Logo
Imprimir esta página

54% dos brasileiros acreditam que isolamento social não impedirá disseminação de Covid-19, mostra Ipsos

Estudo também identificou pessimismo no campo econômico: mais da metade dos ouvidos no Brasil acham que economia não se recuperará rapidamente

Para mais de metade de população do Brasil (54%), as restrições de viagens e determinações de isolamento social não serão suficientes para impedir que o coronavírus se propague. É o que afirma a oitava onda da pesquisa “Tracking the Coronavirus”, realizada semanalmente pela Ipsos com entrevistados de 15 nações.

A oitava onda do levantamento, conduzido entre 09 e 12 de abril, mostra que a percepção brasileira se manteve estável. Na semana anterior, o índice de discordância da eficácia do isolamento social como método para impedir a disseminação da doença também ficou em 54%. Já há duas semanas, entre 26 e 28 de março, o pessimismo era menor: 49%, pouco menos da metade dos entrevistados no Brasil, achavam que a medida não seria efetiva.

O país que mais acredita no isolamento social como forma de barrar a propagação de Covid-19 é a Espanha, com apenas 34% dos ouvidos localmente apresentando descrença ao método. A nação da península ibérica é seguida pela Austrália, com 35%, e por Canadá, Itália e China, os três empatados com 36%.

No ranking dos menos otimistas, lidera a Índia, onde 56% dos participantes da pesquisa não creem na eficácia da medida. Em segundo lugar, há um empate entre Brasil e Alemanha (ambos com 54%). A terceira posição fica com o México (50%). Na média global, 44% de todos os ouvidos acreditam que o isolamento social não impedirá a disseminação do coronavírus.

Recuperação econômica

O estudo também perguntou aos entrevistados se eles acreditam que a economia se recuperará rapidamente quando o período de confinamento acabar. Para 46% dos brasileiros, a resposta é “sim”. A confiança na rápida recuperação econômica do Brasil foi a mais alta entre todos os países ocidentais analisados na pesquisa. Ao considerarmos todos os participantes, a nação ficou em quarto lugar, perdendo apenas para o Vietnã, onde 80% dos ouvidos locais acreditam que a economia se recuperará prontamente, para a China (68%) e para a Índia (63%).

Por outro lado, o pódio entre os que menos confiam em uma recuperação econômica célere é inteiramente europeu: primeiro lugar para a Espanha, com 17%, segundo lugar para a França, 19%, e terceiro para a Itália, 24%.

A pesquisa on-line foi realizada com 28.000 pessoas de 15 países entre os dias 09 e 12 de abril de 2020. A margem de erro é de 3,5 p.p..

Sobre a Ipsos

A Ipsos é uma empresa de pesquisa de mercado independente, presente em 90 mercados. A companhia, que tem globalmente mais de 5.000 clientes e 18.130 colaboradores, entrega dados e análises sobre pessoas, mercados, marcas e sociedades para facilitar a tomada de decisão das empresas e das organizações. Maior empresa de pesquisa eleitoral do mundo, a Ipsos atua ainda nas áreas de marketing, comunicação, mídia, customer experience, engajamento de colaboradores e opinião pública. Os pesquisadores da Ipsos avaliam o potencial do mercado e interpretam as tendências. Desenvolvem e constroem marcas, ajudam os clientes a construírem relacionamento de longo prazo com seus parceiros, testam publicidade e medem a opinião pública ao redor do mundo.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Itens relacionados::

Copyright ©2002-2020 Clipping - Segs - Portal Nacional de Seguros, Saúde, Veículos, Informática, Info, Ti, Educação, Eventos, Agronegócio, Economia, Turismo, Viagens, Vagas, Agro e Entretenimento. - Todos os direitos reservados.- www.SEGS.com.br - IMPORTANTE:: Antes de Usar o Segs, Leia Todos os Termos de Uso.
SEGS é compatível com Browsers Google Chrome, Firefox, Opera, Psafe, Safari, Edge, Internet Explorer 11 - (At: Não use Internet Explorer 10 ou anteriores, além de não ter segurança em seu PC, o SEGS é incompatível)
Por Maior Velocidade e Mais Segurança, ABRA - AQUI E ATUALIZE o seu NAVEGADOR(Browser) é Gratuíto