Brasil, 19 de Agosto de 2019

Animais silvestres usados como entretenimento na Amazônia são resgatados

  • Escrito ou enviado por  Daniela Bianchini
  • Adicionar novo comentario
  • SEGS.com.br - Categoria: Demais
  • Imprimir

Mais de 20 animais silvestres usados para entretenimento turístico na Amazônia são resgatados de cativeiro ilegal em Puerto Alegría, no Peru, cidade ribeirinha na bacia do rio Amazonas. Liderada por autoridades peruanas e pela organização Entropika, a ação ocorreu após denúncia da Proteção Animal Mundial, organização não-governamental que na América Latina também denunciou cativeiros ilegais na cidade de Manaus. No Peru, a investigação indicou que turistas pagavam em média US$15 para segurar e tirar fotos com os animais silvestres resgatados.

Para que o entretenimento com animais silvestres seja possível, em todo o mundo, animais são retirados ilegalmente de seu habitat natural e submetidos a uma vida em cativeiro, passando por vários tipos de maus-tratos físicos e psicológicos, além dos impactos em conservação. “Estamos muito felizes com o resultado dessa ação. Nosso grande desafio é coibir esse tipo de atividade e mostrar ao setor de turismo e viajantes que é possível ter experiências incríveis na natureza sem afetar o bem-estar e colocar em risco a vida desses animais”, declara João Almeida, gerente de vida silvestre da Proteção Animal Mundial.

No Brasil, o relatório“Um foco na crueldade”investigou o turismo de fauna em Manaus. Na cidade, foram analisadas 18 diferentes empresas de turismo e descobriu-se que 94% das excursões ofereciam a oportunidade de segurar e tocar animais silvestres como adereços fotográficos. 77% destes encorajam ativamente os viajantes a participarem dessas atividades. A pesquisa aponta ainda que a demanda por selfies cresce a cada dia. Os impactos em conservação da biodiversidade também foram avaliados: na América Latina, por exemplo, mais de 20% das espécies envolvidas nessa prática estão ameaçadas de extinção e mais de 60% são protegidas por lei internacional.

Desde 2015 a Proteção Animal Mundial atua por meio da campanha “Silvestres. Não Entretenimento” com o intuito de mostrar à indústria de turismo que é possível oferecer experiências incríveis aos viajantes sem explorar de forma cruel os animais. A ação dá voz aos 550 mil animais silvestres que estão atualmente em cativeiro e sendo abusados em nome do chamado entretenimento turístico.

Para acessar o relatório na íntegra clique aqui.

Sobre a Proteção Animal Mundial (World Animal Protection)

A Proteção Animal Mundial (anteriormente conhecida como Sociedade Mundial para a Proteção Animal) mudou o mundo para proteger os animais por mais de 50 anos. A organização trabalha para melhorar o bem-estar dos animais e evitar seu sofrimento. As atividades da organização incluem trabalhar com empresas para garantir altos padrões de bem-estar para os animais sob seus cuidados; trabalhar com governos e outras partes interessadas para impedir que animais silvestres sejam cruelmente negociados, presos ou mortos; e salvar as vidas dos animais e os meios de subsistência das pessoas que dependem deles em situações de desastre. A organização influencia os tomadores de decisão a colocar os animais na agenda global e inspira as pessoas a mudarem a vida dos animais para melhor. Para mais informações acesse: www.worldanimalprotection.org.br.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário
Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Esta ferramenta é automatizada...Sucesso!


voltar ao topo

Notícias ::

NEWSLETTER SEGS