Brasil, 24 de Junho de 2018

+ F O N T E -

Valério faz show de lançamento do disco “Água Pedra”

*dia 21/03, às 20h30, no Sesc Pinheiros

* participação especial de Kiko Dinucci

O cantor e compositor VALÉRIO faz show de lançamento do álbum “Água Pedra” (selo Desmonta) no dia 21 de março, quarta-feira, às 20h30, no Auditório do Sesc Pinheiros (Rua Paes Leme, 195- Pinheiros).

Com vozes etéreas e uso de instrumentos não convencionais, as melodias vão do afropop psicodélico ao rock ensolarado e regionalista em poucos minutos. O resultado é um encontro de diferentes ritmos e fórmulas instrumentais que bebe da música africana de forma curiosa, flertando com o pop sem necessariamente se perder.

No show no Sesc Pinheiros, Valério (guitarra, kalimba e voz) apresenta-se acompanhado por Zé Barrichello (guitarra, charango e voz), Rodrigo A Hara (baixo), Esdras Oliveira (bateria), Marco Nalesso (teclado), e conta com a participação especial de Kiko Dinucci.

Produzido pelo próprio cantor, o disco foi gravado em São Paulo em fevereiro de 2016 no Estúdio Family Mob por Jean Dolabella, Bruno Lafaza e Marcelo Ariente Mckoy e em janeiro de 2017 na Fábrica de Cultura do Capão Redondo por José Antonio Auz. Gravações adicionais por Gustavo Potumati no Estúdio Flecha Diamante, Ivan Silva no Estúdio Batucada Fantástica e Zé Barrichello e Valério no Estúdio Casa do Zé. Mixado e editado por Gustavo Potumati ao longo de 2016 e 2017 e masterizado por Tiago Frugoli em outubro de 2017.

Desenho da capa por Luís Alexandre Lobot

Projeto gráfico por Acauã Novais

Produzido por Valério

Selo: Desmonta 031

Na internet:

>bandcamp: https://valrio.bandcamp.com/album/gua-pedra

>youtube:

>videoclipe:

>facebook: https://www.facebook.com/lastnamevalerio/

>spotify:http://httpsen.spotify.com/album/5S6eW9Y98gyDlv6ameiSme?si=Ove-t_BNSKiAVJXT617RWw

Sobre o disco “Água Pedra” - Por Maria Lutterbach

Antes (https://valrio.bandcamp.com/track/antes) da nave aterrissar e abrir suas comportas, dá pra ver que Valério não chega sozinho. Junto dele estão emissários siderais para confirmar que a música veio de longe: “Não é da rádio, nem da TV”. E os ecos dessa viagem expandida vão integrar toda a jornada terrena que se abrirá a quem tiver ouvidos para ver. Com formas e padrões circulares, os sons trazidos do além-cosmos parecem dizer que a natureza se repete e persiste, sendo ela mesma resiliência - feito água em pedra.

Natural também que a mensagem de Valério dessa vez seja canalizada em uma voz usada como instrumento. Um canto intuitivo que é mais arranjo do que ferramenta da canção, e vem contagiado pela pureza da kalimba, sua leal escudeira. É ela mesma que inaugura o festim, com um frescor capaz de borrifar água no Deserto (https://valrio.bandcamp.com/track/deserto). Se a nave desceu onde antes se comia poeira, aos poucos começamos a avistar, aqui e ali, pequenos lagos coloridos.

A kalimba aquática já tinha se infiltrado antes na guitarra de Valério, que segue guia dessa nova temporada, e cada vez mais destemida em sua face percussiva. Como se da embarcação tivesse saltado junto um novo instrumento-criatura, feito do encontro guitarra-kalimba, com notas naturais que não se incomodam de estar bem coladas umas às outras. Em uma trilha solar, a guitarra voa e vai ser preciso Vestir as calças (https://valrio.bandcamp.com/track/vestir-as-cal-as) para tomar não o rumo que o mundo pede, mas aquele que o Sol aponta. E o Sol sabe fazer festa.

Quando a celebração pega embalo no Vento (https://valrio.bandcamp.com/track/vento), subimos de vez ao encontro dos rios e ritmos do Norte, com Fincada (https://valrio.bandcamp.com/track/fincada), Antídoto (https://valrio.bandcamp.com/track/ant-doto) (atraindo o Erê que acompanha Valério), e Barulho senhor (https://valrio.bandcamp.com/track/barulho-senhor). Então, temos um baile inventado em cima de pedras quentes e arredondadas que não machucam os pés de quem dança sobre elas com passos suspensos, coletivos, quase mancos, num pacto de ritual. No caso de precisar tomar um gole d’água ou soprar uma fumaça intergalática, volte algumas casas até Marfim (https://valrio.bandcamp.com/track/marfim) e recupere o prumo na cadência anuncia uma despedida ainda mais colada ao batuque. Porque a África, afinal, fica logo ali do outro lado.

Onde começa e onde termina o som pouco importa quando a música é ancestral, esférica, trazendo para perto símbolos, como a serpente que morde a própria cauda no mantra-macumba O fim pelo começo (https://valrio.bandcamp.com/track/o-fim-pelo-come-o). E quando alguém acha que a poeira levantada finalmente baixou, a nave volta a rugir porque já é hora de decolar. Mas não sem antes sublimar de vez os tambores e o baile todo em Iluminação (https://valrio.bandcamp.com/track/ilumina-o), num suingue que acende e apaga ao mesmo tempo. Como diriam os emissários, é preciso saber piscar o olho certo para a sombra. Câmbio.

ÁGUA PEDRA – VALÉRIO

1. Antes - Valério: voz; Zé Barrichello: piano

2. Deserto - Valério: kalimba e voz; Zé Barrichello: charango, flauta e backing vocal; Rodrigo A Hara: baixo; Esdras Oliveira: bateria; Marco Nalesso: sintetizador

3. Vestir as calças - Valério: guitarra e voz; Zé Barrichello: guitarra; Rodrigo A Hara: baixo; Esdras Oliveira: bateria; Marco Nalesso: cowbell; Bjanka Vijunas: voz

4. Vento - Valério: guitarra, vozes e percussão; Zé Barrichello: charango; Rodrigo A Hara: baixo; Esdras Oliveira: bateria; Marco Nalesso: sintetizador

5. Fincada - Valério: guitarra; Zé Barrichello: charango; Rodrigo A Hara: baixo; Esdras Oliveira: bateria

6. Marfim - Valério: guitarra, baixo e vozes; Zé Barrichello: guitarra; Esdras Oliveira: bateria; Marco Nalesso: cowbell, piano e chocalho

7. O fim pelo começo - Valério: guitarra, sintetizador e vozes; Zé Barrichello: charango; Rodrigo A Hara: baixo; Esdras Oliveira: bateria; Marco Nalesso: darbuka

8. Iluminação - Valério: kalimba; Zé Barrichello: guitarra; Esdras Oliveira: bateria; Marco Nalesso: pandeiro

9. Antídoto - Valério: kalimba e voz; Zé Barrichello: charango; Rodrigo A Hara: baixo; Marco Nalesso: teclado

10. Barulho senhor - Valério: guitarra e voz; Zé Barrichello: charango e backing vocals; Rodrigo A Hara: baixo; Esdras Oliveira: bateria

Serviço:
VALÉRIO - LANÇAMENTO DO ÁLBUM ÁGUA PEDRA. PARTICIPAÇÃO DE KIKO DINUCCI

Dia 21 de março de 2018. Quarta, às 20h30
Local: Auditório (3° andar). 98 lugares
R$ 25,00 (inteira). R$ 12,50 (meia entrada: estudante, servidor de escola pública, + 60 anos, aposentados e pessoas com deficiência). R$ 7,50 (credencial plena do Sesc: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes).
Não recomendado para menores de 10 anos

SESC PINHEIROS

Endereço: Rua Paes Leme, 195.

Bilheteria: Terça a sábado das 10h às 21h. Domingos e feriados das 10h às 18h.
Tel.: 11 3095.9400.

Estacionamento com manobrista: Terça a sexta, das 7h às 21h30; Sábado, das 10h às 21h30; domingo e feriado, das 10h às 18h30. Taxas / veículos e motos: Credenciados plenos no Sesc: R$ 12 nas três primeiras horas e R$ 2 a cada hora adicional. Não credenciados no Sesc: R$ 18 nas três primeiras horas e R$ 3 a cada hora adicional.

Transporte Público: Metrô Faria Lima – 500m / Estação Pinheiros – 800m


Publicidade

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IIMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...
 
www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

ADICIONE SEU COMENTÁRIO..::
Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Esta ferramenta é automatizada...Sucesso!


voltar ao topo

Sobre nós::

Siga-nos::

Notícias::

Mais Itens::