Brasil,

Consumidores brasileiros estão mais dispostos a usar meios de pagamento eletrônicos, afirma Indra

Consumidores se mostram cada vez mais atentos ao uso de meios digitais como substituição ao dinheiro físico. Com o isolamento social, mudança deve ser acelerada, defende Minsait Payments, divisão de meios de pagamento do grupo Indra

A COVID-19 impõe um desafio sem precedentes a toda a sociedade. Em meio ao isolamento social, brasileiros têm buscado novas formas de realizar suas compras – especialmente pela internet – e esse movimento pode acelerar a transformação digital dos meios de pagamento no país. Essa é a conclusão da Minsait Payments, divisão de meios de pagamento do grupo Indra.

Em estudo divulgado no início deste ano, a companhia já mostrava a predisposição dos brasileiros em conhecer mais os meios de pagamento eletrônicos (como carteiras digitais, por exemplo). De acordo com dados obtidos a partir de pesquisa com consumidores que compraram online em 2019, a consultoria identificou que 71,8% deles não conheciam serviços de pagamentos online – como o Paypal, por exemplo – mas, destes, 50,7% afirmaram estarem dispostos a conhecer mais sobre essas empresas e usá-las em breve.

Ainda segundo o estudo, 16,7% dos consumidores já haviam usado essas plataformas no último ano e 11,5% conheciam do que se tratava mas não haviam usado ainda. O comportamento é similar em outros países da América Latina, sendo a Colômbia a principal usuária de meios de pagamento digitais (19,3% dos consumidores declararam terem usado esse tipo de meio de pagamento no último ano). Em contrapartida, o Peru é o que tem menos consumidores usando esse tipo de serviço (12%).

Na América Latina em geral, o comportamento de aumento de uso de meios digitais também se mantém. O levantamento mostra que 62,1% dos clientes bancarizados adultos na América Latina afirmam ter usado pagamento QR (estático e dinâmico) em 2019, seguido pelo pagamento no aplicativo (49,8%) e, em menor grau, pelo pagamento NFC (25,2%).

Ainda assim, há barreiras a serem superadas – e o avanço global do coronavírus pode contribuir para que isso aconteça de maneira acelerada. “Apenas 7% dos latino-americanos consideram o pagamento móvel como seu principal meio de pagamento. A irrelevância (26,1%) é apontada como o principal obstáculo ao seu uso, seguida pela desconfiança (20,9%) e falta de aceitação (17,5%). Em menor grau, também falta de conhecimento (9,9%) e falta de conectividade (9%). Tudo indica que a suspeita de uso de cash ajudará a reduzir essas barreiras ao uso ao longo dos próximos anos”, destaca Ricardo Granados, head de Meios de Pagamento da Minsait Payments no Brasil.

Consumidores acreditam que dinheiro físico deve desaparecer nos próximos vinte anos

Ainda dentro do mesmo estudo, uma pesquisa conduzida com consumidores brasileiros, argentinos, peruanos, mexicanos, espanhóis, dominicanos e britânicos mostra que há uma percepção combinada de que o cash deve desaparecer até 2040. Ao todo, 57% dos consumidores acreditam nisso. Outros 24% acreditam que isso deve acontecer a partir deste ano, 10% estimam que esse deve ser um movimento concluído em 2050 e proporções iguais de 5% acreditam que isso deve acontecer em 2025 ou 2030.

Sobre a Minsait

A Minsait, uma empresa da Indra (www.minsait.com), é uma empresa líder em consultoria de transformação digital e tecnologia da informação na Espanha e na América Latina. A Minsait apresenta um alto grau de especialização e conhecimento setorial, complementados com sua alta capacidade de integrar o mundo core ao mundo digital, sua liderança em inovação e transformação digital e sua flexibilidade. Com isso, concentra sua oferta em propostas de valor de alto impacto, baseadas em soluções end-to-end, com uma notável segmentação, o que permite obter impactos tangíveis aos seus clientes em cada setor sob uma abordagem transformacional. Suas capacidades e sua liderança são mostradas na oferta de produtos, sob o nome de Onesait, e sua oferta transversal de serviços.

Indra no Brasil

Presente no Brasil desde 1996, a Indra é uma das principais companhias de tecnologia e consultoria do país. Conta com mais de 9 mil profissionais, escritórios distribuídos nos principais estados brasileiros e quatro Centros de Produção. A companhia faz parte de alguns dos projetos mais inovadores para o desenvolvimento econômico e tecnológico do Brasil nos setores de Transporte & Defesa e de Tecnologia da Informação (TI), os quais estão agrupados em sua filial Minsait.

Sobre a Indra

A Indra é uma das principais empresas globais de tecnologia e consultoria e parceira de tecnologia para as principais operações comerciais de seus clientes em todo o mundo. É uma fornecedora líder global de soluções proprietárias em segmentos específicos dos mercados de Transporte e Defesa e uma empresa líder em transformação digital e consultoria em Tecnologia da Informação na Espanha e na América Latina através de sua subsidiária Minsait. Seu modelo de negócios é baseado em uma oferta abrangente de seus próprios produtos, com uma abordagem de ponta a ponta, alto valor e um componente de alta inovação. No final do exercício de 2019, a Indra alcançou receitas de 3.204 milhões de euros, mais de 49.000 funcionários, presença local em 46 países e operações comerciais em mais de 140 países.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo

Notícias ::

Mais Itens ::

NEWSLETTER SEGS