Logo
Imprimir esta página

10 Figuras acrobáticas do iniciante ao avançado para conhecer o método Ballet Fly

O Anjo - Crédito Divulgação O Anjo - Crédito Divulgação

Já se imaginou fazendo lindas figuras acrobáticas, como um autêntico artista circense e, de quebra, tonificar o corpo, ganhar flexibilidade e ter uma rotina saudável?

O método Ballet Fly realiza esse trabalho e tem despertado cada vez mais a curiosidade das pessoas. Diferente por unir a dança e as acrobacias do circo, a atividade envolve a musculatura do corpo todo e promove benefícios que vão além da sala de aula.

O repertório de figuras e movimentos do método é tão vasto que, seja qual for o nível do praticante, ele encontra figuras na medida certa para trabalhar o corpo de forma saudável e divertida.

Dessa forma, separamos 10 figuras desse amplo repertório para você conhecer o método Ballet Fly e conferir que não se trata só de beleza, mas também de força e potência em cada movimento.

1-Mobilizações da coluna

Presente no início das aulas de Ballet Fly, esse movimento traz inúmeros benefícios para o corpo: Lubrifica as articulações hidratando os discos vertebrais, promove a mobilidade das vértebras em flexão frontal, flexão lateral, rotação e extensão.Além disso, esse exercício ativa os músculos eretores da coluna, bem como outros estabilizadores importantes, como transverso abdominal, multífidos, oblíquos e quadrado lombar.

A posição inicial desse movimento é em pé, com as mãos no tecido. Primeiro o topo da cabeça é projetado para longe dos pés, e os pés pressionam o chão. O praticante inspira e, na expiração, enrola vértebra por vértebra até que o quadril também entre na flexão. A coluna é alongada à frente, projetando o topo da cabeça para longe dos ísquios, como mostra a imagem. Depois, é feito a inspiração para retornar desenrolando a coluna e empilhando uma vértebra de cada vez, até ficar em pé.

2 -Alongamentos de Ballet

O nome desse movimento já diz tudo. As séries carinhosamente batizadas de Alongamentos de Ballet lembram as sequências que as bailarinas fazem na barra e trazem flexibilidade para o corpo. Porém, engana-se quem pensa que se trata só de alongamento das pernas.

Aqui, a coluna está em extensão e as musculaturas mais profundas estão trabalhando para manter o equilíbrio. A versão da foto é a intermediária, mas o mesmo alongamento possui mais 4 versões, que podem facilitar ou dificultar o movimento de acordo com o nível do aluno.

3 – Alongamento de Glúteos

Outro exercício da sequência de Alongamentos de Ballet, esse movimento é fundamental para prevenir a compressão do nervo ciático, que é uma queixa muito frequente em adultos.

Neste movimento, enquanto uma perna fica apoiada no chão, a outra permanece dobrada dentro do tecido, fortalecendo a coluna e as musculaturas mais profundas. Esse exercício pode ser realizado em todas as aulas e por alunos de todos os níveis.

4 – Inversões em Diamante

Esse é um dos movimentos favoritos das alunas de Ballet Fly. E não à toa! Além de irreverente, as inversões de diamante aproveitam a força da gravidade para aumentar o espaço entre as vértebras e descomprimir os discos vertebrais.

Esse exercício também trabalha os músculos reto e transverso do abdômen com uma atenção especial às fibras inferiores e com mais precisão do que em outras posições. O movimento pode ser realizado por alunos de todos os níveis.

5 – O Balão do Nó

Essa é uma figura que pode ser feita na primeira aula! De nível iniciante, o Balão do Nó é um dos melhores movimentos para conhecer o tecido acrobático. Alcançar o equilíbrio vai colocar os músculos mais profundos para trabalhar e, de quebra, a posição do pé promove uma verdadeira liberação das fáscias.

6 – O Grasshooper

Também conhecido como Gafanhoto, esse é um exercício de nível intermediário no Ballet Fly. Esse movimento fortalece os músculos extensores da coluna ao sustentar o corpo contra a gravidade. Além disso, também trabalha glúteos, musculatura posterior da perna e a força das mãos.

7 – O Anjo

Essa é uma figura de nível intermediário, pois o aluno já precisa ter desenvolvido algumas habilidades e uma certa força para sustentar o próprio corpo sem o auxílio do nó.

Na montagem do anjo, braços e abdômen trabalham para sustentar o corpo, enquanto as pernas precisam de coordenação para criar a trava das três enroladas. Depois, na posição final, a musculatura da coxa se ativa para manter o joelho estendido e o abdômen entra novamente para alinhar a pelve.

8 – Cadeirinha da Chave de Cintura

Graciosa, porém nada básica, essa figura é classificada como intermediária na modalidade, pois desafia, e muito, o abdômen durante a montagem. Na posição final, temos um forte trabalho de adutores e a recompensa após a montagem é curtir o charme dessa posição.

9 – Espacate do Losango

Aqui, o nível de dificuldade sobe e é preciso ter muita força na mão e flexibilidade nas pernas para sustentar-se enquanto abre um espacate nesse maravilhoso losango! Praticar essa figura é garantia de fortalecimento de mãos, braços, oblíquos e serrátil anterior.

10 – A ponte da estafa

Fechando essa série com chave de ouro, temos a Ponte da Estafa! Esse exercício avançado requer força, flexibilidade, coordenação, resistência e muito controle. Essa montagem é mais complexa e a cada fase do movimento trabalha um grupo muscular diferente. Por isso, não é recomendado para iniciantes, mas, para quem estiver começando hoje, fica como inspiração!


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Copyright ©2002-2020 Clipping - Segs - Portal Nacional de Seguros, Saúde, Veículos, Informática, Info, Ti, Educação, Eventos, Agronegócio, Economia, Turismo, Viagens, Vagas, Agro e Entretenimento. - Todos os direitos reservados.- www.SEGS.com.br - IMPORTANTE:: Antes de Usar o Segs, Leia Todos os Termos de Uso.
SEGS é compatível com Browsers Google Chrome, Firefox, Opera, Psafe, Safari, Edge, Internet Explorer 11 - (At: Não use Internet Explorer 10 ou anteriores, além de não ter segurança em seu PC, o SEGS é incompatível)
Por Maior Velocidade e Mais Segurança, ABRA - AQUI E ATUALIZE o seu NAVEGADOR(Browser) é Gratuíto