A- A A+

TOKIO MARINE SEGURADORA

São Paulo registra a maior produção de petróleo e gás natural da sua história

  • Escrito por  Ale Ferraz
  • Publicado em Demais
  • Imprimir
  • Compartilhar::

Estimativa da Secretaria de Energia e Mineração paulista é que o Estado passe a ser o segundo maior produtor nacional em 2017

O mais recente Sumário Executivo de Petróleo e Gás Natural divulgado nesta quinta-feira, 15 de dezembro, pela Secretaria de Energia e Mineração do Estado de São Paulo aponta um aumento de 15,4% na produção de petróleo e gás natural de setembro, em relação ao mês anterior. Com esse crescimento, o Estado atinge o seu recorde de produção totalizando 432,4 mil barris de óleo equivalente por dia (boe/d), o que representa 12,8% da produção brasileira.
São Paulo registrou um aumento de 57,7 mil boe/d entre agosto e setembro, devido ao aumento da produção dos campos de Mexilhão e Sapinhoá, mantendo a terceira colocação no ranking nacional, atrás do Rio de Janeiro e do Espírito Santo.

“O Estado de São Paulo é o maior consumidor de petróleo e gás natural do Brasil. Nossa previsão é que o Estado se torne o segundo maior produtor do país em 2017”, disse o secretário paulista de Energia e Mineração, João Carlos Meirelles.

Em setembro, a produção paulista de gás natural alcançou o recorde de 18,5 milhões de metros cúbicos por dia (m³/d), que corresponde a 16,7% da produção nacional. Já a produção de petróleo atingiu o recorde de 316,3 mil barris de petróleo por dia (bbl/d), o equivalente a 11,8% da produção brasileira.

Da produção paulista de petróleo e gás natural, realizada na Bacia de Santos, 110,3 mil boe/d são extraídos no pós-sal e 322,1 mil boe/d no pré-sal. Os campos de Baúna, Mexilhão e Sapinhoá representaram 98,5% da produção do Estado, sendo o último foi responsável por 74,5% de toda produção.
A produção paulista é operada predominantemente pela Petrobras, seguida por Shell e Repsol Sinopec.

Produção brasileira
A produção nacional de petróleo e gás natural atingiu em setembro 3,4 milhões de boe/d, predominantemente originada nas bacias de Campos com 1,7 milhão de boe/d e de Santos com 1,3 milhão boe/d.

O petróleo registrou uma produção de 2,7 milhões de bbl/d, já o gás natural atingiu 110,4 milhões m³/d. Ao todo, 43,5% foram produzidos no pré-sal (1,5 milhão boe/d), 47,7% no pós-sal (1,6 milhão boe/d) e 8,8% em terra.
Para acessar o relatório completo, clique aqui.

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

voltar ao topo