Brasil, 12 de Dezembro de 2019

TOKIO MARINE SEGURADORA

Tímida retomada da economia impulsiona turnover e novas contratações, mas não aumentos salariais, mostra pesquisa da Mercer

Consultoria ouviu 680 empresas na sua Pesquisa de Remuneração Total em 2019

Para sustentar a definição das melhores estratégias de remuneração para reter e atrair talentos do mercado, a Mercer realiza anualmente sua Pesquisa de Remuneração Total. Neste ano, a pesquisa brasileira contou com 680 empresas participantes, um crescimento de 13% em relação a 2018, abrangendo mais de 780 mil profissionais em 24 mil posições diferentes.

Segundo o líder de produtos de carreira da Mercer Brasil, Rafael Ricarte, “uma das grandes surpresas, ainda mais em tempos da quarta revolução industrial e preparação para o futuro do trabalho, consiste no fato de que 16% das empresas ainda consideram o tempo de serviço como um critério para aumentos salariais”.

Reajuste salarial permanece estável

A pesquisa da Mercer mostra que, assim como no ano passado, as empresas concederam um reajuste salarial médio de 4,4% em 2019. Ainda segundo o estudo, os segmentos que apresentaram maior reajuste médio foram o de Manufatura (5%) e o Automotivo (4.8%). Entre as áreas, a que apresentou maior reajuste foi a de Análise de Dados. Já os cargos administrativos foram os que tiveram o menor reajuste médio, 3,6%.

Turnover

Outra importante revelação da pesquisa é o aumento gradual do turnover voluntário. Em 2016, o percentual de demissões solicitadas pelos profissionais variava entre 2% (executivos) e 5% (operacionais). Com a pequena recuperação da economia, entretanto, as demissões voluntárias subiram para 4% entre os cargos mais altos e 9% entre as posições operacionais, com destaque para o nível Gerencial que saltou de 3% para 7%.

Novas contratações

Não só o turnover, mas também as novas contratações tiveram um bom desempenho em 2019, de acordo com a pesquisa. Em todos os níveis, o percentual de novos contratados no último ciclo foi maior em 2019 do que em 2018, representando 12% no nível operacional, (contra 10% em 2018), 19% no nível intermediário (vs 14% em 2018) e 22% no nível de liderança (ante 18% no ano anterior). “É bastante animador enxergar esse incremento, que pode representar novas posições geradas ou aquecimento do índice de reposição de profissionais demitidos”, afirma Rafael. “Entretanto, com exceção do nível de liderança, os demais novos profissionais entram com uma remuneração, em média, 20% menor na base, e 14% menor no nível tático, claramente demonstrando como é diferente a influência do índice de 12% de desemprego no país”, continua.

Diferenças por gênero

De acordo com a Pesquisa de Remuneração Total da Mercer, o valor dos salários de homens e mulheres permanece mais ou menos equivalente até o nível gerencial. “A partir das posições de Diretoria, o salário médio das mulheres começa a cair bastante em relação ao dos homens e chega a ser de apenas 60% do valor no cargo de Presidente”, afirma Ricarte. Na amostra da Mercer, apenas 12% das posições de Presidente são ocupadas por mulheres, contra 31% no nível gerencial.

Sobre a Mercer

A Mercer oferece conselhos e soluções orientadas pela tecnologia que ajudam as organizações a atender às necessidades de saúde, previdência e carreira de uma força de trabalho em mudança. Os mais de 23.000 empregados da Mercer estão baseados em 44 países e a empresa atua em mais de 130 países. A Mercer é uma subsidiária integral da Marsh & McLennan Companies (NYSE: MMC), a principal empresa global de serviços profissionais nas áreas de risco, estratégia e pessoas. Com cerca de 65 mil colegas e receita anual de mais de US$ 14 bilhões, através de suas empresas líderes do mercado, incluindo Marsh, Guy Carpenter e Oliver Wyman, a Marsh & McLennan ajuda os clientes a navegar em um ambiente cada vez mais dinâmico e complexo. Para mais informações, visite www.mercer.com.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: Comentários com Link são bloqueados automaticamente (Comments with Links are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo

Notícias ::

Mais Itens ::

NEWSLETTER SEGS