Brasil,

Modernização é alternativa à espera por ações do governo, aponta o Termômetro da ABRAMAT

Apesar de esperar bom faturamento no atual e próximo mês, setor segue indiferente ao governo e busca maior autonomia

A ABRAMAT (Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção) divulga nessa segunda-feira, 30, a nova edição do Termômetro da Indústria de Materiais de Construção. A pesquisa indica avaliação positiva sobre as vendas em setembro, expectativa que se mantém para outubro, assim como um aumento na pretensão de investimentos no médio prazo. Por outro lado, a pesquisa também destaca o aumento do pessimismo com as ações de governo e a redução no nível de utilização da capacidade instalada.

O termômetro da ABRAMAT informa que para 50% das empresas associadas à ABRAMAT o faturamento no mês de setembro foi considerado "bom". Para 42% o período apresentou regularidade e apenas as demais 8% avaliaram o desempenho como "ruim". Os números se mantêm quando as empresas foram questionadas sobre a expectativa para o faturamento no mês seguinte, outubro. 50% preveem um mês bom, 46 % apostam em período regular e as demais 4% vislumbram um mês ruim.

A expectativa por um segundo semestre positivo vem se reforçando nos primeiros meses do período. O índice da ABRAMAT indicou crescimento em julho e agosto, enquanto o termômetro desse mês indica tendência de manutenção do aquecimento do mercado de materiais de construção, atualmente impulsionado principalmente pelas vendas no varejo.

O resultado mais positivo, contudo, não é atribuído necessariamente às ações do governo pelas associadas. A maioria (59%) se mostra indiferente, enquanto 27% das empresas manifestaram otimismo sobre as ações do governo, e 19% pessimismo. Também nota-se que, como reflexo de alta no estoque apontado por estudo elaborado pelo IBGE, em setembro de 2019 caiu o nível de utilização da capacidade instalada para 69%, um dos menores nos últimos 12 meses.

O cenário de indiferença às ações governamentais pode ser entendido como motivador do aumento de preensão de investimento no médio prazo. Com alta que elevou o total de empresas associadas com planos para investir, seja em expansão a capacidade, seja em modernização dos meios de produção, a 73%.

"A expectativa pela necessária conclusão das reformas estruturantes encontra a compreensão da necessidade de, enquanto setor, buscarmos por nossos próprios esforços a melhora do ambiente de negócios. Em momento decisivo para a implementação da indústria 4.0 no país, a ABRAMAT trabalha pela rápida adaptação da indústria de materiais de construção e o termômetro indica maior conscientização do setor, o que considero fundamental", afirma Rodrigo Navarro, presidente da ABRAMAT.

Sobre a ABRAMAT

Desde sua fundação, em abril de 2004, a ABRAMAT acompanha e contribui para o crescimento da Construção Civil no país, atuando como interlocutora do setor junto ao Governo e demais agentes da cadeia produtiva. A entidade conta atualmente com aproximadamente 350 unidades fabris de 40 empresas associadas situadas em todas as regiões do país, que são líderes na produção de materiais de construção em diversos segmentos do setor. Entre os pilares de atuação da entidade estão a conformidade técnica e fiscal na produção e comercialização dos materiais, a competitividade e sustentabilidade da indústria, e a capacitação da mão-de-obra da construção. Para a elaboração de seus relatórios são utilizados dados oficiais disponíveis, pesquisas com associados, análise interna da equipe e metodologia FGV desenvolvida com exclusividade para a ABRAMAT.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo