Brasil, 21 de Outubro de 2019

Jovem supera problemas com déficit de atenção e trilha caminho para o sucesso

Vitória Frozi passou por cima das dificuldades causados pelo TDAH e, hoje, inspira de crianças a adultos com seu talento e determinação

Rio de Janeiro, fevereiro de 2019: Desde pequena, Vitória Frozi aprendeu a lidar com as dificuldades e as transformar em motivação. O nome escolhido por seus pais é um verdadeiro retrato de sua trajetória. Ao ser diagnosticada com TDAH (Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade), a garota compreendeu o motivo do baixo rendimento escolar e a constante dificuldade de adaptação. O bullying, que os colegas de classe faziam por sua participação no programa Super Nany na América Latina, foi um forte agravante na situação.

Diante de toda esta situação, a família de Vitória procurou, tanto no Brasil quanto no exterior, instituições de ensino capazes de lidar com seu perfil e com as peculiaridades do transtorno, mas não encontrou. Para ajudar a filha, Gabriel Frozi vendeu tudo que tinha e resolveu abrir a Recreio Christian School, o primeiro colégio da América Latina com atendimento especializado para crianças e adolescentes diagnosticados com TDAH. Lá, os jovens recebem os cuidados necessários e treinam funções cerebrais como a concentração, memória de curto prazo, velocidade de processamento e a retenção de informação.

Ao ter um ensino adequado, Vitória melhorou consideravelmente seu desempenho, mas foi sua paixão pela música que a fez dar a volta por cima e deixar os traumas no passado. Sua belíssima voz a fez chegar na grande final do show de talentos do Programa Raul Gil, onde recebeu o apelido de "Valente", por causa da grande semelhança física com a princesa da Disney. A jovem possui um número considerável de seguidores nas redes sociais e atualiza constantemente seu canal no Youtube com vídeos de performances musicais. O repertório é abrangente e conta com canções em português, inglês e francês.

Para Vitória, a música tem um significado ainda mais especial, pois tornou-se uma forma de concentração e superação. Ao soltar a voz e tocar seu ukulele, instrumento preferido, ela conseguiu diminuir as doses de medicação e ter maior controle sob sua doença. Junto de outros amigos com TDAH, ela formou uma banda que toca para crianças que enfrentam o mesmo problema e chegam até a desenvolver depressão por não conseguir reter informações durante as aulas. O grupo também faz apresentações em ruas para arrecadar fundos para ações solidárias.

Hoje, a jovem treina professores da rede pública de ensino para lidarem com alunos que apresentem sintomas de TDAH. Esta iniciativa da Recreio Christian School visa melhorar o preparo dos profissionais da educação para que menos crianças portadoras do transtorno sofram durante a formação por não conseguir acompanhar o ritmo dos demais colegas.

Proposta de pauta:

Segundo pesquisas das Universidades de Chicago e Pittsburgh, crianças portadoras de TDAH, entre 4 e 6 anos, tiveram um índice de depressão dez vezes maior do que crianças que não passaram pelo distúrbio. Vitória Frozi não só superou este período difícil, como faz trabalhos voluntários para amenizar o sofrimento de outras crianças através da música e do ensino capacitado, servindo como um exemplo de força e determinação.

Além disso, a Universidade de Michigan revelou, através de estudos e experimentos, que crianças e adolescentes com déficit de atenção são mais criativos, pois estão propensos a resistir à conformidade. A história de Vitória é o perfeito resumo desta afirmação, afinal a adolescente não se abateu diante da doença apresentada e desenvolveu grande aptidão pela música e uma excelente postura de palco.

Sugestões de Entrevistados:

Vitória Frozi:
A adolescente ruiva que superou o bullying e o déficit de atenção, hoje usa a música como ferramenta de concentração. Ela toca o instrumento havaiano ukulele e no repertório tem músicas em inglês, francês e tem levado a música brasileria para o exterior.

Gabriel Frozi:
O pai de Vitória vendeu tudo que tinha e mudou de carreira aos 44 anos para ajudar a filha, montando uma escola especializada para alunos com TDAH. A escola inaugurará sua segunda unidade em breve e treina professores da rede pública para lidar com crianças que sofrem com o distúrbio.
Pesquisa e números sobre TDAH

O TDAH é uma condição geneticamente herdada, caracterizada por desatenção, inquietude e impulsividade. Cerca de 5% das crianças e adolescentes brasileiros sofrem com este transtorno, mas aproximadamente 250 mil delas não sabem deste quadro. Em 30% dos casos, o TDAH acompanha seus portadores até a vida adulta.

Outro estudo feito pela Associação Brasileira de Psiquiatria revela ainda que menos de 20% das pessoas com Transtorno de Déficit de Atenção/Hiperatividade (TDAH) são tratadas no Brasil.

A falta de assistência custa aos cofres públicos mais de R$ 1,8 bilhão por ano, consequência dos gastos com a repetência escolar.

Já para o Instituto de Medicina Social da Universidade Estadual do Rio de Janeiro, nos últimos 10 anos, a importação e produção de Ritalina, medicamentos indicados para tratamento de déficit de atenção, cresceu 373% no País, o que impulsionou um aumento de 775% no consumo da droga.

No Estados Unidos o índice também é alarmante. No ano passado, 10,4 milhões de jovens até 18 anos foram diagnosticados com a doença. Um aumento de 66% nos últimos 10 anos.

Na França esse índice não ultrapassa 0,5%, porque os psiquiatras e escolas francesas vêem a síndrome como característica psico-social e preferem tratar sem medicamentos, apenas com psicoterapia e aconselhamento familiar.

No Brasil, a primeira instituição de ensino bilíngue, destinada a alunos com déficit de atenção, tem a proposta de reverter este quadro alarmante de repetência escolar e o baixo índice de aprendizado.

Sobre Recreio Christian School:

Escola bilíngue cristã, localizada no bairro do Recreio, Rio de Janeiro/Brasil. Tem como objetivo proporcionar educação para alunos do 6º ano ao 3o ano do Ensino Médio.

A instituição opera com foco internacional, prepara os alunos de 11 a 16 anos para estudarem no exterior, bem como nas melhores universidades do Brasil.

Na RCS, apenas não se fala o inglês nas aulas de História e Português. A língua americana está presente em todas as disciplinas e para os estudantes que ainda não são fluentes, a direção se preocupou em implantar aulas de reforço.

Os alunos contam também com frequentes visitas de representantes americanos da EducationUSA para orientações dos mais diversos tipos de programas de estudo nos Estados Unidos.

Fontes:
Instituto de Medicina Social da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ).
Abda - Associação brasileira de déficit de atenção.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: Comentários com Link são bloqueados automaticamente (Comments with Links are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo

Notícias ::

NEWSLETTER SEGS