Brasil, 13 de Dezembro de 2019

Como os jovens sucessores estão inovando a forma de fazer negócios em empresas tradicionais

Filiados do LIDE FUTURO, os executivos da Hirota, Corello, Agro Assai e Osten contam os desafios da carreira e são exemplos de sucesso

De acordo com dados divulgados pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) e pelo Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), 90% das empresas brasileiras são familiares. A grande questão que envolve esse expressivo pilar da economia – que representa 65% do PIB (Produto Interno Bruto) – é a sucessão. Especialistas apontam que menos de 30% das empresas conseguem passar o negócio para os descendentes e a situação é ainda mais preocupante nas perpetuações seguintes: de 30 empresas, apenas cinco chegam à terceira geração.

Executivos de companhias poderosas, como a Hirota, Corello, Agro Assai e Osten, a maioria na terceira linha sucessória, provam o contrário. As empresas, consolidadas e respeitadas no mercado, crescem e inovam seus serviços, principalmente devido à chegada de mentes jovens e disruptivas, que estão transformando seus negócios. Segundo Leandro Kamada, 28, responsável pela área de Novos Negócios da varejista Hirota, detentora da rede com mais de 30 lojas inspiradas na cultura japonesa, o maior desafio na sucessão familiar é conciliar o dilema tradição X inovação.

"Preservar o legado criado pela família e, ao mesmo tempo, estar conectado com as novas tendências do mercado e o comportamento do consumidor para conseguir sobreviver e crescer no ambiente de extrema concorrência é desafiador", analisa.

Para Jorge Yamaniski Neto, 27, Gerente Geral de Planejamento Estratégico da Osten Group, grupo de concessionárias focado no segmento premium, a maior dificuldade é conquistar a confiança dos colaboradores por estar acima de profissionais que, na maioria das vezes, são muito mais experientes e mais velhos. "Tento mostrar constantemente que não ocupo tal cargo apenas por ser da família, mas também por ter competência para tais responsabilidades", afirma o executivo.

Na visão de Tatiana Takikawa, 39, sócia e diretora comercial da distribuidora de máquinas e peças agrícolas, Agro Assai, sua chegada na empresa, com apenas 22 anos e logo após a inesperada morte de seu pai, gerente-geral da empresa, não aconteceu da melhor maneira, já que não houve um preparo para a sucessão do negócio. Além disso, o fato de ser mulher em um ambiente majoritariamente masculino também foi um obstáculo que enfrentou ao longo dos anos.

Hoje, aos 22 anos, Gabriela Silvarolli é gerente de Marketing e Produto da Corello, varejista de bolsas e sapatos. Em seu primeiro ano de empresa, idealizou e conduziu uma campanha de inverno sozinha.

Em comum, essas jovens lideranças acreditam na comunicação e no diálogo intergeracional como fatores imprescindíveis e decisivos nas escolhas e futuro da empresa. É necessário, também, haver uma mentoria externa que consiga analisar o andamento dos negócios.

Para eles, é importante que existam espaços em que trocas de vivências possam ser feitas, como é o caso do que oferece a mais qualificada plataforma de conteúdo, experiência e networking LIDE FUTURO, do qual são membros Leandro Kamada, Jorge Yamaniski Neto, Tatiana Takikawa e Gabriela Silvarolli. Ao lado de outras 1.000 jovens lideranças, o grupo promove eventos de diversas temáticas relevantes para a sociedade e permite que empreendedores dos mais variados segmentos compartilhem histórias, dores e resultados de um trabalho eficaz e poderoso.

"Nosso objetivo sempre foi fortalecer o que entregamos e qualificar a nossa base de filiados. Focamos também em promover mais diversidade, incluindo mais mulheres nesse diálogo, garantindo seu protagonismo e transformando a plataforma em um grupo cada vez mais plural, capaz de trazer a real projeção da nova geração de líderes que conduzirá o país", destaca Laís Macedo, CEO do LIDE FUTURO.

Saiba mais em: www.lidefuturo.com.br/.

Sobre o LIDE FUTURO

Criado em 2012, o LIDE FUTURO é uma spin-off do LIDE – Grupo de Líderes Empresariais e tem como missão compartilhar experiências, fomentar práticas de sucesso no ambiente empreendedor e promover uma qualificada rede de networking entre jovens lideranças. Com um total de 1.000 filiados, o grupo é formado por pessoas físicas que estão transformando e impactando os seus mercados com novos modelos de atuação, novas tecnologias e negócios disruptivos. Atuante em diversos estados do país, é responsável por oferecer palestras, workshops e encontros com os principais líderes do mercado nacional e internacional, buscando uma troca de vivências efetiva e enriquecedora.

Sobre a CEO

Laís Macedo, 29 anos, é formada em Relações Públicas e pós-graduada em Administração Estratégica. Mineira de Andradas, ela começou sua trajetória em São Paulo atuando como supervisora no LIDE – Grupo de Líderes Empresariais em 2009 e, pouco tempo depois, ascendeu na carreira, tornando-se gerente do grupo. Anos mais tarde, em 2017, Laís e outros 11 sócios fizeram do LIDE FUTURO uma spin-off do LIDE e reinventaram a missão do grupo. Além da sólida trilha pelas associações, Laís ainda acumula passagens por empresas como Buscapé Company e SAE BRASIL.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: Comentários com Link são bloqueados automaticamente (Comments with Links are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo

Notícias ::

Mais Itens ::

NEWSLETTER SEGS