TOKIO MARINE SEGURADORA

Primeiro site especializado em legislação comentada gratuita, Direito Com Ponto Com prevê mais de 2 milhões de page views por mês até o final deste ano  

  • Escrito por  Galeria de Comunicações 
  • Publicado em Demais
  • Imprimir

Maior do Brasil, site é pioneiro no gênero e tem batido sucessivos recordes de audiência por trazer questões aprofundadas do interesse de advogados, estudantes e profissionais que se preparam para prestar concursos, além de um variado público leigo atraído pela linguagem e navegação fáceis. As leis são comentadas por renomados especialistas das mais diversas áreas do Direito

O site Direito Com Ponto Com está completando três anos no ar com uma audiência que supera todas as expectativas do fundadores. Um dos mais jovens da área legal, já está posicionado entre os quatro maiores sites brasileiros especializados em legislação e o número de acessos a suas páginas bate recordes diários: cresceu mais de 3.000% desde a criação. Hoje, o movimento diário de visitas é equivalente ao que foi computado mensalmente no primeiro ano de existência. São quase 14.000 acessos e mais de 40.000 visualizações diárias, ou cerca de 350 mil visitantes e aproximadamente 1,2 milhão de page views por mês. A perspectiva é fechar 2016 com mais de 2 milhões, diz Giácomo Garavelli, do site Direito Com Ponto Com, que vem conquistando toda essa audiência pelo pioneirismo. Foi o primeiro site brasileiro a lançar legislações comentadas por renomados especialistas, conteúdos que abrangem inclusive os casos de jurisprudência. Ou seja, além das leis, ele traz afinado conhecimento.

"O Direito Com Ponto Com é bastante acessado e tende a ser ainda mais visitado por públicos variados porque a legislação comentada embute a expertise de profissionais que conhecem profundamente as leis. Pode servir como uma segunda opinião para advogados já consagrados ou recém-formados em suas rotinas de trabalho, como fonte de pesquisa para estudantes de Direito ou de outras áreas, para quem vai prestar concurso público e até mesmo para leigos que precisam se informar em algum momento, uma vez que a linguagem é bastante acessível e a navegação é fácil", diz Garavelli. Em torno de 70% do público é vinculado à área do Direito, de advogados a estudantes. Um dado que revela o quanto a audiência é aberta e diversificada.

O site foi fundado em 2013 exatamente para cobrir essa lacuna existente no universo da internet. Ao perceber que não havia nada similar no Brasil, um grupo de advogados decidiu montar o Direito Com Ponto Com, disponibilizando gratuitamente os conteúdos elaborados exclusivamente para o site por juízes, desembargadores, professores, mestres e doutores da área do Direito. Um acervo que, no ano passado, foi acessado por mais de 2,5 milhões de estudantes, profissionais do universo jurídico, pesquisadores de outras áreas e até mesmo leigos que buscam informações sobre a Lei do Inquilinato, as Leis Trabalhistas ou o Código de Defesa do Consumidor, como exemplos. Em 2015, foram mais de 9 milhões de páginas exibidas, acessadas por internautas de todos os estados brasileiros.

"Temos hoje 18 legislações comentadas e começamos com cinco, além da Batalha da Vida, que discorre sobre todas as situações jurídicas pelas quais uma pessoa passa ao longo da vida; e um comparativo entre o antigo Código de Processo Civil (CPC) e o Novo CPC. Cabe ressaltar que o comparativo é interessante pois mostra as principais mudanças entre os dois códigos. Procuramos sempre atualizar e aumentar o número de legislações comentadas. Conforme vamos disponibilizando novos conteúdos, a audiência cresce", explica Garavelli, acrescentando que a previsão é que o site disponibilize quase todas as legislações, com conteúdos comentados, até o final deste ano.

Foco na Qualidade

Mesmo tendo sido seguido por outras iniciativas similares, o Direito Com Ponto Com é o maior site brasileiro de legislação comentada e é bastante acessado especialmente pela qualidade do conteúdo que publica. São obras de profissionais altamente gabaritados como Márcia Dinamarco, doutora Direito Econômico e Processo Civil e professora de Direito Processual Civil na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo; Luiz Fernando Guerreiro, doutor em Direito Processual Civil pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP) e com especialização em Mediação e Negociação pela Northwestern University (Chicago, EUA); Rodrigo Garcia Schwarz, juiz do trabalho, professor universitário e pesquisador da Fundación Centro Internacional de Educación y Desarrollo Humano (Colômbia); e Nathalia Mazzonetto, mestre em Direito Processual pela USP e com cursos de especialização em Direito Processual Civil e Arbitragem pela Università degli Studi di Milano (Milão, Itália) e em Direito da Propriedade Intelectual pela Università Commerciale Luigi Bocconi (Milão, Itália) e Faculdade de Direito da GV (GVLaw/SP), apenas para citar alguns de seus ilustres colaboradores.

Além da legislação comentada, o Direito Com Ponto Com traz ainda artigos de colunistas fixos, profissionais também de grande renome, como Gabriel Quintanilha, mestrando em Economia Empresarial pela UCAM e pós-graduado em Direito Público e Tributário; e Flávio Olímpio de Azevedo, bacharel em Direito, ex-examinador do Exame de Ordem da OAB-SP, ex-membro do Tribunal Ética de São Paulo e autor também de Batalha da Vida, uma das páginas mais acessadas do site.

Best Sellers

"Batalha da Vida coloca situações que vão do nascimento de uma pessoa até a morte. Aspectos jurídicos que qualquer um passa ao longo da vida, como a obrigatoriedade e prazos para fazer o registro de nascimento; questões sobre casamento, como separação parcial ou total de bens; divórcios; pensões alimentícias; questões relativas ao trabalho; herança; enfim todos os problemas que uma pessoa pode enfrentar. É uma obra sem igual no Brasil e reunida em um só local. Por isso, muito atrativa para o público em geral", afirma Garavelli.

Além de Batalha da Vida, a Lei do Inquilinato, o Novo Código de Processo Civil, a Consolidação das Leis Trabalhistas e a Lei da Propriedade Industrial são as páginas mais acessadas do Direito Com Ponto Com. "Propriedade Industrial é uma área com poucas publicações no Brasil e a Nathalia Mazzonetto é uma das mais importantes especialistas no tema", diz Garavelli, observando que apenas o Novo CPC comentado aumentou a audiência mensal em 500 mil visualizações. "Um Código Civil bem feito e elaborado está para entrar no site e vai ampliar em pelo menos mais 600 mil visualizações por mês."

O site também traz links para a TV Justiça e TV Senado, entre outras parcerias com o meio legal. Também tem um Diretório de Advogados, no qual os profissionais podem se cadastrar gratuitamente, disponibilizando endereços, telefones, e-mails, entre outros dados que podem ser acessados por qualquer pessoa que esteja buscando um prestador desse tipo de serviço. Atualmente, 178 advogados de várias cidades brasileiras fazem parte do cadastro. Para saber mais sobre o Direito Com Ponto Com acesse www.direitocom.com

Compartilhar::
Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

voltar ao topo