Brasil,

Eventos

Exportação CIF ganha espaço com frete e seguro barato

Os baixos valores do frete marítimo internacional e custo do seguro de transporte abrem uma excelente oportunidade para as empresas que vendem suas mercadorias ao exterior adotarem estratégias de negociação assumindo os custos de frete e seguro. Tradicionalmente, os exportadores brasileiros vendem suas mercadorias na condição FOB (Free On Board). Nesse termo de Incoterms, o vendedor encerra suas obrigações e responsabilidades com a entrega da mercadoria desembaraçada para exportação a bordo do navio no porto de embarque, deixando a responsabilidade pela contratação do frete e seguro para o comprador e em seu país.

  • SEGS.com.br - Categoria: Seguros
Leia mais ...

Perspectivas para o Mercado de Capitais em 2016

O ano de 2015 terminou pior que o “worst case scenario” imaginado para o mercado de capitais ao final de 2014, o que deixa todos muito apreensivos com relação a 2016. A gravíssima crise política, fiscal e moral tem produzido efeitos extremamente negativos na economia, como a queda do PIB, juros elevados, inflação crescente e dólar alto. A perda do grau de investimento em setembro pela agência de rating Standard & Poors traz uma perspectiva de continuidade na deterioração econômica, caso nada de objetivo seja feito no campo da responsabilidade fiscal. Como consequência direta deste quadro, o número de investidores pessoa física na Bolsa caiu, atingindo 557,8 mil (fonte: BVMF, out/2015), praticamente o mesmo número de 2009. Além disto, houve apenas um IPO no Brasil em 2015, enquanto sete empresas fecharam o capital até outubro.

  • SEGS.com.br - Categoria: Seguros
Leia mais ...

Previdência: contribuições crescem 18,7% no ano

As contribuições feitas por titulares dos planos de previdência complementar aberta somaram R$ 95,6 bilhões no acumulado de janeiro a dezembro de 2015. O volume é 18,7% maior que registrado em 2014, quando foram aplicados R$ 80,6 bilhões, de acordo com dados informados pelas 71 seguradoras e entidades abertas de Previdência Complementar, representadas pela FenaPrevi (Federação Nacional de Previdência Privada e Vida). Os indicadores consolidados mostram que a captação líquida dos planos (diferença entre captação e resgates) registrou saldo positivo de R$ 48,9 bilhões, volume 22% superior aos R$ 40,1 bilhões registrados no ano anterior.

  • SEGS.com.br - Categoria: Seguros
Leia mais ...
Assinar este feed RSS

Sobre nós ::

Siga-nos ::

Notícias ::

Mais Itens ::

NEWSLETTER SEGS