A- A A+

TOKIO MARINE SEGURADORA

Gabriel Portella recebe homenagem do CCS-RJ em almoço com associados

  • Escrito por  Vania Absalão / IMAGEM: Letícia Torres
  • Publicado em Seguros
  • Imprimir
  • Compartilhar::

Da esquerda para a direita: Eduardo Dal Ri, vice presidente de Auto e Massificados da SulAmérica; Gabriel Portella, presidente da seguradora; Sonia Marra, associada do CCS-RJ; e Jayme Torres, presidente do Clube Da esquerda para a direita: Eduardo Dal Ri, vice presidente de Auto e Massificados da SulAmérica; Gabriel Portella, presidente da seguradora; Sonia Marra, associada do CCS-RJ; e Jayme Torres, presidente do Clube

Convidado pela diretoria do Clube dos Corretores de Seguros do Rio de Janeiro (CCS-RJ), o presidente da SulAmérica, Gabriel Portella, reuniu-se com os associados em almoço, na tarde da última sexta-feira, 8 de abril. Defendendo uma relação construída com os corretores no dia a dia e não por meio de discursos, o executivo afirmou que a companhia se preocupa com o corretor em todas as etapas de suas operações. Ele também relembrou os 120 anos da seguradora, dos quais participou de 32.  “Entrei aos 19 anos, como auxiliar de escritório, me tornando o único que chegou à Presidência até o momento”, orgulha-se o executivo.

Durante o almoço, os profissionais tiveram a oportunidade de levantar questões relacionadas ao aperfeiçoamento dos processos de renovação de apólices e pagamento por via bancária, além de conhecer as expectativas de Portella sobre o novo seguro auto popular. Para ele, “o produto aumentará significativamente a penetração do seguro para carros mais antigos, mas o efeito não será imediato. O Brasil precisará fortalecer a venda de peças usadas, que ainda não tem dimensão maciça”, disse. O vice presidente de Auto e Massificados da SulAmérica, Eduardo Dal Ri, corroborou a avaliação do presidente.

Para superar a atual conjuntura econômica, Portella acredita que os corretores precisarão entrar no jogo da tecnologia, mas, acima de tudo, reafirmar seu papel de referência e fortalecer seu relacionamento com os segurados. “A cotação online não acompanha a apólice 365 dias por ano como o corretor”, compara. “Também é importante se perguntar: como fazer mais com o mesmo cliente? O objetivo da SulAmérica, por exemplo, é que os nossos 7 milhões de clientes comprem todos os nossos produtos”, afirma o presidente.

O executivo fala em nome de uma companhia que, por sua idade, passou pelas inúmeras crises e momentos de instabilidade enfrentados pelo país, como frisou o diretor do CCS-RJ, Amilcar Vianna. “A SulAmérica é quase sinônimo de seguro. Cada um de nós tem um pouco da seguradora em sua história”, acrescentou o presidente do Clube, Jayme Torres, que entregou uma placa de homenagem a Gabriel Portella no final do evento.

Estiveram presentes ainda a diretora da sucursal RJ/ES da SulAmérica, Solange Zaquem, e o gerente da mesma sucursal, Miguel Mouzo.

Sobre o CCS-RJ |

Fundado em 1980, o Clube dos Corretores de Seguros do Rio de Janeiro tem como objetivo estimular encontros e debates que contribuam para o desenvolvimento do setor e da categoria. A entidade promove também a articulação estratégica e contínua com os demais participantes do sistema nacional de seguros privados [http://ccsrj.com.br/]

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IIMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...
 
www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

voltar ao topo