Brasil, 22 de Fevereiro de 2019

+ F O N T E -

Desenvolvimento de São João da Boa Vista conta com ações do Connected Smart Cities

Lançado em 2015, o Plano Estratégico "São João 2050" se divide em quatro Projetos catalisadores: Cidade Compacta, Centro Atraente, Cinturão Verde e Poços Econômicos Estratégicos (Educação, Saúde, Tecnologia, Cultura/Turismo e Gastronomia). Com 90 mil habitantes, São João da Boa Vista se destaca entre as cidades do País pelos indicadores de desenvolvimento e qualidade de vida da população.

Localizada a 230 km da capital paulista, São João da Boa Vista é um dos destaques do Ranking Geral Connected Smart Cities 2017, alcançando o 21° lugar em Energia e 41° em Meio Ambiente considerando todas as cidades participantes do levantamento. Em 2015, a cidade lançou o Plano Estratégico "São João 2050", que se divide em quatro Projetos catalisadores: Cidade Compacta, Centro Atraente, Cinturão Verde e Poços Econômicos Estratégicos (Educação, Saúde, Tecnologia, Cultura/Turismo e Gastronomia). A ação contempla as iniciativas da plataforma Connected Smart Cities e contou com amplo trabalho de diagnóstico socioeconômico e urbano local, por meio de intensa consulta pública que envolveu 21 regiões da cidade e contou com 80 encontros com a população e pesquisa junto à juventude.

Com 90 mil habitantes, São João da Boa Vista se destaca, também, entre as cidades do País pelos indicadores de desenvolvimento e qualidade de vida da população, ocupando a 50º posição no Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) e, de acordo com um estudo da FGV e a Financial Times, a cidade está em 6º lugar entre as melhores microrregiões paulistas em questão de Saúde. E, segundo o Índice de Desenvolvimento Urbano para Longevidade, elaborado pelo Instituto de Longevidade Mongeral Aegon e a FGV, das 348 cidades brasileiras que têm entre 50 mil e 100 mil habitantes, São João da Boa Vista se destaca entre as 40 melhores para a população da terceira idade, conquistando o primeiro lugar, conforme aponta o estudo.

O Ranking Connected Smart Cities, elaborado pela Urban Systems, em parceria com a Sator, destaca os indicadores de desenvolvimento das cidades brasileiras e tem como objetivo mapear os municípios com maior potencial de desenvolvimento no Brasil. Os dados do Ranking 2018 serão divulgados no primeiro dia do Evento Nacional Connected Smart Cities, que será realizado nos dias 04 e 05 de setembro de 2018, no Centro de Convenções Frei Caneca, em São Paulo. Inscrições por meio do link: bit.ly/2sRvGNs

A Chefe de Assessoria de Desenvolvimento Econômico de São João da Boa Vista, Amelia Queiróz, enfatiza que as ações do Connected Smart Cities e os indicadores do Ranking têm importância fundamental no desenvolvimento sustentável da cidade e que a participação no Evento Nacional, como na Edição 2017, resultou em um saldo extremamente positivo, mostrando que os projetos do Plano São João 2050 estão alinhados com as tendências de gestão pública no cenário brasileiro. A gestora argumenta que a participação no Evento Nacional Connected Smart Cities proporcionou o debate de soluções e propostas com diversas lideranças políticas e empresariais, além de instituições com atuação nacional e internacional.

"O envolvimento dos diversos agentes da sociedade foi fundamental para a implantação do São João 2050, Plano Estratégico de longo prazo e que reflete o esforço da gestão municipal, servidores públicos e sociedade civil, tendo como foco o desenvolvimento da cidade e com visão de médio e longo prazo. Trata-se de um documento técnico, composto pela USP Cidades, que se tornou a 'espinha dorsal' e conceitual do Plano Diretor. São João 2050 deve ser entendido como um compêndio de conceitos e propostas em prol de uma cidade que assegure crescimento saudável e oportunidades para seus moradores", cita Amelia Queiróz.

E conclui: "Com base no São João 2050, estamos neste momento finalizando as grandes discussões sobre o Plano Diretor local, que foi construído com base na visão estratégica oferecida pelo São João 2050. As nossas ações também estimulam as cidades da região, no sentido de pensar estrategicamente e, hoje, já temos o município de Mococa, que está elaborando o seu Mococa 2050; e Poços de Caldas, que está iniciando o debate por meio de suas instituições. Além disso, tivemos a transformação da Agência de desenvolvimento Econômico de São João para Agência De Desenvolvimento Econômico Regional Leste Paulista e Sul de Minas, cujo principal objetivo é divulgar o planejamento estratégico regional por meio da integração dos seus planos estratégicos locais", completa Amelia Queiróz.

A Idealizadora do Connected Smart Cities, Paula Faria, reforça que a missão da iniciativa é envolver empresas, entidades e governos para apresentar e debater ações com foco no desenvolvimento de uma cidade inteligente, mais conectada e humana. "Assim como São João da Boa Vista, outras cidades brasileiras, tais como Belo Horizonte, Salvador, Florianópolis, Recife, Fortaleza, entre outras, também têm implementado soluções sugeridas pelo Connected Smart Cities, com o objetivo de oferecer mais qualidade de vida para a população, principal objeto da iniciativa", comenta.

A executiva enfatiza, ainda, que o Evento Nacional Connected Smart Cities 2018 trará muitas novidades. "Entre as novidades para a edição 2018, destaco o lançamento do mapa georreferenciado colaborativo para a inclusão gratuita de soluções. A nossa expectativa é que teremos um público de mais de duas mil pessoas e o evento contará com cerca de 90 painéis e 300 palestrantes que se apresentarão simultaneamente em 9 palcos. Os temas abordados serão Urbanismo Sustentável nas Cidades; Cidades Prósperas; Cidades Conectadas; Mobilidade e Acessibilidade nas Cidades; Cidades Empreendedoras; Cidades Resilientes; e Cidades Participativas e Engajadas", conclui.

Mais Informações | Connected Smart Cities 2018 – Evento Nacional
Em sua 4ª edição, o Connected Smart Cities contará, ainda, com a Expo, onde as empresas que apoiam o evento apresentam as suas soluções para uma cidade inteligente, além do Prêmio voltado para empresas que estão oferecendo soluções inovadoras para as cidades. Para as Rodadas de Negócios, reuniões entre organizações que oferecem soluções e cidades que têm interesse em implementar novos modelos, a expectativa é que sejam organizadas mais de 600 reuniões.

A edição desse ano também conta com o Manifesto e, no primeiro dia do Fórum, os participantes terão acesso aos indicadores de desenvolvimento das cidades brasileiras participantes do Ranking Connected Smart Cities 2018. Outro destaque é o lançamento do Connected Smart Cities Mapping, ferramenta online de dados abertos que disponibiliza soluções por meio de um software livre para a coleta de informações, visualização e mapeamento interativo de recursos, ou seja, um mapa georreferenciado colaborativo para a inclusão gratuita de soluções. A INCLUSÃO DE SOLUÇÕES está disponível por meio do link: bit.ly/2LMLvAp

Patrocinadores da edição 2018: Aceco TI, Atech, BMPI, Câmara de Comércio Brasil-Canadá (CCBC), Deloitte, Engie, Egis, Fundação Ezute, Fala Cidadão, Geoambiente, Itron, Kido Dynamics, Midiacode, Philips, Prefeitura de Barueri, Ubicquia, Via, além do apoio de mais de 40 entidades.

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

ADICIONE SEU COMENTÁRIO..::
Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Esta ferramenta é automatizada...Sucesso!


voltar ao topo

Notícias::