Brasil,

Empresária se reinventa durante a pandemia e torna-se uma das mais atuantes no combate à Covid-19 em São Paulo

Arquiteta Claudia Taitelbaum vem aplicando sua experiência em design para produzir máscaras e acessórios para hospitais como o Sírio Libanês e ONGs à celebridades incluindo Preta Gil e Sabrina Sato

Claudia Taitelbaum

Profissional usando modelo da Exhimia

Modelo infantil acompanha kit de adesivos

A arquiteta gaúcha Claudia Taitelbaum é hoje CEO da Exhimia, marca que completa dez anos em 2020 e a única do segmento comandada por uma mulher. A empresa é considerada hoje uma das principais referências na criação e produção de expositores para importantes marcas incluindo Amazon, Motorola, Grupo Boticário, entre outras. Logo no início da pandemia de Covid-19, em março de 2020, a CEO se adiantou na pesquisa acerca dos possíveis impactos sobre o sistema de saúde e economia e conseguiu, com muita agilidade, redirecionar as diretrizes da empresa para atender a demanda que começava a surgir.

De março a junho, Taitelbaum já produziu, comercializou e doou cerca de 30 mil máscaras, além de mais de mil barreiras de proteção para pessoas físicas e jurídicas, incluindo os supermercados St Marche, Zaffari, Hospital Sírio-Libanês, Hospital de Campanha do Ibirapuera, toda rede do Grupo Iguatemi, Shopping Market Place, Santander, Itau, Amil, entre outros. A CEO relembra o início da pandemia: "O impacto em nosso negócio foi imediato. Com o comércio fechado, lançamentos cancelados e nossos clientes sem verba em virtude das perdas financeiras, perdemos muito de nosso faturamento. Parte dos pagamentos foram protelados, o que acabou no fazendo repensar nossas estratégias".

Informada por uma amiga médica acerca das necessidades no setor de saúde que emergiriam com a pandemia e motivada pela responsabilidade social, Taitelbaum decidiu somar-se aos esforços na luta pela redução do contágio pelo novo coronavírus (Covid-19) na mesma semana do decreto da pandemia pela OMS. "Começamos a receber alguns pedidos de orçamento, a maioria solicitando máscaras com elásticos ou espumas e substratos moles, o que não me agradava", comenta ela.

Ela decidiu então colocar toda sua experiência em desenvolvimento de produtos e sua equipe de engenheiros e, ao final de dois dias intensos de trabalho, sua equipe chegou num modelo de máscara face shield ideal. Além dela, a equipe elaborou também acessórios e barreiras de proteção para atender o comércio. Com os modelos dos novos produtos em mãos, ligou e negociou preços com seus fornecedores para manter os valores de venda acessíveis. Em março, o orçamento total da Exhimia destinado para os produtos de combate à Covid-19 representava 13%. Em junho, este número saltou para 72%. Com a guinada na diretriz da empresa, a arquiteta conseguiu manter a fábrica ativa e evitou demissões.

As máscaras de Taitelbaum são feitas de PETG, material mais grosso e superior ao acetato ou PVC, e possuem 0.7 milímetros de espessura, acima do mínimo recomendado pela Anvisa - 0.5 milímetros. Seu mecanismo "sobe-desce", articulado e prático, e a oferta de três tamanhos (adultos, infantil e bebês) fizeram do modelo da Exhimia um dos mais procurados na cidade de São Paulo.

Além da comercialização, a empresária também tem se empenhado em fornecer gratuitamente ou flexibilizar valores para ajudar aqueles que não dispõem de recursos para adquirir produtos de proteção. Atenciosa, a CEO se empenha em responder cada pedido que recebe, seja pelo site ou Instagram: "Eu bato papo, pergunto sobre a vida da pessoa, se ela e a família estão em segurança. As pessoas merecem essa atenção, sobretudo neste momento, e sinto o quanto isso nos aproxima e as faz se sentirem ouvidas, importantes", conta ela emocionada.

Além dos pedidos individuais, também atendeu solicitações urgentes de respeitáveis hospitais e instituições incluindo o Hospital São Paulo, Hospital das Clínicas, Hospital Santa Marcelina, Hospital Vila Alpina, Hospital do Servidor, Hospital Santa Casa, Hospital do Câncer infantil, Hospital Darcy Vargas, Delegacia da Mulher, entre outros. Celebridades também tem aderido seus produtos e espontaneamente divulgado em suas contas pessoais do Instagram como Sabrina Sato e Preta Gil.

"Recebi uma mensagem da Preta Gil pelo Instagram numa quinta-feira mas são tantos pedidos que nem me dei conta de que era ela!", conta ela rindo. "Dois dias depois retornei ao aplicativo para respondê-la, como procuro fazer com todos os pedidos que recebo, e neste momento percebi! Acabei fazendo uma cortesia pra ela e família". A cantora chegou a fazer um post espontâneo sobre o produto em sua conta pessoal no dia 10 de junho.

Com Sabrina Sato, a abordagem foi por meio do dentista Felipe Abreu que, como outros especialistas da área, havia adquirido alguns exemplares da Exhimia. "Ele me escreveu contando que a cunhada dele tinha gostado muito da máscara e queria adquirir algumas para ela e a família. A cunhada era a Sabrina Sato! Acabei enviando para ela e seus funcionários e familiares e ela divulgou gentilmente no Instagram. Ficamos muito felizes!", conta a CEO.

Sua empresa vem recebendo destaque também por ser uma das únicas a oferecer modelos para crianças e recém-nascidos. A linha infantil possui um kit com quatro testeiras de EVA e uma cartela de adesivos que a própria criança pode colar como quiser, além de um "certificado lúdico" com o escrito "protegido contra o coronavírus". "Foi uma forma que encontrei de envolver as crianças, nessa luta que ainda não sabemos quanto tempo durará, de forma leve e divertida", ela conta sorrindo.

A postura positiva da empresária serve de inspiração a todos a seu redor: "Sempre fui muito cuidadosa com os clientes. Ajudo quem não consegue imprimir o boleto no site, tiro todas as dúvidas, converso. Sinto que esse cuidado com todos que nos procuram é muito importante num período frágil como o que estamos vivendo. Muitas pessoas me criticam por isso, me dizem que eu deveria ser mais prática para poder crescer, mas essa é a forma que sempre senti de agir. Tem dado certo até agora! Estamos notando um retorno em nosso faturamento. Aos poucos as coisas vão se acomodando", finaliza ela.

Saiba mais sobre a história da Exhimia e Claudia Taitelbaum

Em 2010, após retornar de uma viagem pela Austrália ao lado do companheiro Rafael Scotti, que hoje a auxilia na administração da empresa, Claudia Taitelbaum (1975, Porto Alegre) se juntou ao designer Rodrigo Dienstmann para criar um negócio voltado para soluções de design integradas para o varejo. Com pouca reserva financeira que ainda possuía após seu retorno ao Brasil, a arquiteta deu o primeiro passo e, ao lado do então sócio, alugou duas mesas de uma sala comercial por um preço amistoso graças à alguns amigos, na Avenida Faria Lima. Ali, naquelas duas mesas surgia o grupo Exhimia Retail Solutions.

Entre 2010 e 2013, a sala foi sendo pouco a pouco ocupada pela marca, crescendo organicamente, com responsabilidade e sem qualquer investidor. "Todos foram indo embora e nós fomos ficando e ocupando cada vez mais a sala!". Até que em 2013, o grupo já estava grande o suficiente para extrapolar a sala e, alguns empréstimos bancários e enxugamento de despesas depois, montaram uma fábrica própria incentivada por um pedido especial de um cliente parceiro. "Encaramos o pedido como um desafio e uma oportunidade!", conta ela animada.

Em 2018, a Eximia migrou para um galpão de 2.000 metros quadrados, três vezes maior que o anterior, localizado na zona sul de São Paulo. Com frota própria e uma equipe composta de 42 profissionais, a empresa de Taitelbaum estava à todo vapor produzindo, enviando e instalando mobiliários para lojas, quiosques, expositores para uma variedade de produtos nos mais diversos pontos de venda em todo o Brasil. Naquele ano, a empresária e já mãe de dois filhos - hoje Isabela está com quatro anos e Mateus com sete - enfrentou a forte retração econômica que, segundo ela, afetou muito o segmento. O efeito se estendeu até o segundo semestre de 2019, quando seu sócio se desligou da empresa. Ainda assim a empresária seguiu firme, agora como CEO, e se uniu ao setor numa breve recuperação. Tão logo isso começou a acontecer, o país foi novamente surpreendido por um fato ainda maior: a pandemia de a Covid-19. Graças à guinada ágil de Taitelbaum, a empresa tem atravessado o momento com confiança, perseverança e responsabilidade social.

Ongs e instituições para os quais a Exhimia doou

Associação Tenda de Cristo, Casa do Pequeno Cidadão, Casa da Criança Gente Feliz, Cuidadores da casa da Criança, Delegacia da Mulher, Hospital Geral de Pedreira, Hospital São Paulo, Hospital Infantil Cândido Fontoura, Hospital Universitário, Hospital das Clínicas, Hospital Campo Limpo, Hospital Santa Marcelina, Hospital Vila Alpina, Hospital do Servidor, Hospital Santa Casa, Hospital do Transplante Euriclydes de Jesus Zerbini, Hospital do Câncer Infantil, Hospital Darcy Vargas, Hospital de Guarulhos, ONG Bom Prato, Pediatria do Hospital São Paulo, Pediatria do Hospital de Clínicas de Porto Alegre, Projeto Davi, entre outros.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo

Notícias ::

Mais Itens ::