Brasil, 20 de Outubro de 2018

+ F O N T E -

Maioria dos casais não dá acesso a detalhes financeiros um do outro, revela estudo

Maioria dos casais não dá acesso a detalhes financeiros um do outro, revela estudo

Acesso a senhas de cartões, limite bancário e gastos privados são algumas das informações omitidas. Psicólogo da Uninter explica a origem desse novo comportamento

Nada demonstra melhor a frase “o que é meu é seu” em um casamento do que abrir uma conta conjunta no banco, especialmente se um dos cônjuges recebe muito mais do que o outro. No entanto, de acordo com pesquisa realizada na Inglaterra com mil pessoas comissionadas pela empresa Prudential, grande parte dos casais atualmente guardam segredos um do outro quando o assunto é finanças.

Segundo o estudo, mais de 50% dos entrevistados disse não saber o salário do cônjuge e um número similar afirma esconder a existência de cartões de créditos e empréstimos pessoais. O estudo revela uma mudança no comportamento entre casais.

Nos anos 1970 e 1980, contas conjuntas passaram a ser cada vez mais comuns com a entrada das mulheres no mercado de trabalho. Agora, é possível que os casais, apesar de dividirem vários aspectos de suas vidas, prefiram manter certa independência quando o assunto é dinheiro.

“As mulheres do século XX conquistaram suas autonomias, investiram em suas formações acadêmicas e, assim, alcançaram sua independência. Elas exercem profissões que eram de exclusividade dos homens, como nas áreas da Informática e das Engenharias. Para muitas delas a própria maternidade foi protelada para após as realizações profissionais”, explica o psicólogo do Centro Universitário Internacional Uninter, Ivo Carraro.

O estudo mostra que os homens que revelaram esconder dinheiro tinham mais propensão de fazê-lo para realizar gastos pessoais com entretenimento e saídas sem a parceira, enquanto mulheres alegaram que faziam reservas, em sua maioria, para casos de haver um rompimento no relacionamento, como um fundo de reserva.

Outra explicação do especialista é que o conceito de amor também mudou. “No século XXI, as pessoas pensam que já são completas por si sós. As disfunções conjugais ocorrem com mais frequência, daí a individualidade financeira apontada nos estudos dos casais”.

Uma nova pesquisa realizada pela empresa britânica de seguros de vida, Direct Line Life Insurance, mostra que um a cada cinco britânicos, tem um parceiro que não sabe detalhes financeiros sobre valores de pensão relacionados à aposentadoria. Ainda, quase uma pessoa casada em cada cinco nega ao parceiro acesso a poupanças, aumentando para 28% quando considerado pessoas em uniões estáveis como um todo. O estudo mostra que 16% das pessoas casadas não dão acesso a detalhes de cartão de crédito os seus companheiros, número que sobe a 27% quando considerado casais em uniões estáveis.

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

ADICIONE SEU COMENTÁRIO..::
Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Esta ferramenta é automatizada...Sucesso!


voltar ao topo