Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Boas novas para debelar o impacto do Coronavírus na economia

Thaís Cíntia Cárnio

A preocupação com a pandemia do coronavírus na área da saúde é legítima e inúmeras ações já foram adotadas para enfrentá-la por especialistas na matéria.

A boa nova é que já estão sendo tomadas medidas para ajudar a debelar a inevitável crise econômica que nos assolará por conta da interrupção de várias atividades empresariais em vista do isolamento social, solução empregada para evitar que a doença se alastre em proporções incontroláveis.

O Conselho Monetário Nacional possibilitou que fintechs autorizadas a conceder crédito (Sociedade de Crédito Direto -- SCD) possam emitir cartões de crédito a partir de 04 de maio. A decisão foi tomada pelo reconhecimento das SCD’s como importantes canais de empréstimos, além de sua alta capilaridade, pois prestam serviços dinâmicos por meio de plataformas eletrônicas, alcançando até mesmo pessoas não acolhidas por bancos tradicionais. Além disso, são instituições que atendem com fluidez segmentos com reduzido histórico de crédito, como as micro e pequenas empresas.

As SCD’s poderão captar recursos junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), conhecido por praticar taxas de juros mais adequadas às necessidades empresariais, uma vez que se trata de um banco de fomento. Isso permitirá repasses aos clientes com encargos mais razoáveis. Notícia mais que bem-vinda no cenário em que vivemos e na crise que se potencializa, principalmente para os pequenos negócios.

Outro ponto importante foi a divulgação de novas as regras para débito automático em conta corrente de empréstimos e em contas-salário, válidas a partir de 3 de novembro. Os empréstimos contratados pelos clientes nessas modalidades deverão ser discriminados nos extratos, que também informarão sobre débitos futuros a serem lançados.

Ademais, o cliente precisará autorizar por escrito débitos parciais de obrigações vencidas, quando não houver saldo suficiente em conta corrente para a quitação do montante total da parcela. O objetivo é a diminuição do saldo devedor, ainda que o mutuário não possa pagar o valor integral daquele mês.

Sabedores do que nos aguarda, os agentes econômicos buscam alternativas para mitigação dos efeitos adversos da pandemia na saúde financeira do país.

Thaís Cíntia Cárnio é especialista em Banking, professora de Direito das Relações Econômicas Internacionais, Direito Empresarial e Mercado Financeiro da Universidade Presbiteriana Mackenzie.

Sobre a Universidade Presbiteriana Mackenzie

A Universidade Presbiteriana Mackenzie está na 103º posição entre as melhores instituições de ensino da América Latina, segundo a pesquisa QS Quacquarelli Symonds University Rankings, uma organização internacional de pesquisa educacional, que avalia o desempenho de instituições de ensino médio, superior e pós-graduação. Possui três campi no estado de São Paulo, em Higienópolis, Alphaville e Campinas. Os cursos oferecidos pelo Mackenzie contemplam Graduação, Pós-Graduação Mestrado e Doutorado, Pós-Graduação Especialização, Extensão, EaD, Cursos In Company e Centro de Línguas Estrangeiras. Em 2020, serão comemorados os 150 anos da instituição no Brasil. Ao longo deste período, a instituição manteve-se fiel aos valores confessionais vinculados à sua origem na Igreja Presbiteriana do Brasil.



Publicidade



Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo

Notícias ::

Mais Itens ::

NEWSLETTER SEGS