Brasil,

Universidade Johns Hopkins mostra impactos ambientais positivos da redução do consumo de carnes no Brasil

Universidade Johns Hopkins mostra impactos ambientais positivos da redução do consumo de carnes no Brasil

Redução no consumo de carnes, leite e ovos diminuiria o impacto dos brasileiros sobre as emissões de gases de efeito estufa no país.

Uma nova de pesquisa da Universidade Johns Hopkins, recém-publicada no revista científica Global Environmental Change, analisou dados de 140 países e os impactos ambientais de diferentes dietas nas emissões de gases de efeito estufa e no uso de recursos hídricos de cada país.

Para a análise, os pesquisadores consideraram vários tipos de dietas fornecendo 2300 calorias e 69 gramas de proteína por pessoa por dia.

Dentre estas, avaliaram a dieta padrão do país, dietas envolvendo abstenção de produtos de origem animal um dia por semana, dietas sem laticínios, vegetarianas, dietas parcialmente veganas e dietas 100% veganas.

Os resultados mostraram que o Brasil é um dos países com uma das maiores pegadas de carbono por habitante do mundo, mas que a diminuição no consumo de produtos de origem animal - ainda que apenas um dia por semana - reduziria substancialmente o impacto de cada habitante sobre as emissões de gases de efeito estufa.

Considerando o conjunto dos 140 países, em um cenário hipotético de mudança para uma dieta vegana (sem nenhum produto de origem animal), a redução per capita nos níveis de emissão de gases de efeito estufa provenientes da alimentação chegaria a 70% em média.

Resultados parecidos foram observados em relação ao impacto das dietas sobre a pegada hídrica dos brasileiros (ou seja, sobre o consumo direto e indireto da água necessária para produção de alimentos para cada habitante). Os autores argumentam que a redução no consumo de carnes, ovos e laticínios teria grande potencial de reduzir o gasto da água usada na produção de alimentos (incluindo a água extraída de cursos d’água para irrigação de colheitas), contribuindo assim para a mitigação de futuras crises hídricas.

Além dos benefícios ambientais, a redução no consumo de carnes e derivados poderia trazer também benefícios à saúde da população, principalmente no combate a doenças crônicas e obesidade. Um primeiro passo neste sentido é a adoção de campanhas como a Segunda Sem Carne, que substitui as carnes, ovos e leite por proteína vegetal de valor nutricional equivalente um dia por semana. No Brasil, a campanha encontra um número crescente de adeptos, está presente em mais de 100 municípios e só no primeiro semestre de 2019, ofereceu mais de 42 milhões de refeições à base de vegetais em escolas públicas, instituições de caridade e refeitórios de empresas.

Fonte: Kim et al (2019). Country-specific dietary shifts to mitigate climate and water crises. Global Environmental Change , 101926.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo