Brasil, 19 de Abril de 2019

+ F O N T E -

Extração de areia no Rio Jacuí possui novo sistema importado de rastreamento de dragas

O sistema IDP, trazido ao Brasil por associados do Sindibritas, permite ainda mais precisão e segurança no controle operacional das mineradoras no Rio Grande do Sul

É constante a busca por novas tecnologias que garantam mais precisão na atividade de mineração de areia. O objetivo é somar ainda mais segurança ao meio ambiente e permanecer vigilante e adepto ao que há de mais moderno em monitoramento e rastreamento de dragas. Por isso, grande parte das mineradoras de areia que atuam no Rio Jacuí já contam com um novo sistema de rastreadores com alta capacidade de processamento e precisão, conhecido como IDP. Apesar de não ser uma exigência das licenças operacionais, o novo sistema traz ainda mais segurança e precisão para a mineração em recursos hídricos. Por isso, o atual sistema que até o momento era o mais avançado, foi substituído.

- Desta forma o que já era bom vai ficar ainda melhor. Mesmo que as mineradoras já contassem com um excelente sistema de monitoramento, a intenção é mostrar para a sociedade e para os órgãos reguladores que o setor está proativo e atento ao que há de melhor no mundo para a garantia da mineração sustentável - assegura o diretor da Associação Gaúcha de Produtores de Brita, Areia e Saibro (AGABRITAS), Sandro Almeida.

A tecnologia IDP foi trazida dos Estados Unidos. O custo em dólar é bem maior, mas o preço é visto como um investimento pelas entidades representativas do setor. Além de contar com o apoio da Agabritas, o Sindicato da Indústria da Mineração de Brita, Areia e Saibro de Estado do RS (Sindibritas-RS) e o Sindicato dos Depósitos, Distribuidores e Comerciantes de Areia no Estado do RS (Sindareia-RS) também apoiam a iniciativa.

- Trata-se de um exemplo ímpar. Em um Brasil envolvido por uma histórica crise financeira, os mineradores investem em melhorias importadas em meio ao câmbio mais volátil dos últimos anos, a fim de garantir ainda mais segurança e efetividade para a mineração de areia no Rio Jacuí. Isso tudo, sem nenhuma exigência de órgãos reguladores, o que só deixa claro que a nossa intenção é sempre trabalhar da melhor maneira possível – analisa o presidente do Sindibritas, Pedro Reginato.

A Fundação Estadual de Proteção Ambiental Henrique Luiz Roessler (Fepam) não exige o sistema IDP para a execução do serviço de extração de areia no estado. A implantação desta tecnologia é uma iniciativa própria das empresas de mineração que realizam o trabalho no Rio Jacuí.

- A ideia é fazer ainda mais e melhor, para trazer ainda mais segurança e transparência para o trabalho do setor e para a sociedade - afirma o presidente do Sindareia-RS, Laércio Thadeu da Silva.

O novo IDP está em pleno funcionamento. Entre as principais características do equipamento, vale destacar a precisão maior de corte das bombas de dragagem ao se aproximarem da margem, com o erro de apenas 2,5 metros.

Sobre o Sindibritas

O Sindicato da Indústria da Mineração de Brita, Areia e Saibro do Estado do Rio Grande do Sul - Sindibritas recebeu o Certificado de Registro Sindical do MTE em 16 de dezembro de 2010 com o objetivo de coordenar, proteger e representar a indústria de mineração do RS. Tem como missão defender os interesses da categoria patronal, estimular a competitividade e promover a livre iniciativa. Além disso, busca celebrar convenções coletivas de trabalho respeitando limites éticos e cooperando com o governo e com a sociedade em nome do desenvolvimento sustentável.

Sobre a Agabritas

A Associação Gaúcha dos Produtores de Brita, Areia e Saibro - Agabritas - foi fundada em 27 de maio de 1980 e ao longo dos anos tem trabalhado pela união das empresas mineradoras, no desenvolvimento de parcerias, promovendo os seus interesses e objetivos comuns. A entidade atua com foco na comunicação eficaz com os principais órgãos de competência do setor, buscando atender as necessidades dos associados. As atividades são norteadas com o foco na preocupação ambiental e no desenvolvimento econômico e social.

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

ADICIONE SEU COMENTÁRIO..::
Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Esta ferramenta é automatizada...Sucesso!


voltar ao topo

Siga-nos ::

Notícias ::

Mais Itens ::