Logo
Imprimir esta página

Grupo Açotubo avança atuação no setor agro

Com proximidade da entressafra, empresa quer aproveitar as oportunidades geradas pela necessidade de troca de equipamentos e maior crédito para a compra de maquinários

Apesar do impacto causado pela pandemia em diversas áreas da economia, o Produto Interno Bruto (PIB) do agronegócio brasileiro, teve alta de 5,35% no primeiro trimestre de 2021, de acordo com cálculos feitos pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) em parceria com a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA).

O Grupo Açotubo atua direta e indiretamente no setor, fornecendo chapas, tubos e barras de aço inoxidável para indústrias que produzem máquinas e equipamentos para os mais diversos produtos do campo; dentre outras ligadas ao plantio e colheita das principais commodities, soja, milho, trigo, café, laranja, dentre outras.

Em termos de desempenho em vendas para clientes ligados ao agronegócio, Willians Cintra, gerente da filial do Grupo em Sertãozinho (SP), destaca que o setor contribuiu diretamente para os resultados que a empresa registrou no primeiro semestre e reforça perspectivas positivas para o fechamento do ano.

“Todas as divisões da empresa vêm trabalhando acima das metas estipuladas para 2021. O mercado agro, como no caso das usinas sucroenergéticas, que não produzem apenas o açúcar e o álcool, mas também colhem a cana, representa aproximadamente 25% desse faturamento. É um mercado que está presente de uma forma consistente nos nossos negócios”, afirma.

Ele atribui esse sucesso ao know-how que a empresa criou nesses 47 anos de história. “Nossos pilares foram moldados pelas necessidades dos próprios clientes, e isso faz com que a Açotubo tenha muita credibilidade nesse mercado”.

Oportunidades no setor

Apesar de seus benefícios, a utilização do aço inox ainda é baixa nas máquinas e equipamentos ligados ao campo. As chances de negócio se intensificam de forma considerável com as manutenções de entressafra no setor sucroenergético, que começa a partir de novembro.

“Tivemos um período de grande dificuldade do setor que perdurou por quase 10 anos, com muitas plantas sucateadas, equipamentos defasados e que precisam de um recondicionamento. A economia um pouco mais aquecida abre uma janela para aumentar a utilização dos aços inoxidáveis na modernização do setor sucroenergético”

Outra oportunidade, segundo ele, é a modernização das frotas impulsionada pela ampliação da oferta de crédito privado para compra de equipamentos. “Quem acompanha o mercado agro sabe que os bancos de financiamento fazem toda a diferença na aquisição de equipamentos. A oferta de crédito no Brasil ainda é muitos restrita. Isso está passando por uma disrupção. É uma excelente oportunidade para fornecer materiais com maior capacidade de acompanhar novas tecnologias.”

O fornecimento de aço para a agroindústria também está no radar da empresa. “Hoje, a China é o principal importador de produto brasileiro, tanto in natura quanto processado, cenário importante e interessante para expansão de frigoríficos”.

Benefícios do aço inox para o setor agro

No caso dos materiais, o aço inoxidável se destaca na composição de peças para os maquinários empregados no campo por durabilidade, por características sanitárias, como facilidade de limpeza e antiaderência, capacidade de evitar reações químicas no contato com os alimentos, por ser um material não reagente, entre outras.

Cintra destaca três tipos de inox usados no setor agro: os AISI 304, 316L e o 410. Pelas propriedades de alta resistência, os dois primeiros, são muito eficientes em atividades que envolvem produtos químicos que possam causar desgastes. Nesse sentido, os equipamentos, feitos com o material possuem maior vida útil em comparação com outros, vantagem considerável no campo.

Já o AISI 410 é ideal para processos de constante abrasão (desgaste causado por fricção e raspagem), além das condições anticorrosiva e antioxidante, comum dos inoxidáveis. “Por aguentar mais impactos físicos e químicos, esse aço está tomando conta do mercado sucroenergético, além de ser muito usado na fabricação de caçambas agrícolas”, explica Cintra.

O aço inox também é utilizado no setor em operações de processamento de alimentos em diferentes níveis de temperatura e graus de acidez e alcalinidade.

Sobre o Grupo Açotubo

Com 47 anos de atividades, o Grupo Açotubo é reconhecido pelo portfólio, serviços e soluções em distribuição siderúrgica. A empresa tem cinco unidades de negócio, sendo Tubos e Aço, Conexões, Aços Inoxidáveis, Soluções Integradas e Sistemas de Ancoragem (Incotep), com unidades estratégicas posicionadas em diferentes regiões para atendimento em todo o Brasil. Com investimentos constantes em tecnologia e infraestrutura, a empresa tem como meta atender os clientes com agilidade e qualidade em todas as suas necessidades, independentemente de volume. Valoriza seus colaboradores como força motriz de desenvolvimento e tem a responsabilidade social como um de seus principais pilares.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Copyright ©2002-2021 Clipping - Segs - Portal Nacional de Seguros, Saúde, Veículos, Informática, Info, Ti, Educação, Eventos, Agronegócio, Economia, Turismo, Viagens, Vagas, Agro e Entretenimento. - Todos os direitos reservados.- www.SEGS.com.br - IMPORTANTE:: Antes de Usar o Segs, Leia Todos os Termos de Uso.
SEGS é compatível com Browsers Google Chrome, Firefox, Opera, Psafe, Safari, Edge, Internet Explorer 11 - (At: Não use Internet Explorer 10 ou anteriores, além de não ter segurança em seu PC, o SEGS é incompatível)
Por Maior Velocidade e Mais Segurança, ABRA - AQUI E ATUALIZE o seu NAVEGADOR(Browser) é Gratuíto