Brasil, 14 de Dezembro de 2019

Solução para o déficit educacional, Alicerce é alternativa que tira crianças de suas casas e das ruas no contraturno escolar

Com meta de conquistar 4 milhões de alunos nos próximos anos, empresa de reforço escolar - que tem como sócios Paulo Batista, Eduardo Mufarej Jair Ribeiro e Luciano Huck - é alternativa de baixo custo para educação

Criado com o objetivo de ser a solução para o déficit de oportunidades brasileiro, o Alicerce é uma startup de educação que oferece um programa de desenvolvimento integral de jovens através de aulas de reforço escolar de português e matemática, aulas de inglês e programação, além de atividades educativas e socioemocionais, para jovens de 6 a 17 anos. Desde 2018, o negócio de alto impacto social trabalha também com a missão de reduzir a desigualdade e a falta de oportunidade do jovem da periferia, ajudando a elevar o nível do capital humano do país. Com meta de conquistar 4 milhões de alunos nos próximos anos, as aulas com duração diária de até 5h30 e baixo custo ajudam as famílias no problema de ociosidade do contraturno da escola.

A construção do Alicerce foi baseada em uma engenharia reversa a partir dos problemas brasileiros, não existindo nada exatamente igual fora do Brasil. No entanto, várias fontes de inspiração foram utilizadas para se chegar ao modelo ideal. Experiências bem-sucedidas do Canadá, Estados Unidos, China, Alemanha, Finlândia, Espanha e Austrália foram utilizadas para dar base ao método pedagógico, mas as características peculiares do Brasil exigiam a construção de algo inovador e totalmente adaptado à realidade local.

Com propósito de ajudar a solucionar os diversos problemas de um país subdesenvolvido, nascia em 2018 o Alicerce. Paulo Batista, o idealizador e fundador do Alicerce, explica que “é no déficit educacional brasileiro que está ancorada a missão do Alicerce. Temos no país 40 milhões de jovens em situação de vulnerabilidade, e 11 milhões que não estão na faculdade e nem conseguem o primeiro emprego, sendo a falta de qualificação uma das causas desse cenário. 70% dos jovens brasileiros não têm o nível básico de conhecimento de matemática se considerados os padrões internacionais”.

Antes do Alicerce, Batista obteve sucesso com a criação e desenvolvimento da Dental Cremer, empresa que revolucionou o mercado de distribuição de produtos odontológicos no Brasil. Antes disso, fez carreira no mercado financeiro, tendo trabalhado no banco Goldman Sachs e no fundo de investimento GP Investimentos. Eduardo Mufarej (ex-CEO da Somos Educação), Jair Ribeiro (fundador da Parceiros da Educação) e o apresentador Luciano Huck são também cofundadores do Alicerce, tendo ajudado a custear os primeiros investimentos e contribuído para a idealização do projeto.

Metodologia

Para liderar a criação de um modelo ideal para o jovem brasileiro, o Alicerce convidou Mônica Weinstein, pesquisadora global nas áreas de aprendizagem e cognição no contexto da educação. Além de ser referência no Brasil, ela realizou pesquisas na Universidade de Harvard e na Universidade McGill, em Montreal. Antes de ingressar na Alicerce, liderou o desenvolvimento dos métodos inovadores “Todos Aprendem” e “Coruja”, aplicados por Pearson, Avenues Schools, e escolas públicas de 2013 a 2018.

Ao chegaram no Alicerce, os jovens passam por um processo de avaliação e diagnóstico que compreende seus conhecimentos em português e matemática e questões relacionadas ao seu desenvolvimento socioemocional. A partir deste diagnóstico, é elaborada a chamada trilha de aprendizado para um ciclo de dois meses, período o qual o progresso do aluno é reavaliado e, sua trilha, refeita. O programa de ensino é organizado de acordo com o que o aluno precisa, e não no desafio de enquadrá-lo ao plano letivo, garantindo uma evolução rápida e assertiva.

Outra fonte de inspiração para um dos pilares do projeto, que é a utilização de lideranças universitárias para conduzirem as aulas, foi o Teach for America, uma ONG americana que leva universitários para a sala de aula. No Alicerce, o conteúdo é aplicado por jovens de 18 a 28 anos, que passam por um rígido processo seletivo e um cuidadoso processo de formação inicial e continuada. São jovens universitários ou recém-formados, em sua maioria oriundos de escolas públicas. A motivação e o comprometimento em “fazer diferente”, além da proximidade geracional com os alunos, estão entre os fatores que justificam a paixão dos alunos pelas aulas.

As turmas têm capacidade para 40 alunos, as aulas são individualizadas, tecnológicas e divertidas. Entre as disciplinas, estão inclusas a aprendizagem, o desenvolvimento socioemocional, aulas de português e matemática, descoberta - atividades com temas relacionados a conhecimentos da humanidade, como física, química, astronomia, música e literatura -, inglês e programação. Com a filosofia “Ninguém fica pra trás”, trata-se de um formato totalmente inclusivo e um modelo de trabalho “student-centric”, onde o trabalho se adequa ao ritmo e comportamento de cada aluno, e não o contrário.

Como benefícios, desenvolvimento do comportamental e atitude, melhora da performance na escola, alunos posicionados entre os 5% mais qualificados de sua geração, além da garantia do primeiro emprego ao final do programa.

Negócio

É no déficit educacional brasileiro que está ancorada a missão e o potencial ganho de escala do Alicerce, e equilibrar o impacto social e o lucro é a fórmula para multiplicar a capacidade e atingir 4 milhões de alunos nos próximos anos. O foco do trabalho oferecido pela startup está em quem não faz parte da “elite brasileira”, os alunos de escolas públicas oriundos de famílias das classes C e D, e também nos da classe B, matriculados em escolas particulares de bairro, mas que necessitam do reforço escolar.

Os valores cobrados pelas mensalidades demonstram o foco da empresa neste perfil socioeconômico e a tornam uma opção viável de contraturno para os pais, que muitas vezes não têm com quem deixar os filhos enquanto estão no trabalho. A mensalidade do plano base, com aulas três vezes por semana, custa R$ 118,00. No plano completo, agrega-se o inglês e a programação, estendendo a carga horária para 5 dias na semana, com mensalidade de apenas R$ 178,00. Nos dois planos, os alunos podem permanecer na escola por até 5h30, sendo 3h dedicadas às aulas e 2h30 às brincadeiras e atividades lúdicas.

A estrutura física é outra ponta que fundamenta o modelo de negócio. Instalada em imóveis locados, a escola conta com salas de aula enxutas (com área entre 65 e 70 m²), suficientes para comportar as “estações de aprendizagem” e os equipamentos necessários à realização das aulas, que vão dos tradicionais lousa e giz a tablets, jogos pedagógicos e quadro com tecnologia touch. O desenvolvimento do projeto padrão de baixo custo contou com a assessoria do arquiteto Marcelo Rosembaum. As mesas e cadeiras são produzidas em uma fábrica própria, garantindo a redução do custo de operação.

Atualmente, o Alicerce possui seis escolas, localizadas em São Paulo, Belo Horizonte e Curitiba, atendendo já 400 alunos, conquistando uma média de 50 novas matrículas por semana. Para julho de 2020, data em que o Alicerce completa um ano de operação, o objetivo é ter 70 unidades, com capacidade para atender até 70 mil alunos.

Sobre o Alicerce

Criado com o objetivo de ser a solução para o déficit de oportunidades do brasileiro, o Alicerce é um complemento escolar presencial para jovens de 6 a 17 anos que utiliza as técnicas educacionais mais modernas do mundo. Com aulas totalmente inclusivas e individualizadas, e com um modelo de trabalho “student-centric”, o método se adequa ao ritmo e comportamento de cada aluno, garantindo que todos aprendam rapidamente. Desde 2018, o negócio de alto impacto social trabalha também com a missão de reduzir a desigualdade e a falta de oportunidade do jovem da periferia, ajudando a elevar o nível do capital humano do país. Com meta de conquistar 4 milhões de alunos nos próximos anos, as aulas com duração diária de até 5h30 e baixo custo ajudam as famílias no problema de ociosidade do contraturno da escola. No Alicerce, ninguém fica pra trás. Conheça mais no site www.alicerceedu.com.br.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: Comentários com Link são bloqueados automaticamente (Comments with Links are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo

Notícias ::

Mais Itens ::

NEWSLETTER SEGS