Logo
Imprimir esta página

Conta de energia deve ficar mais cara: conheça algumas dicas para economizar

Conta de energia deve ficar mais cara em 2021 - Freeimages Conta de energia deve ficar mais cara em 2021 - Freeimages

Com possibilidade de reajustes de valores ao longo do ano, novas tecnologias e mudança de hábitos podem ser fundamentais para economizar a conta

A conta de energia elétrica no Brasil deve ficar, em média, mais cara 14,5%, segundo estudo da TR Soluções. O Centro-Oeste é a região que deve ter o maior reajuste, alcançando 19,4%. O aumento do valor se refere principalmente pelo serviço de distribuição de energia elétrica, que terá uma alta de 15,5%. Os brasileiros já tiveram que lidar com o aumento em dezembro de 2020, quando a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) determinou a bandeira vermelha, que resultou em um aumento de R$ 6,24 para cada 100 quilowatts-hora consumidos.

Para superar esse momento de aumento na conta de energia, algumas medidas devem ser tomadas pelos consumidores, como desligar as luzes durante o dia, tomar banhos mais rápidos e desligar o chuveiro enquanto ensaboa, entre outras medidas.

Construtoras também têm aproveitado para desenvolver e implantar novas tecnologias para auxiliar os futuros moradores a economizar energia. A plataforma de soluções habitacionais MRV, por exemplo, coloca painéis fotovoltaicos para gerar energia elétrica para as áreas comuns dos seus novos empreendimentos. A ação busca contribuir para que os moradores tenham menos gastos com o condomínio. De acordo com o diretor de produção da MRV em Goiás, Raphael Paiva, o uso dos painéis fotovoltaicos pode representar uma economia de cerca de 85% de consumo de energia nas áreas comuns.

“Esse valor acaba sendo revertido para os moradores, que vão economizar na conta do condomínio e contribuirão para reduzir os impactos ambientais. Com a tecnologia, a MRV estima a geração de mais de 4 milhões de kWh em todo o país, que representam um potencial de economia de mais de R$ 2 milhões para mais de 22 mil moradores. Em Goiás, em 2020, foram gerados mais de 27 mil kWh, resultando em uma economia estimada em R$ 15,6 mil.

*Dicas para economizar energia*

Os principais vilões das contas de energia são o ar-condicionado e o chuveiro elétrico. De acordo com dados do Centro Brasileiro de Informação de Eficiência Energética, o ar-condicionado, por exemplo, consome até 10 vezes mais energia que um ventilador. Segundo o engenheiro eletricista da MRV, Marcus Vinicius Pereira, além de algumas tecnologias, os bons hábitos podem contribuir para diminuir o consumo e o gasto com esses equipamentos.

- Ar condicionado - Alguns aparelhos elétricos, como o ar-condicionado, tem novas tecnologias com o inverter, que possibilita o controle da velocidade de compressão do ar. Os aparelhos que possuem essa tecnologia proporcionam até 40% de economia de energia elétrica em relação a um convencional.

- Chuveiros - Já com os chuveiros, as pessoas também podem optar por tomar banho no modo verão, já que nossa cidade tem a grande maioria dos dias quentes, além de desligar o chuveiro enquanto se ensaboa”, aconselha o engenheiro eletricista. As potências dos chuveiro podem variar de 2.500 a 7 mil watts de acordo com o modo selecionado, sendo que a potência do modo verão é bem inferior ao modo inverno.

- Otimize a iluminação - Outra dica é não deixar as luzes acesas durante o dia ou quando um ambiente da casa não está sendo usado, aproveitando a iluminação natural. Ainda no âmbito da iluminação, os moradores devem levar em consideração os tipos de lâmpadas. Se considerarmos um uso de 5 horas diárias, uma lâmpada incandescente de 60 watts, por exemplo, pode consumir cerca de 9 kWh por mês; enquanto uma lâmpada fluorescente de 23 watts consome cerca de 3,5 kWh e a lâmpada de led de 9 watts consome cerca de 1,3 kWh.

- De olho nas instalações elétricas - Outro fator que pode resultar em um desequilíbrio nas contas de energia é a fiação elétrica. Segundo Pereira, a melhor estratégia a ser feita é manter a avaliação e manutenção regular da parte elétrica do imóvel para evitar o surgimento de pontos de fuga de calor, principalmente se a casa tem um certo período de uso.

- Aparelhos em stand by também gastam - Os aparelhos que ficam em stand-by também são grandes vilões, já que, apesar de não estarem sendo utilizados, eles continuam consumindo energia elétrica. O ideal é tirar os equipamentos da tomada durante os momentos em que não estiverem sendo utilizados. Dessa forma, o morador terá uma boa surpresa na hora de pagar a conta”, aconselha o engenheiro eletricista.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Copyright ©2002-2021 Clipping - Segs - Portal Nacional de Seguros, Saúde, Veículos, Informática, Info, Ti, Educação, Eventos, Agronegócio, Economia, Turismo, Viagens, Vagas, Agro e Entretenimento. - Todos os direitos reservados.- www.SEGS.com.br - IMPORTANTE:: Antes de Usar o Segs, Leia Todos os Termos de Uso.
SEGS é compatível com Browsers Google Chrome, Firefox, Opera, Psafe, Safari, Edge, Internet Explorer 11 - (At: Não use Internet Explorer 10 ou anteriores, além de não ter segurança em seu PC, o SEGS é incompatível)
Por Maior Velocidade e Mais Segurança, ABRA - AQUI E ATUALIZE o seu NAVEGADOR(Browser) é Gratuíto