Com aprovação do Plano Nacional de Florestas Plantadas, mais indústrias devem entrar no mercado brasileiro, afirma Marcelo Schmid, da Forest2Market

Aumento na demanda por matéria-prima florestal devido ao uso da biomassa florestal como fonte de produção de energia, avanço das novas fronteiras, entrada de novas indústrias e possível queda do preço de matéria prima a longo prazo em algumas regiões. Estas são algumas decorrências previstas por Marcelo Schmid, diretor da Forest2Market do Brasil, com a aprovação, mês passado, do Plano Nacional de Florestas Plantadas (PNDF) pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Segundo o especialista no setor florestal, entre os objetivos do PNDF está o aumento da participação do setor florestal na produção de energia. Para ele, a inclusão do setor florestal no plano de expansão da matriz energética do país representa um grande passo para o setor florestal. Como os leilões de energia do Ministério de Minas e Energia permitem contratos de longo prazo, entre 20 e 25 anos, isto provavelmente acarretará aumento na demanda por matéria-prima florestal.

Outra consequência da aprovação do PNDF é que novas fronteiras florestais, como o MATOPIBA (expansão de uma nova fronteira agrícola no Brasil baseada em tecnologias modernas de alta produtividade nos estados do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia) se desenvolvam a partir da expansão da área plantada prevista no PNDF, em função das limitações de aumento da área plantada em estados onde o setor florestal é tradicional (Paraná e Santa Catarina), por conta da concorrência com outros usos do solo (agricultura, áreas urbanas, etc.). Além disso, segundo Marcelo, espera-se que novas indústrias se instalem, pois com o otimismo do setor e maior oferta de matéria-prima, algumas empresas já anunciaram expansões de suas fábricas neste primeiro semestre, e espera-se que novas indústrias se instalem no país.

Marcelo conclui que, em sendo as demais etapas do plano bem-sucedido, no longo prazo o maior equilíbrio entre oferta e demanda pode acarretar queda do preço da matéria-prima em algumas regiões.

O PNDF tem como meta ampliar a área ocupada com florestas plantadas, adicionando dois milhões de hectares até 2030, e trazer segurança jurídica para investimentos no setor.

Sobre a Forest2Market

Criada em janeiro de 2000, a Forest2Market busca capacitar os participantes das indústrias florestal, de madeira e produtos de papel, bioquímicos e de bioenergia a tomar melhores e melhores decisões, aplicando especialização no setor e conjuntos de dados exclusivos. Como uma empresa que acredita que a única maneira de obter uma compreensão real do mercado é coletando dados transacionais, a Forest2Market tem um banco de dados único, atual e exclusivo de transações entregues e uma abrangente infraestrutura de coleta de dados, que permite a coleta de milhões de transações de mercado a cada ano. É um terceiro neutro, independente em propriedade e estrutura, que quantifica os custos de armazenamento, aquisição, frete e despesas gerais, proporcionando uma visão sem precedentes sobre a cadeia de fornecimento de matéria-prima de madeira. A Forest2Market do Brasil é responsável pelas operações da empresa em toda a América Latina. Para mais notícias sobre Forest2Market, visite o Twitter, LinkedIn e Website.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário
Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Esta ferramenta é automatizada...Sucesso!


voltar ao topo