Brasil, 23 de Fevereiro de 2019

+ F O N T E -

Documentário 'Espero Tua (Re)volta', de Eliza Capai, estreia sábado, 9, no Festival de Berlim

Produzido pela tva2, o longa integra a mostra geração 14+ e foi selecionado para o glashütte original – documentary award 2019, que premia o melhor documentário do festival

O filme “Espero Tua (Re)volta”, dirigido por Eliza Capai, será exibido pela primeira vez neste sábado, 9, no Festival de Berlim. A produção compete na Mostra Geração 14+ e integra a s e l e ç ã o do Glashütte Original – Documentary Award 2019, que premia com troféu e 50 mil euros o melhor documentário do festival. O longa aborda as lutas estudantis no ponto de vista de três jovens ex-secundaristas que participaram das ocupações das escolas paulistas em 2015: Lucas “Koka”, Marcela Jesus e Nayara Souza. E conta com material inédito, reportagens da época e imagens de arquivo das marchas e ocupações.

O trailer disponível em https://youtu.be/DIA5N72zi4Q mostra imagens de passeatas de estudantes, da ocupação de escolas, do congresso da UNE de 2017, entre outras. No filme, os três narradores relembram os eventos de 2013, até chegarem ao processo de impeachment de Dilma Rousseff em 2016 e à vitória do candidato à Presidência da República Jair Bolsonaro em 2018. O trio propõe diferentes olhares e vivências, mas têm em comum o ativismo por um ensino público de qualidade e uma cidade mais inclusiva. As lutas por direitos coletivos acabaram por lhes render também importantes conquistas individuais: a partir dos debates de feminismo, temas LGBT e de antirracismo realizados dentro das ocupações, os jovens transformaram suas relações e suas próprias formas de se verem e se apresentarem no mundo.

O filme é uma produção da TVa2, com coprodução da Globo Filmes/Globonews, através da Lei de Audiovisual, em conjunto com investimentos do Fundo Setorial (BRDE/Ancine), através de parceria com o Canal Curta! e distribuição da Taturana Mobilização.

Em Berlim, o filme terá sessões nos seguintes dias, horários e locais:

Sábado, 09/02, às 16h (local de Berlim), na HKW (Premiere)
Domingo, 10/02, às 20h15m, no Cubix 8
Quinta, 14/02, às 16h, no Zoo Palast 2
Sábado, 16/02, às 10h, no CinemaxX 1
Para outras informações acesse: https://www.facebook.com/esperotuarevolta/

Sinopse

Quando a crise se aprofundou no Brasil, os estudantes saíram às ruas e ocuparam escolas protestando por um ensino público de qualidade e uma cidade mais inclusiva. Espero Tua (Re)volta acompanha as lutas estudantis desde as marchas de 2013 até a vitória do presidente Jair Bolsonaro em 2018. Inspirada pela linguagem do próprio movimento, o filme é conduzido pela locução de três estudantes, representantes de eixos centrais da luta, que disputam a narrativa, explicitando conflitos do movimento e evidenciando sua complexidade.

Ficha Técnica
Direção e roteiro: Eliza Capai
Produção e Produção Executiva: Mariana Genescá
Narrado e escrito com a colaboração de: Lucas “Koka” Penteado, Marcela Jesus e Nayara Souza
Assistente de Produção Executiva: Jacqueline Melo
Montagem: Eliza Capai e Yuri Amaral
Fotografia: Bruno Miranda e Eliza Capai
Documentaristas 2015: Caio Castor e Henrique Cartaxo/Jornalistas Livres
Trilha Sonora Original: Décio 7
Edição de Som e Mixagem: Confraria de Sons & Charutos
Finalização: Clandestino
Arte e Letreiros: Bijari
Criação e lambe Cartaz: Zé Vicente
Foto cartaz: Carol Quintanilha
Tradução e legendas inglês: Paula Bara

Sobre a diretora

Eliza Capai é uma documentarista independente preocupada com temáticas sociais e formas criativas de produção, narrativas e distribuição. Jornalista formada pela Universidade de São Paulo (ECA/USP), assina a direção e roteiro de 15 curtas-metragens e quatro séries para TV, três séries para web, além de três médias e dois longas-metragens documentais. Atualmente é bolsista do OpenDocLab no MIT (Massachussets Institute of Technology).

​Seu primeiro longa, "Tão Longe é Aqui" (2013), discute a situação feminina a partir de uma viagem pela África e foi lançado com o prêmio de Melhor Filme na Mostra Novos Rumos do Festival do Rio, entre outros prêmios no Brasil e no exterior.

Em 2014 seu curta “Severinas”, sobre a autonomia feminina no sertão, foi finalista do Prêmio Garcia Marques de Jornalismo Ibero-americano. Em 2016, lançou seu segundo longa, “O jabuti e a Anta”, que através de personagens ribeirinhas e indígenas, reflete sobre as gigantes hidrelétricas amazônicas. Em 2017, Eliza lançou a partir de uma distribuição coletiva, o média "#Resistência" (2017).

Sobre a TVa2

A TVa2 é uma produtora independente de filmes focada na realização de documentários com temáticas sociais e políticas.

Em TV, já exibiu suas produções em diversos canais no Brasil e também no exterior, como BBC, RTP e Aljazeera.

Em cinema, o longa ‘O Estopim’ (2014), sobre a ocupação militarizada das favelas do Rio, entre outros importantes prêmios e festivais, venceu o Grand Prix do Festival Internacional de Televisão de São Paulo.

O longa anterior, ‘Cortina de Fumaça’ (2010), sobre política de drogas, participou de mais de 20 festivais e integra a lista internacional dos “11 documentários que podem mudar a sua visão do mundo”, publicada pela Revista Galileu e pelo blog Hypeness.

Atualmente, a TVa2 lança a sua mais recente produção, o longa “Espero tua (re)volta” (2019), de Eliza Capai, na Mostra Generation 14plus do Festival Internacional de Berlim.

https://www.facebook.com/tva2producoes/

Sobre a Taturana Mobilização Social

A Taturana é uma distribuidora de filmes com foco em impacto social. Fundada em 2013, vem trabalhando com circuitos comerciais e não comerciais com o objetivo de democratizar o acesso ao cinema e potencializá-lo como ferramenta de impacto social.

www.taturanamobi.com.br

Sobre a Globo Filmes / Globonews

A associação entre a GloboNews e a Globo Filmes tem entre seus principais objetivos formar plateias para o documentário e, em consequência, ampliar o consumo desses filmes nas salas de cinema. A parceria tem contribuído para um importante estímulo ao documentário no Brasil, onde o gênero ainda tem pouca visibilidade quando comparado aos demais países. A iniciativa visa o fortalecimento e a promoção dentro do mercado audiovisual brasileiro, através da coprodução e da exibição desses longas.

O projeto completa cinco anos em 2019 e a parceria estimula a criação de longas-metragens que, após a exibição nas salas de cinema, vão ao ar na emissora. Ao longo desse período, os filmes foram vistos por mais de seis milhões de pessoas no canal por assinatura e o alcance médio das produções foi de 450 mil telespectadores por exibição.

Foram lançados filmes como Brasil: DNA África, Cidades Fantasmas, vencedor do Festival É Tudo Verdade 2017, Slam: Voz de Levante e Pitanga, premiados respectivamente nos Festivais do Rio e de Tiradentes em 2017, e A Corrida do Doping - até o momento, o filme mais visto na faixa da GloboNews.

Outros destaques foram o longa coletivo 5 x Chico – O Velho e Sua Gente, sobre comunidades banhadas pelo Rio São Francisco, selecionado para quatro festivais internacionais na França; Tim Lopes - Histórias de Arcanjo, sobre a trajetória do jornalista morto em 2002; Betinho - A Esperança Equilibrista, que narra a vida do sociólogo Herbert de Souza, Menino 23, que acompanha a investigação do historiador Sidney Aguilar a partir da descoberta de tijolos marcados com suásticas nazistas em uma fazenda no interior de São Paulo, ambos vencedores do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro em 2016 e 2017, respectivamente; Setenta, de Emília Silveira, sobre a militância política nos anos 1970, que recebeu dois prêmios no 8º Festival Aruanda (Paraíba), incluindo o de Melhor Filme pelo júri popular; e o premiado Meu nome é Jacque, de Angela Zoé, que enfoca a diversidade sexual a partir da experiência da transexual Jacqueline Rocha Cortês, eleito o Melhor Longa Nacional pelo júri do Rio Festival de Gênero & Sexualidade no Cinema 2016.

Entre 2018 e 2019, são mais de 65 filmes em produção, envolvendo mais de 60 produtoras de diferentes regiões do país, ajudando a fomentar o mercado.

Sobre o Curta!

Dedicado às artes, à cultura e às humanidades, o Curta! é um canal independente que acolhe a experimentação e se orgulha de ser um parceiro dos realizadores, artistas, criadores e produtores. Com o compromisso de transmitir 12 horas por dia de programação nacional independente, o canal pauta a sua programação pelos seguintes temas: música, dança, teatro, artes visuais, arquitetura, metacinema, filosofia, literatura, história política e sociedade.

O Curta! pode ser visto nos canais 56 e 556 da NET e da Claro TV, no canal 75 da Oi TV e no canal 664 da Vivo, oferecido à la carte pela operadora.

Siga o Curta! nas redes sociais: www.facebook.com/CanalCurta, https://twitter.com/canalcurta e www.youtube.com/user/canalcurta

Saiba mais em http://www.canalcurta.tv.br.

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

ADICIONE SEU COMENTÁRIO..::
Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Esta ferramenta é automatizada...Sucesso!


voltar ao topo

Notícias::