Componente Holding); e o consultor independente Fernando Chacon. Os esportistas e medalhistas olímpicos Gustavo Borges (natação), Lars Grael (vela esportiva) e Flavio Canto (judô), são os embaixadores da iniciativa.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo