Logo
Imprimir esta página

5 dicas para manter a conduta profissional em ambientes virtuais

Apesar dos recursos tecnológicos otimizarem os processos organizacionais, é preciso ter cuidado para não comprometer a imagem

Segundo informações divulgadas pelo Banco Mundial, as companhias que priorizam o uso da tecnologia são capazes de crescer 9,5 vezes mais do que as que dispensam esta espécie de investimento. Ao trazer a temática para o Brasil, é possível afirmar que a aquisição de recursos tecnológicos no país aumentou em 4,5%. Diante deste panorama, as diferenças de tempo e espaço físico deixam de ser uma barreira para a integração de pessoas que contam com uma ampla gama de aplicativos no momento de conectarem-se. Este é o caso do WhatsApp.

A ferramenta voltada inicialmente para conversas do âmbito pessoal, atualmente também está inserida no ambiente corporativo sendo uma das alternativas para a comunicação interna. Neste contexto, apenas 23,5% das empresas oferecem treinamento para o manuseio adequado da tecnologia - o que resulta em um compartilhamento de memes, piadas e correntes entre 20,1% dos participantes de grupos de trabalho. Já 24,5% dos colaboradores realmente estão aptos a estimular trocas estritamente organizacionais.

De acordo com José Roberto Marques, fundador do Instituto Brasileiro de Coaching (IBC), o movimento tem um impacto positivo para os executivos. Mas, a iniciativa requer certos cuidados.“Devido ao avanço tecnológico, a comunicação ocorre de maneira acelerada. Para tomar uma decisão estratégica antigamente era necessário tentar conciliar agendas atribuladas. Contudo, hoje as atividades são realizadas por meio de simples mensagens virtuais. Ou seja, trata-se de um caminho para otimizar todos os processos organizacionais. No entanto, é essencial que os colaboradores saibam manter uma conduta profissional similar a uma conversa frente a frente com um gestor ou colega”, afirma.

Pensando em auxiliar os profissionais a aproveitarem ao máximo o potencial corporativo do WhatsApp, o especialista selecionou as principais dicas de uso da ferramenta. Confira abaixo:

Compartilhe dados relevantes

Independente da posição na empresa, é fundamental que o colaborador analise a mensagem antes de enviá-la no grupo de trabalho para verificar a importância da informação ao contexto profissional de todos os integrantes. No caso da fomentação de uma discussão relacionada a determinado projeto, não há necessidade de hesitar em enviar o dado. Porém, se a proposta for em tom de brincadeira, é melhor evitar. Em suma, o foco na relevância do conteúdo faz a diferença na comunicação organizacional.

Atente-se a escrita

Mesmo tratando-se de um ambiente virtual, o grupo de WhatsApp corporativo é composto pelas pessoas do trabalho, o que diminui o caráter informal da plataforma. Logo, é essencial ter cuidado com a imagem profissional ao atentar-se a escrita com atenção aos erros gramaticais e abreviações.

Reflita

As trocas de mensagem à distância deixam de apresentar com clareza a intenção da pessoa do outro lado da tela e esta característica pode ocasionar ruídos na comunicação. Neste sentido, a sugestão é pensar antes de responder a um integrante. Portanto, na hora em que um conteúdo parecer inadequado ou provocação reflita sobre o retorno ideal a fim de evitar desconfortos.

Fuja dos áudios

Cuidado com os áudios em excesso. Afinal, as agendas dos executivos costumam ter pouca disponibilidade de tempo. Neste caso, a dica para transmitir mensagens extensas é a ligação que permite expor as ideias de maneira mais assertiva.

Fique de olho no relógio

Na ânsia de resolver um desafio organizacional ou compartilhar insights com a equipe de trabalho, as pessoas abusam da facilidade da comunicação virtual ao enviar mensagens em qualquer dia e horário. Entretanto, o uso exagerado da tecnologia dentro e fora do expediente pode comprometer a saúde mental dos colaboradores.



Publicidade



Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Copyright ©2002-2020 Clipping - Segs - Portal Nacional de Seguros, Saúde, Veículos, Informática, Info, Ti, Educação, Eventos, Agronegócio, Economia, Turismo, Viagens, Vagas, Agro e Entretenimento. - Todos os direitos reservados.- www.SEGS.com.br - IMPORTANTE:: Antes de Usar o Segs, Leia Todos os Termos de Uso.
SEGS é compatível com Browsers Google Chrome, Firefox, Opera, Psafe, Safari, Edge, Internet Explorer 11 - (At: Não use Internet Explorer 10 ou anteriores, além de não ter segurança em seu PC, o SEGS é incompatível)
Por Maior Velocidade e Mais Segurança, ABRA AQUI E ATUALIZE o seu NAVEGADOR(Browser) é Gratuíto