Brasil, 23 de Julho de 2019

TOKIO MARINE SEGURADORA

Transpiração excessiva no couro cabeludo pode ser tratada com aplicação de toxina botulínica

Ocorrendo devido ao hiperfuncionamento das glândulas sudoríparas, hiperidrose acomete cerca de 2% da população mundial, podendo atingir tanto o couro cabeludo quanto mãos, pés e axilas.

A sudorese excessiva no couro cabeludo é um problema que atinge um grande número de pessoas. Apesar de não trazer males à saúde, esta é uma doença que pode causar grande constrangimento e incômodo, principalmente durante o verão, já que confere aos fios um aspecto de sujeira. Essa condição é denominada de hiperidrose e não se restringe apenas ao couro cabeludo, podendo também acometer outras áreas do corpo. “A hiperidrose atinge 2% da população mundial e acontece quando as glândulas sudoríparas dos pacientes são hiperfuncionantes. Isto pode ocorrer por diferentes causas, como doenças da tireoide, fatores emocionais, câncer, menopausa e obesidade”, explica a dermatologista Dra. Valéria Marcondes, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da Academia Americana de Dermatologia.

Mas a boa notícia é que existem uma série de tratamentos para quem sofre com a transpiração excessiva no couro cabeludo. Em casos mais leves, por exemplo, onde a hiperidrose ocorre não apenas no couro cabeludo, mas sim de forma generalizada, atingindo também mãos, pés e axilas, a doença pode ser tratada com remédios à base de oxibutinina. De acordo com a dermatologista, estes remédios agem dentro das glândulas sudoríparas, reduzindo a sua atividade. Já nos casos mais graves, onde a concentração de suor em uma única área é muito grande, pode-se recorrer a aplicação de toxina botulínica. Indicada para regiões como a testa, o couro cabeludo e as axilas, a aplicação de toxina botulínica é um procedimento simples, rápido e que é realizado no próprio consultório médico. “Este procedimento duro cerca de oito a doze meses e também pode ser realizada em pessoas que, apesar de não sofrerem com hiperidrose, se incomodam com o suor excessivo após grande esforço físico. Porém, é importante ressaltar que, em algumas pessoas, o tratamento não interromperá a transpiração completamente, apenas reduzirá a quantidade de suor produzido”, destaca a especialista.

Em último caso, quando nem os remédios à base de oxibutinina nem a aplicação de toxina botulínica são suficientes, pode ser recomendada a cirurgia de simpatectomia. “Realizada por um cirurgião vascular, a simpatectomia é um procedimento onde o médico retira o gânglio neural responsável por enviar o estímulo que faz com que as glândulas sudoríparas produzam o suor. Porém, apesar do corpo ter a tendência de se acostumar e fazer o problema desaparecer com o tempo, neste procedimento há o risco de o suor acabar passando para outra área”, completa a médica. “O mais importante então é que, ao perceber que você está suando mais do que deveria mesmo estando em repouso, você consulte um dermatologista. Apenas ele poderá realizar uma avaliação do seu caso e indicar o melhor tratamento ou então encaminhar você para um médico especifico.”

Fonte: Dra. Valéria Marcondes – Dermatologista da Clínica de Dermatologia Valéria Marcondes, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia com título de especialista e da Academia Americana de Dermatologia. Foi fundadora e é membro da Sociedade de Laser. www.valeriamarcondes.com.br

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário
Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Esta ferramenta é automatizada...Sucesso!


voltar ao topo

Notícias ::