Brasil,

3 estratégias do BBB para aplicar no seu e-commerce

A edição histórica do programa Big Brother Brasil chegou ao fim há uma semana e deixou fãs sem entretenimento durante a quarentena. No aniversário de 20 anos do programa, novas estratégias foram adotadas para alavancar a audiência que vinha decepcionando nas edições anteriores. Dentre elas, a entrada de ‘famosos’ cantores, atores e influenciadores, foi responsável por gerar um grande volume de mídia espontânea na internet.

No jogo é preciso criar alianças, estratégias e buscar a melhor performance para conseguir chegar a final. No mundo dos negócios, não é diferente. Para quem é empreendedor, a resiliência e a busca pelos objetivos também fazem parte da rotina. O especialista em marketing de produto e branding da Loja Integrada (VTEX SMB), Gustavo Ruchaud, selecionou algumas lições estratégicas para o seu e-commerce.

1. Planejamento (de verdade)

Três personagens pontuaram no quesito planejamento de imagem no programa, Bianca Andrade, Manu Gavassi e Pyong Lee. Eles utilizaram as redes sociais para integrar a comunicação durante o programa. A Manu apostou no planejamento realmente aprofundado. A atriz e cantora gravou 130 vídeos antes de entrar no programa para que a equipe publicasse em datas programadas. Com roupas e discursos alinhados (a participante criou uma marca de si como fada sensata), os vídeos foram publicados nos momentos certos, gerando milhões de interações e seguidores.

Dica para o e-commerce: a vida imita o BBB. O seu negócio necessita de um planejamento sólido e de longo prazo. O empreendedor que não sabe onde quer chegar, não vai chegar a lugar algum. Estabeleça metas e meios para cumprí-las e monte um cronograma. Preocupe-se também com a comunicação da empresa, ela é um meio para acelerar o crescimento do negócio. Se seu e-commerce é do segmento de moda, invista no Instagram ou se é uma consultoria especializada, invista no Linkedin. Caso seu negócio seja pequeno e local, invista em mídias físicas (panfletos, carros de som). O importante é entender os canais que mais se adequam às suas ofertas e objetivos, e ser consistente nas mensagens.

2. Parcerias têm valor (literalmente)

Se tem uma coisa que o BBB ensina bem é como se relacionar com outras empresas. De acordo com a Tun Ad, ao longo dos 10 minutos em que a ação da Havaianas foi exibida no programa, a procura pela empresa nos buscadores e site da marca aumentou 2000% em relação aos minutos imediatamente anteriores à ação. Só na noite de estreia, 21/01, as ações das cinco principais patrocinadoras do programa, Americanas, Burger King, Claro Faculdades Anhanguera e PicPay, renderam mais de R$ 255,7 milhões à Globo.

Dica para o e-commerce: assim como o BBB consegue garantir em uma noite 255% do valor do prêmio final em patrocínio, você também pode conseguir - mas não é simples. Parcerias envolvem, principalmente, pesquisa e mapeamento. A relação tem que ser estratégica e benéfica para a imagem da sua empresa e isso quase nunca significa rentabilidade no curto prazo. O ideal é manter desde o início relações estratégicas com fornecedores aliados, porém ao atingir uma maturidade, o negócio necessita de parcerias importantes, entre elas influencers, marcas maiores que a sua, portais publicitários e jornalísticos. Lembre-se de selecionar aquelas marcas que comunicam princípios com os quais a sua marca também se identifique, para somar em vez de dividir.

3. Propósitos são importantes (desde que verdadeiros)

Seja a influencer, Rafa Kalimann, com as ações humanitárias na África e fé inabalável ou o ator, Babu, com luta antirracista, os dois chamaram atenção ao oferecer mais conteúdo que a maioria dos participantes. A Rafa passando óleo ungido no Felipe Prior e a aula do Babu sobre a origem da palavra “negro” foi amplamente compartilhada nas redes sociais e imprensa. Aqui não depende se você concorda ou não, e sim, o quanto de identificação você gera com o propósito que você compartilha.

Dica para o e-commerce: uma das estratégias de branding (manutenção de marca) adotadas por grandes empresas como a Netflix - site de filmes e séries através de stream - é planejar desde cedo a comunicação da empresa, entendendo com clareza seus valores e transmitindo-os com firmeza para gerar identificação com seus públicos. A Netflix tem um gênero, idade e personalidade, o que chamamos de persona de marca. Entra em embates na internet e até briga com fãs por causa de filmes que não estão no catálogo do stream. Essa é uma das estratégias de construção de marca que você pode utilizar, desde que seja com intenções verdadeiras; o público percebe quando é apenas fachada. Além de garantir o fluxo do seu e-commerce, humanize a sua empresa para que ela se destaque das outras. A comunicação de uma marca com seus públicos deve ser cada vez menos uma fala, e cada vez mais uma conversa: falando, ouvindo a reação e respondendo de acordo. Empresas que não são engajadas, nessa década, deixam de ser donas da própria história e ficam reféns daquilo que os outros têm a dizer sobre elas, o que pode trazer todo tipo de problema.

Sobre a Loja Integrada

A Loja Integrada é uma plataforma que oferece recursos para a criação de lojas virtuais de maneira prática e intuitiva, com opções de temas e layouts, além de parcerias com meio de pagamentos e envios. Com mais de 1 milhão de lojas criadas, a empresa faz parte da VTEX e tornou-se uma das maiores plataformas gratuitas da América Latina e a mais popular do Brasil. Já são mais de 20 milhões de produtos vendidos, com faturamento total dos lojistas de mais de R$ 12 bi de reais. A plataforma oferece conteúdos educacionais para os varejistas como essas dicas na Escola BoraVender.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo