Brasil, 20 de Novembro de 2017
A- A A+

TOKIO MARINE SEGURADORA

O avanço gradual do microsseguro na América Latina

  • Escrito por  CNseg
  • Adicionar novo comentario
  • Publicado em Seguros
  • Imprimir
  • Compartilhar::

O avanço gradual do microsseguro na América Latina

Coberturas amparam quase 53 milhões de pessoas e dependem de marco mais favorável para ampliar taxa de cobertura

Ainda que não tenha alcançado o estado de arte em termos de número de segurados, de coberturas adequadas e de celeridade na liquidação, o microsseguro avança na América Latina e ampara atualmente 52,1 milhões de pessoas na região. Estas são algumas das conclusões extraídas da 13ª Conferência Internacional de Microsseguros, realizada em Lima, no Peru, na semana passada, sob auspícios da Asociación Peruana de Empresas de Seguros (Apeseg) e da Fundação Munique Re.“A América Latina e Caribe têm aferido um crescimento substancial dos microsseguros. Entretanto, eventos recentes, como inundações no Peru ou terremotos e furações nestas regiões, demonstram que as proteções para pessoas de baixa renda ainda não são suficientes", reconheceu Dirk Reinhard, vice-presidente de Fundación Munich Re, para quem o avanço do microsseguro dependerá de maior apoio governamental e de marcos regulatórios que facilitem a compra de coberturas e acelerem o pagamento de indenizações por meio remotos.

Segundo ele, os governos de toda a região reconhecem o papel importante do microsseguro, o que pode ajudar pessoas a custear perdas tanto de riscos catastróficos quanto cotidianos. Presidente da Apeseg e da 13ª Conferência Internacional de Microsseguros, Eduardo Morón Pastor destacou a importância de melhorias no marco regulatório do microsseguro e de estudos sobre necessidades mais adequadas dos consumidores como fatores para gerar aumento da demanda potencial dos produtos.

De qualquer forma, os prêmios de microsseguros entre 2013 e 2016 registraram incremento de 1.799% na região, com destaque para o Brasil, Nicarágua e Peru. No México, a arrecadação teve evolução média anual de 36% entre 2007 y 2017. Curiosamente, as comissões de corretagem tiveram redução, de 20% para 12%, ao passo que a sinistralidade média permanece relativamente baixa, na faixa de 46%. Há expansão em coberturas para atividades agrícolas, além de relativa expansão das apólices de Vida.

Os recentes desastres naturais ocorridos na região, porém, criam o desafio de tornar o seguro mais efetivo, a partir do desenvolvimento de estratégias para mitigar riscos, a fim de que os mais pobres se tornem mais resistentes e menos vulneráveis aos infortúnios. “Nosso objetivo deve ser o de ajudar pessoas a desenvolver sua capacidade de reação e reconstrução, barrando a volta da espiral da pobreza”, afirmou Katharine Pulvermacher, diretora executiva de Microinsurance Network, a plataforma que reúne diveraas instituições interessadas na promoção dos seguros inclusivos em direção às populações mais pobres do mundo.

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IIMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...
 
www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Esta ferramenta é automatizada...Sucesso!


Código de segurança
Atualizar

voltar ao topo

Sobre nós::

Siga-nos::

Notícias::

Mais Itens::