Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Poli Júnior Ajuda Empreendedor a Reduzir o Investimento no Setor de Franquias

A empresa júnior de engenharia da USP desenvolve empreendimentos com valores até 60% menores do que o mercado sênior

O setor de franquias teve um crescimento de 6,9% no ano de 2019, segundo a Associação Brasileira de Franchising (ABF), órgão que acompanha a movimentação do setor em parceria com o Sebrae há 20 anos. A contínua crescente do segmento é notável nas análises feitas a cada semestre, com faturamento de R﹩ 186,9 bilhões, as diferentes possibilidades que existem nesse mercado se destacam pelo suporte e treinamentos oferecidos entre franqueadores e franqueados.

Pensando em ajudar ainda mais esses empresários, a Poli Júnior , empresa júnior da mais bem conceituada escola de engenharia do país, a USP, oferece a possibilidade dos clientes desenvolverem construções em larga escala com investimentos até 60% mais baixos do que o mercado sénior. Os profissionais possuem todo o suporte da universidade, além de direcionamentos técnicos dos professores que dão aula em um dos maiores polo científicos da América Latina.

Um dos exemplos dos grandes projetos desempenhados pelos membros da empresa foi um conjunto de estúdios residenciais. O cliente solicitou que desenvolvessem moradias sustentáveis para que fossem altamente econômicas e financeiramente acessíveis. Além disso, um grande desafio imposto foi o público-alvo desejado, pois os imóveis precisavam ser habitáveis por Pessoas com Deficiência (PCD) da classe D.

O projeto - que foi entregue ao aposentado Emmanuel Formiga -, contou com energia fotovoltaica e reaproveitamento de água da chuva. Por conta do trabalho de sucesso desempenhado pela Poli Júnior, Formiga conseguiu dar início ao seu sonho de fundar uma imobiliária. "Esse conjunto de empreendimentos reforçou a capacidade técnica dos profissionais da empresa e o alto suporte da universidade. Conseguimos realizar trabalhos com altíssima qualidade a um preço competitivo", explica Antônio de Paiva Neto, Gerente do Núcleo de Engenharia Civil da Poli Júnior.

O setor de franquias é o mais novo desafio da empresa júnior, que é capaz de atender as diferentes áreas e segmentos disponíveis dentro do franchising. "As franquias caminham na contramão das adversidades, continuam conseguindo um balanço positivo mesmo em tempos de crise", finaliza Antônio.

Franquias relacionadas a games e robótica, por exemplo, cresceram 8,7% entre os anos de 2018 e 2019. Com a nova atuação da Poli Júnior, os franqueados vão poder investir ainda mais em outros atributos do negócio, além de diminuir os custos.

Sobre a Poli Júnior

Fundada em 1989 como a primeira Empresa Júnior de Engenharia do Brasil, a Poli Júnior é uma associação civil sem fins lucrativos constituída e gerida pelos alunos de engenharia da USP. Com sua sede dentro da escola politécnica da USP, seus representantes conseguem entregar com maestria soluções de diferentes áreas da engenharia a um valor competitivo, além de terem acesso aos melhores professores do mercado para auxiliá-los. Entre as áreas trabalhadas em seus projetos estão Civil; Mecânica e Eletrônica; Produção; Química; e Tecnologia, que já foram contemplada com premiações como Prêmio FEJESP(Federação das Empresas Juniores do Estado de São Paulo) de 2016, 2017 e 2018; Palestra Magna ENEJ (Encontro Nacional das Empresas Juniores) 2017 e 2018.



Publicidade



Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo

Notícias ::

Mais Itens ::

NEWSLETTER SEGS