A- A A+

TOKIO MARINE SEGURADORA

Mercado brasileiro de vedações ganha inédita tradução de manual sobre gaxetas de compressão

  • Escrito por  Márcia Brandão Azevedo/André Spinelli
  • Publicado em Demais
  • Imprimir
  • Compartilhar::

Focado no atendimento às necessidades do setor de vedações e na contribuição com o melhor entendimento técnico de consumidores sobre as gaxetas de compressão, elementos utilizados para impedir ou reduzir a passagem de um fluido por uma determinada região, a CSVED – Câmara Setorial dos Fabricantes de Vedações, em parceria com a americana Fluid Sealing Association, acaba de lançar um manual técnico em língua portuguesa sobre esses dispositivos de vedação, adaptado ao mercado nacional.

O presidente da CSVED, Hélio Guida, explica que a iniciativa de fornecer um material didático aos usuários do produto partiu da câmara que, há anos, tem trabalhado na adaptação do manual para a linguagem portuguesa, a fim de beneficiar a indústria brasileira.

“O nosso objetivo é disponibilizar material técnico educativo para o mercado brasileiro, que é bastante carente de literaturas técnicas na área de vedação”, afirma Guida.

O manual

De forma simples e objetiva, o manual traz informações elementares para o entendimento de gaxetas de compressão que, de acordo com o material, tratam-se de elementos pré-formados, de estrutura flexível, empregadas para impedir (reduzir) a passagem de um fluido por uma determinada região (caixa de gaxetas).

O material provê informações sobre gaxetas de compressão e seus componentes, bem como a seleção e os métodos adequados de aplicação. O conteúdo funciona como uma referência útil para todos os envolvidos no manuseio e na operação de gaxetas de compressão, desde a fabricação das fibras até a construção específica e o uso final em aplicações específicas. As informações contidas no manual detalham não só o uso desse dispositivo, mas também as suas partes constituintes e os métodos de fabricação.

O manual pode ser adquirido diretamente com a câmara, que continuará trabalhando para a elaboração de novos manuais.

O setor

Como em todos os setores da economia, o segmento de vedações sentiu os efeitos da crise econômica. Entretanto, como esta indústria atua na manutenção de equipamentos, encontra um mercado essencialmente constante para trabalhar.

“A perspectiva é que, com a melhora da economia, as vendas possam crescer também para os fabricantes de equipamentos, aumentando o faturamento do setor”, avalia Guida.

A CSVED

Criada em 2009, a Câmara Setorial dos Fabricantes de Vedações – CSVED tem atuado em diversas frentes em prol do setor.

Nesse sentido, a CSVED tem buscado normas técnicas nacionais para selos mecânicos e procurado ajustar a descrição de todos os produtos da área de vedações. Enquanto isso, a câmara tenta financiamento para montar o laboratório próprio.

Nesses sete anos de existência, a CSVED já obteve importantes conquistas para o setor, como a parceria com a Fluid Sealing Association-USA para tradução de manuais técnicos, o curso de vedações no SENAI e as traduções de Normas Técnicas.

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IIMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...
 
www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

voltar ao topo