Logo
Imprimir esta página

Brasil apresenta à OIT políticas públicas de equilíbrio trabalho-família

O diretor-geral da organização, Guy Ryder elogiou as ações do governo brasileiro voltadas à temática das relações de trabalho

Em reunião com o diretor-geral da Organização Internacional do Trabalho (OIT), Guy Ryder, representantes do governo brasileiro apresentaram à entidade projetos de implementação de ações que promovem o equilíbrio das relações laborais com um ambiente doméstico saudável. Estiveram presentes no encontro a ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, e a secretária nacional da Família, Angela Gandra.

Damares Alves relatou que irá implementar programas e projetos que visam à promoção e educação em direitos humanos em áreas mais propensas ao trabalho escravo, como canteiros de obras e propriedades rurais.

“Em breve iremos implementar ações de conscientização também em outras áreas, como a prevenção à violência doméstica e os cuidados com a pessoa idosa que vive no campo. Especialmente aqueles que acabam saindo da área onde trabalhavam após aposentarem e que ficam sem essa referência afetiva. Precisamos cuidar de quem contribuiu tanto para o nosso país”, explicou.

Ryder elogiou as ações do governo brasileiro, especialmente a “paixão e envolvimento na melhoria das relações de trabalho”. Para ele, o Brasil está levando a temática do combate ao trabalho escravo de forma criativa, sobretudo pensando no tamanho do país e sua importância como grande produtor agrícola.

“Tenho que elogiar, principalmente, a iniciativa de incluir os ministério da Educação, da Agricultura e outros no combate ao trabalho escravo. Também as ações de promoção em direitos humanos, bastante alinhadas à Convenção OIT 190, que trata da eliminação da violência e assédio em ambiente laboral”, concluiu.

A secretária nacional da Família, Angela Gandra, afirmou que pretende acelerar o processo de participação de empresas aos programas de valorização em direitos humanos, todos realizados por adesão. “A pandemia é terrível, mas por outro lado demonstrou que é possível trabalhar de casa e, ao mesmo tempo, ser produtivo, o que permite uma maior atenção à criação e convivência com os filhos”, disse.

A ministra também esclareceu que o governo não pretende denunciar a Convenção 169, da OIT, e destacou que o diálogo com os povos tradicionais tem sido mais profícuo desde que o governo decidiu não contar com a intermediação de organizações não-governamentais nesse trabalho, falando diretamente com indígenas e quilombolas eventualmente atingidos por qualquer empreendimento.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Copyright ©2002-2022 Clipping - Segs - Portal Nacional de Seguros, Saúde, Veículos, Informática, Info, Ti, Educação, Eventos, Agronegócio, Economia, Turismo, Viagens, Vagas, Agro e Entretenimento. - Todos os direitos reservados.- www.SEGS.com.br - IMPORTANTE:: Antes de Usar o Segs, Leia Todos os Termos de Uso.
SEGS é compatível com Browsers Google Chrome, Firefox, Opera, Psafe, Safari, Edge, Internet Explorer 11 - (At: Não use Internet Explorer 10 ou anteriores, além de não ter segurança em seu PC, o SEGS é incompatível)
Por Maior Velocidade e Mais Segurança, ABRA - AQUI E ATUALIZE o seu NAVEGADOR(Browser) é Gratuíto