Brasil,

Indústria de máquinas apresenta suas demandas ao INMETRO

Para discutir aspectos relacionados à Portaria nº 455, de dezembro de 2010, a diretoria da ABIMAQ e Inmetro se reuniram, na última sexta-feira, na sede da entidade, em formato híbrido

Após a apresentação das duas instituições, Ivan de Castro Alves Filho e Jackson Murilo Lenzi, vice-presidentes da Câmara Setorial de Bombas e Motobombas (CSBM) da ABIMAQ, fizeram uma apresentação dos reflexos da Portaria Inmetro 455 - Etiquetagem de Bombas e Motobombas; sobre os fabricantes que compõem o setor, questionando inclusive os objetivos pretendidos, o ganho para a sociedade e o resultado após os 10 anos de implantação: “Bombas e Motobombas precisam de Certificação Compulsória?”.

A resposta dada em apresentação feita aos participantes da reunião foi que não há percepção de valor pelo consumidor. O custo do produto final aumentou e o consumidor decide pela compra da bomba por outros critérios que não a classificação, pois esta decisão está intimamente atrelada à aplicação da necessidade requerida.

“Na verdade, a CSBM, há mais de cinco décadas, atua no desenvolvimento do segmento de bombas e motobombas, representando mais de 50 empresas responsáveis pela geração de pouco mais de 11 mil empregos diretos”, explicaram representantes das Câmaras.

A Câmara de Projetos e Equipamentos Pesados (CSPEP) e a Câmara Setorial de Ar Comprimido e Gases (CSAG) destacaram a importância de incluir na Certificação Compulsória, Caldeiras e Vaso de Pressão não seriados.

Já os representantes da Câmara Setorial de Máquinas e Equipamentos para Postos de Serviços e Soluções de Abastecimento (CSMEPS) agradeceram a atuação da Diretoria de Metrologia Legal (DIMEL) do Inmetro, que desenvolve atividades relativas a exigências obrigatórias, referentes às medições, unidades de medida, instrumentos e métodos de medição.

A Diretoria de Tecnologia da ABIMAQ aproveitou a oportunidade para falar da importância de o Brasil exigir uma Certificação NR-12 (Segurança em Máquinas e Equipamentos) de forma semelhante a outros países.

Por fim, a Diretoria de Comércio Exterior da ABIMAQ solicitou articulação para a questão de barreiras técnicas com outros países.

O presidente do Inmetro, Marcos Heleno Guerson, acompanhado da sua diretoria, após apresentação do planejamento estratégico do Inmetro, sugeriu que a demanda fosse apresentada aos responsáveis pela legislação, “ao Inmetro cabe apenas uma ação regulatória”, explicou.

Marcos Heleno destacou ainda a importância da ABIMAQ no cenário nacional, relatando que o grande fator norteador no Inmetro é a promoção da inovação, estando dentro da indústria 4.0, grande fonte de tecnologia e lembrou ainda da parceria: “De todas as associações, a ABIMAQ é a que mais tem relação com o Inmetro e é a mais importante nesses relacionamentos nos dias de hoje”, afirma.

O Inmetro hoje tem um novo modelo de planejamento estratégico, sempre medido e conversado com a instituição e com o governo, e conta com propostas transparentes que geram ganhos para a sociedade.

“Se há um grande elemento que o Inmetro pretende fazer é a promoção da inovação, pois temos uma clareza em nossa missão dentro da sociedade, que é a promoção das soluções e infraestrutura de qualidade”, explicou Marcos Heleno. João Alfredo Delgado, diretor de tecnologia da ABIMAQ, considera estratégica a parceria e faz um resumo das demandas mais importantes apresentadas.

Participaram da reunião, José Velloso, presidente executivo da entidade, Patricia Gomes, diretora de comércio exterior, Rafael Bellini, chefe de gabinete da presidência, Anita Dedding e João Alfredo Delgado, diretores de tecnologia da ABIMAQ, além de Marcos Heleno Guerson de Oliveira Junior, presidente, Paulo Henrique Lima Brito, diretor da Dplan, Periceles Vianna, diretor da Dimel, Beniamin Achilles, diretor da Dimci, Lenilton Correa, diretor da Dconf e Marcos Aurélio Lima de Oliveira, gerente de projetos (presencial); CSBM: Ivan de Castro Alves Filho e Jackson Murilo Lenzi (online); CSAG: Alicério Roberto; CSQI: Eduardo Prata e Carlos Polônio; CSMEPS: Bruno Rosas e Manoel Gramignolli; CSPEP: Wagner Setti e Rodolfo Rodrigues (online); ABIMAQ: Anita Dedding, Daniel Machado, Jeovanildo Farias, Lourenço Righetti, Natália Siqueira e Ricardo Firmino (online); SIBAPEM (Sindicato Interestadual da Indústria de Balanças, Pesos e Medidas): Carlos Amarante (Toledo Balanças – online).


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo