Brasil, 21 de Março de 2019

+ F O N T E -

Para especialista, setor alimentício deve impactar o IPCA de dezembro

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgará, nesta sexta-feira (11), o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), pesquisa mensal que mede a variação de preços do mercado para o consumidor final e representa o índice oficial da inflação no Brasil. Para o Professor da Faculdade Fipecafi, Diogo Carneiro, espera-se uma variação do índice em torno 0,3%, ficando em 3,9%, patamar inferior ao centro da meta, de 4,5%. "O índice medido para o mês de dezembro deve inverter o sinal em relação ao mês de novembro, período em que apresentou uma deflação de -0,21%. O mês de dezembro possui forte sazonalidade na parte da demanda, além de implicar pressões oriundas dos grupos de alimentos", explica.

De acordo com o especialista, para atingir o centro da meta, a inflação de dezembro deveria ser de 0,88%, valor superior ao esperado. "O IPCA não costuma chegar a um patamar tão alto no mês de dezembro. Além das pressões provenientes de circunstâncias pontuais nos grupos de alimentos, existem poucos elementos de reajustes que impliquem na pressão inflacionária, principalmente, tarifas reguladas. É importante destacar, ainda, a redução na tarifa da energia elétrica para dezembro de 2018, este item é relevante para fins inflacionários e passou a ter "bandeira verde" em dezembro, implicando redução da cobrança extra vigente, até o momento", completa.

O período de fim de ano implica na diminuição da atividade econômica em razão de férias e recessos. "Nesta época, há um aumento no consumo e na demanda por bens e serviços. As festividades acabam refletindo nos índices de inflação, mas não implicam em uma pressão inflacionária excessiva, tanto positiva quanto negativa, uma vez que são eventos esperados e antecipados por empresas e consumidores", explica.

O índice reflete o custo de vida das famílias com renda mensal entre um e quarenta salários mínimos, sendo apuradas as informações nas 11 maiores regiões metropolitanas do Brasil. "O IPCA, também, pode ser utilizado pela população para embasar a correção monetária de contratos e condicionar o aumento de tarifas. O indicador é uma referência para a economia ao representar a perda do poder de compra do dinheiro ao longo do tempo, influenciando nas decisões a respeito da alocação de recursos, investimentos e definição de preços", afirma.

O coordenador afirma, ainda, que o poder de compra do consumidor segue estável. "O IPCA tem se mostrado estável, encerrando o ano relativamente próximo ao centro da meta. Isso demonstra que não há alterações extraordinárias na economia que impliquem pressões inflacionárias. Isso ocorre, principalmente, em razão da capacidade ociosa nas empresas, do lado da oferta, e do lado da demanda, soma-se a um cenário de baixa renda e de alto desemprego", diz.

O setor empresarial também é impactado pelo índice, assim como os investimentos. De acordo com o especialista, o índice serve como um termômetro a respeito do comportamento do consumidor e funciona como referência para eventuais ajustes de preços pelos empresários. "Já no setor de investimentos, a inflação sinaliza o comportamento da economia no que diz respeito à estabilidade e às pressões, relacionadas à disponibilidade de moeda, em face à atividade econômica. Sendo assim, o índice serve como instrumento para calcular o valor dos fluxos de caixa futuro e comparar com outras alternativas de alocação de recursos, sempre, considerando o que se espera em termos de atividade econômica e retorno dos investimentos", finaliza Carneiro.

Sobre a Fipecafi:
A Fipecafi foi fundada em 1974 por professores do Departamento de Contabilidade e Atuária da FEA/USP (Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo) e atua desde então como órgão de apoio institucional ao departamento. Dentre seus principais objetivos estão: a missão de desenvolver e promover a divulgação de conhecimentos da área contábil, financeira e atuarial, organizar cursos, seminários, simpósios e conferências, prestar serviços de assessoria e consultoria e realizar pesquisas, atendendo entidades dos setores público e privado. Mais informações: http://www.fipecafi.org.

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

ADICIONE SEU COMENTÁRIO..::
Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Esta ferramenta é automatizada...Sucesso!


voltar ao topo

Siga-nos::

Notícias::

Mais Itens::