Brasil, 18 de Janeiro de 2018

TOKIO MARINE SEGURADORA

+ F O N T E -

Seconci-SP chama a atenção para a importância dos Exames Periódicos e de Qualidade de Vida

Doenças como diabetes, hipertensão e colesterol alto podem ser identificadas por meio destas avaliações

Prestes a completar 40 anos de existência, em 2018, os exames médicos periódicos foram regulamentados e tornaram-se obrigatórios no Brasil, por meio da portaria nº. 3214. O principal objetivo da regulamentação foi estabelecer a avaliação do estado de saúde dos trabalhadores e orientá-los quanto aos níveis dos fatores de risco a que estão expostos em seus ambientes laborais.

O gerente de Medicina Ocupacional do Seconci-SP (Serviço Social da Construção), Douglas de Freitas Queiroz, ressalta que a lei foi uma conquista importante tanto para os trabalhadores, que puderam ter acesso à avaliação médica e verificar se sua atividade profissional estava trazendo algum risco à saúde, quanto para as empresas, que conseguiram mitigar os afastamentos prolongados dos funcionários por doenças que muitas vezes só apresentam sintomas com o passar dos anos.

Queiroz explica que a portaria nº. 3214 estabeleceu uma série de procedimentos que deveriam ser seguidos pelas empresas, conhecidos como Normas Regulamentadoras (NR). “A NR número 7 é a que fala dos tipos de Exames Ocupacionais nos quais os trabalhadores do regime de CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas) devem ser submetidos”.

De acordo com a NR7, as companhias precisam elaborar um Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional (PCMSO) que indicará a regularidade na qual os funcionários serão submetidos às avaliações.

Os exames são realizados em cinco situações: na contratação ou demissão; em caso de mudança de função; no retorno ao trabalho após afastamento por um período superior a 15 dias; e periodicamente. Neste último caso, a frequência depende do perfil etário do colaborador e se a atividade envolve insalubridade.

“Trabalhadores com menos de 18 e mais de 45 anos precisam realizar anualmente os exames. Para as demais idades o prazo é a cada dois anos, mas no Seconci-SP realizamos preventivamente a cada doze meses porque consideramos 24 meses um intervalo muito longo ”, comenta o gerente de Medicina Ocupacional da entidade. Já pessoas que manuseiam materiais químicos, como pintores, por exemplo, o prazo cai para seis meses.

Queiroz ressalta que apesar dos grandes avanços trazidos pela NR7, hoje é preciso dar mais um passo. “Está claro que as empresas não precisam se preocupar apenas em prevenir situações que podem causar o adoecimento do funcionário no ambiente laboral. É preciso promover programas de qualidade vida para que estes trabalhadores possam identificar e tratar doenças que podem não ter relação com a sua atividade, mas que mesmo assim podem torná-los inaptos”, explica o profissional.

“No Seconci-SP desenvolvemos hoje este tipo de iniciativa para os funcionários de todas as empresas que mantêm contrato de Medicina Ocupacional conosco. Conseguimos diagnosticar e tratar precocemente enfermidades, como diabetes, hipertensão e colesterol alto, que não apresentam sintomas no curto prazo e que podem causar muitos problemas à saúde quando não tratados”, complementa.

O grande diferencial, segundo o especialista, é quando o funcionário da construção civil descobre o problema logo no início e assim ele não precisa se afastar de suas atividades profissionais. “Uma pessoa com colesterol alto, por exemplo, terá grande chance de tratá-lo com o acompanhamento de nutricionista e médicos, diminuindo a chance de ter problemas mais sérios no sistema circulatório”, conclui Queiroz.

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IIMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...
 
www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Esta ferramenta é automatizada...Sucesso!


Código de segurança
Atualizar

voltar ao topo

Sobre nós::

Siga-nos::

Notícias::

Mais Itens::