Brasil, 17 de Julho de 2019

TOKIO MARINE SEGURADORA

Inverno é a melhor época para realizar o tratamento de varizes e vasinhos

Menor exposição solar e baixas temperaturas da época favorecem a recuperação após os procedimentos, tornando-a mais confortável e segura.

Tratamento de varizes com ClaCs

As varizes são um incômodo para grande parte das pessoas, mas que costumam ser lembradas apenas quando chega o verão, já que, devido ao clima, costumamos usar roupas mais curtas e que mostram mais as pernas. Porém, segundo a angiologista Dra. Aline Lamaita, membro da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular, a estação mais quente do ano está longe de ser a melhor época para tratar as alterações, pois grande parte dos tratamentos exigem que o paciente evite se expor ao sol e utilize meias de compressão, o que pode ser uma verdadeira tortura durante o verão. Sendo assim, a melhor época para cuidar das varizes e se preparar para a temporada de praias é o inverno. “Durante os meses de maio a setembro, as temperaturas estão mais amenas e o uso de calças é mais comum. Desse modo, as pernas ficam mais protegidas e menos expostas aos raios solares, o que é recomendado no período de recuperação dos tratamentos, já que a radiação ultravioleta pode estimular a fixação de manchas hipercrômicas”, explica a médica.

Além disso, o fato de a pele não estar bronzeada durante o outono e inverno também é favorável ao tratamento de varizes, principalmente quando é realizado através de laser. “O risco de queimaduras em peles bronzeadas é maior devido a absorção da luz do laser pela melanina, pigmento que dá cor ao tecido e está presente em maior quantidade em peles de fototipos altos ou bronzeadas”, completa a especialista. “As temperaturas mais baixas também tornam mais confortável o uso das meias elásticas, necessárias durante o período de recuperação para estimular o bom funcionamento da circulação sanguínea.”

Causas e tratamentos - A principal causa de varizes, veias dilatadas e tortuosas que perderam sua função circulatória, é a genética. Mas fatores como a idade, sexo e hábitos de vida ruins também podem levar a formação dos vasinhos. “Enquanto o fator genético é preponderante, o envelhecimento é um agravante. Além disso, as mulheres são mais propensas ao desenvolvimento das varizes, por influência hormonal, já que têm as veias mais flácidas que os homens”, destaca a angiologista.

Mas, de acordo com a especialista, é possível prevenir o problema através de alguns cuidados básicos, como manter uma alimentação adequada, o peso sob controle, realizar exercícios físicos e ter bons hábitos de vida. “Desse modo, a doença atacará menos, o médico terá menos trabalho e o paciente terá menos intervenções ao longo da vida”, afirma. “Porém, para quem tem predisposição genética a varizes, os cuidados vão apenas controlar a velocidade da doença e a gravidade do quadro, mas os vasinhos acabarão aparecendo.”

Para quem já sofre com varizes, existem procedimentos que podem dar fim ao problema e que devem ser indicados pelo médico especializado. “Cada caso requer um tipo de tratamento, que pode ser por meio da escleroterapia (substância química injetada dentro da veia), espuma, uso de lasers e radiofrequências ou procedimentos que combinem as técnicas, como o ClaCs, que une laser não-invasivo e injeções de glicose. Cirurgias também podem ser indicadas, dependendo do caso”, finaliza a Dra. Aline Lamaita.

FONTE: Cirurgiã vascular e angiologista, Dra. Aline Lamaita é membro da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular, da Sociedade Brasileira de Laser em Medicina e Cirurgia, do American College of Phlebology, e do American College of Lifestyle Medicine. Formada pela Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, a médica participa, na Universidade de Harvard, de cursos de pós-graduação que ensinam ferramentas para estimular mudanças no estilo de vida nos pacientes em prol da melhora da longevidade e qualidade de vida. A médica possui título de especialista em Cirurgia Vascular pela Associação Médica Brasileira / Conselho Federal de Medicina. http://www.alinelamaita.com.br/

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário
Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Esta ferramenta é automatizada...Sucesso!


voltar ao topo

Notícias ::