Brasil, 14 de Outubro de 2019

Falta de conectividade no campo ainda desafia o dia a dia do produtor rural

Empresas dos setores de agronegócio e telecomunicações apoiam a iniciativa ConectarAgro, que busca levar o 4G às regiões agrícolas desconectadas

A tecnologia tem ajudado o agricultor a tomar decisões de forma cada vez mais rápida e precisa, fazendo com que ele consiga corrigir possíveis erros e problemas que podem acontecer durante a safra, muitas vezes, em tempo real. Para que essas ferramentas funcionem de forma adequada, é preciso que haja conectividade no campo, mas essa não é a realidade no setor agrícola no Brasil.

Segundo um levantamento feito pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), os dados móveis ainda não chegaram a todos os produtores. A pesquisa aponta que, de 2016 para 2017, o número de domicílios na zona rural com acesso à internet pulou de 33,6% para 41%. Na área urbana, a conectividade chegou a 80,1% (em 2016 era 75%). Porém, mesmo com esse aumento, esse cenário ainda precisa melhorar. No campo, 21% dos entrevistados pelo IBGE disseram não ter internet por falta de disponibilidade na região.

Em sua fazenda de 3.500 hectares na região de Ponta Grossa, no sudeste do Paraná, Cassio Kossatz faz uso de diversas tecnologias na área onde planta feijão, milho e soja no verão; e trigo, cevada e aveia, no inverno. Apesar de ter tantas ferramentas que podem ajudá-lo a aumentar a produtividade e a ter uma gestão mais eficiente da lavoura, do plantio à colheita, ele esbarra na falta de conectividade no campo.

"Nossa região não é uma das piores em conexão, temos esse privilégio na região Sul. No entanto, mesmo assim, eu tenho dificuldade em usar funcionalidades de algumas plataformas por conta do sinal inconstante. Na nossa propriedade, nós investimos em internet no barracão e conseguimos passar os dados no fim do dia, isso é um grande avanço, mas não é o suficiente", comenta o agricultor.

ConectarAgro

Pensando nisso, oito empresas de referência nos setores de agronegócio e telecomunicações – AGCO, Bayer (por meio da Climate FieldView™, seu negócio de agricultura digital), CNH Industrial, Jacto, Nokia, Solinftec, TIM e Trimble – apoiam uma iniciativa que busca dar solução à questão de falta de conectividade no campo. A iniciativa, denominada de ConectarAgro, busca promover tecnologias abertas, conectar máquinas e pessoas, visando mais liberdade e flexibilidade ao usuário final dessas tecnologias, o produtor rural. Esse conceito é o diferencial da ação.

A iniciativa visa contribuir para que o agricultor possa usar, de forma completa, os recursos já disponíveis de agricultura de precisão, digital e automação, além de ter acesso à uma infinidade de novos produtos e serviços habilitados com a existência da conectividade, otimizando o negócio. Cada empresa que integra essa iniciativa contribui com expertise e experiência própria para ajudar a criar um ecossistema favorável à inovação, melhorar e desenvolver as condições para a conectividade no campo.

A expectativa é que até o final de 2019 o acesso à internet esteja disponível em 5 milhões de hectares pelo país, sendo 1 milhão de pequenos produtores. De acordo com o gerente de produto da Climate para a América do Sul, Guilherme Belardo, o avanço tecnológico das máquinas e equipamentos presentes no campo acabam não sendo bem aproveitado por conta da falta de conexão. "Receber as informações das operações realizadas na fazenda em tempo real permite a tomada de decisão muito mais rápida. Ter a fazenda 'na palma da mão' é algo que só ajuda e facilita a vida do produtor. A tecnologia vem para isso", afirma.

Para Kossatz, uma iniciativa como o ConectarAgro é o primeiro passo dado para levar conectividade ao campo. "Agora, nós, agricultores, precisamos nos unir, alinhar e ajudar, levantando a bandeira dessa necessidade. Isso só vai trazer mais qualidade de vida e de trabalho", conta.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: Comentários com Link são bloqueados automaticamente (Comments with Links are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo

Notícias ::

NEWSLETTER SEGS