Logo
Imprimir esta página

Agências da ONU divulgam pesquisa sobre interiorização de pessoas venezuelanas, com recortes de gênero, renda e educação

O ACNUR (Agência da ONU para Refugiados), a ONU Mulheres e o UNFPA (Fundo de População das Nações Unidas) divulgam nesta quarta-feira, às 15h30, os resultados de pesquisa inédita sobre os impactos da estratégia de interiorização de pessoas refugiadas e migrantes da Venezuela, com análises mais detalhadas relacionadas a gênero, renda e educação.

A divulgação será feita durante entrevista coletiva virtual, transmitida pelo Twitter @ACNURBrasil. Para participar da coletiva, basta acessar este link.

Os resultados da pesquisa “Limites e desafios à integração local de refugiadas, refugiados e pessoas migrantes da Venezuela interiorizadas durante a pandemia de Covid-19” serão apresentados pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), que realizou o estudo por meio do seu Centro de Desenvolvimento e Planejamento Regional (CEDEPLAR) e do IPEAD (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas Administrativas e Contábeis de Minas Gerais), com apoio da Universidade Federal de Roraima (UFRR) e da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MG).

A pesquisa foi realizada a partir do Programa Conjunto LEAP - Liderança, Empoderamento, Acesso e Proteção para mulheres migrantes, solicitantes de refúgio e refugiadas no Brasil, realizado de 2019 a 2021 por ACNUR, ONU Mulheres e UNFPA, com o financiamento do Governo de Luxemburgo.

Conduzida pelo governo federal, a estratégia de interiorização busca melhores oportunidades de integração socioeconômica para pessoas refugiadas e migrantes da Venezuela que buscam proteção e assistência no Brasil e que estão abrigadas pela Operação Acolhida – resposta governamental ao fluxo destas pessoas para o país. A adesão à estratégia é voluntária. Desde que foi lançada, em abril de 2018, a interiorização já transferiu cerca de 60 mil pessoas para mais de 730 municípios brasileiros nos 26 estados brasileiros e Distrito Federal.

Os resultados quantitativos da pesquisa divulgada hoje foram obtidos com a aplicação de mil questionários com pessoas interiorizadas entre março de 2020 e abril de 2021, estratificadas conforme modalidade de interiorização realizada (institucional, reunião social, reunificação familiar e vaga de emprego sinalizada), e região de destino. Para efeitos de comparação, também foram entrevistados 295 venezuelanas e venezuelanos residentes em abrigos da Operação Acolhida em Roraima.

As entrevistas foram realizadas entre junho e setembro de 2021, por telefone e com pessoas com 18 anos ou mais. Os dados coletados foram estratificados por sexo e grupo etário. O trabalho utilizou dados da PNAD (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) para fins de análise comparativa com a população pesquisada.

Para mais informações sobre o lançamento da pesquisa, fale com:

Paola Bello – Analista de Comunicação na ONU Mulheres / (11) 96075-2429
Pedro Sibahi - Assistente de Comunicação para Roraima e Amazonas no UNFPA / (95) 98404-6100
Luiz Fernando Godinho – Oficial de Comunicação do ACNUR Brasil / (61) 98187.0978


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Copyright ©2002-2022 Clipping - Segs - Portal Nacional de Seguros, Saúde, Veículos, Informática, Info, Ti, Educação, Eventos, Agronegócio, Economia, Turismo, Viagens, Vagas, Agro e Entretenimento. - Todos os direitos reservados.- www.SEGS.com.br - IMPORTANTE:: Antes de Usar o Segs, Leia Todos os Termos de Uso.
SEGS é compatível com Browsers Google Chrome, Firefox, Opera, Psafe, Safari, Edge, Internet Explorer 11 - (At: Não use Internet Explorer 10 ou anteriores, além de não ter segurança em seu PC, o SEGS é incompatível)
Por Maior Velocidade e Mais Segurança, ABRA - AQUI E ATUALIZE o seu NAVEGADOR(Browser) é Gratuíto