TOKIO MARINE SEGURADORA

Sindserrarias Ceará discute Lei de Uso e Ocupação de Solo de Fortaleza

A Lei de Uso e Ocupação do Solo de Fortaleza (Luos) e suas implicações para a indústria do segmento de serrarias foi pauta da reunião mensal do Sindserrarias, realizada nesta terça-feira (2/8), na sede da FIEC. O foco das discussões foi o projeto de lei complementar n° 01/2016, que dispõe sobre a Luos, e tramita atualmente na Câmara Municipal. A ideia do sindicato é se debruçar com profundidade sobre o projeto de lei para avaliar de que forma as empresas do setor poderão ser impactadas e propor melhorias e adequações. “O Sindserrarias vai trabalhar para viabilizar assessoria técnica e jurídica sobre essa questão”, disse o presidente do sindicato, Agostinho Alcântara.

Outro destaque da reunião foi a apresentação do Sebrae sobre os serviços oferecidos pela instituição para a indústria, especialmente o Sebraetec que oferece subsídios de até 60% para consultorias nas áreas de inovação e tecnologia. O Senai também esteve presente mostrando de que forma os serviços oferecidos podem ser acessados pelas serrarias. O presidente do Sindserrarias afirmou que o momento é de “detectar demandas para costurar parcerias em prol do desenvolvimento do segmento”. A reunião contou ainda com uma palestra da consultora Roseane Pimentel sobre “Otimização de resultados organizacionais”.

 

Compartilhar::
Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

voltar ao topo