Brasil, 23 de Outubro de 2017
A- A A+

TOKIO MARINE SEGURADORA

Unidos contra o Aedes Aegypti

  • Escrito por  MANOELA MESSIAS
  • Adicionar novo comentario
  • Publicado em Saúde
  • Imprimir
  • Compartilhar::

Números de casos de dengue diminuíram, mas é preciso continuar eliminando focos. Colaboradores e agentes de saúde se unem para vistoriar obra e conscientizar trabalhadores em Aparecida de Goiânia

De acordo com a prefeitura de Aparecida de Goiânia, o município registrou uma queda de mais de 20% dos casos de dengue em 2016, foram notificados, no ano, 13.408 casos de dengue e 3 óbitos confirmados contra 17.237 casos e 7 óbitos confirmados em 2015. Números que aliviam, mas não dispensam a vigilância. As atitudes de prevenção contra o mosquito não devem ser deixadas de lado.

Por isso, mais uma vez, voluntários da MRV Engenharia se uniram aos agentes de saúde pública de Aparecida de Goiânia em uma ação de conscientização e combate ao mosquito Aedes Aegypti, realizada hoje (14). Cerca de 25 colaboradores e agentes de saúde estiveram neste pente fino.

As atividades tiveram início na manhã desta terça-feira, 14 de fevereiro, no Jardim Imperial, em Aparecida de Goiânia, onde está a obra Gran Império, às 07 horas. No total, serão vistoriados cerca de 10 mil metros quadrados - a área total do empreendimento, onde estão sendo erguidos quase 200 apartamentos.

Além de promoverem uma varredura da obra em busca de focos, houve palestra na obra Gran Império, para que os colaboradores pudessem aprender o que pode ser feito para evitar focos do mosquito no local de trabalho. A ideia é que eles tornem-se multiplicadores da mensagem para suas famílias.

“Esta é uma ação de responsabilidade social da empresa, em que nos tornamos parceiros da administração pública para combater e conscientizar os funcionários e os moradores da região sobre a importância que cada um tem no combate ao mosquito”, explica o Gestor Ambiental da Regional de Campo Grande e Goiânia, Abadio Furtado.

Luta constante

A mobilização feita pela MRV Engenharia começou em 2008 e já foi realizada em diversos estados como Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais. Em 2015, diante do alto índice de casos das doenças a empresa resolveu estender a ação para Goiás. “Vimos que as ações anteriores foram sucesso nos demais Estados, então decidimos trazê-la para Goiás, que chegou a estar em primeiro lugar na lista do Ministério da Saúde. Tendo o apoio público e dos nossos colaboradores temos certeza que a conscientização será cada vez maior”, reforça Abadio.

Números

O Brasil registrou, até 24 de dezembro de 2016, quase 1,5 milhão de casos de dengue. As regiões Sudeste e Nordeste do país apresentaram as maiores incidências da dengue, somando quase 1,2 milhão. Em seguida estão as regiões Centro-Oeste (202 mil), Sul (73 mil) e Norte (39 mil). Entre as Unidades da Federação, Mato Grosso do Sul ficou entre os Estados que se destacaram com mais de 44 mil casos.

A soma de mortes por dengue, zika e chikungunya no Brasil em 2016, até o dia 24 de dezembro, chegou a 794: 629 por dengue, 159 por chikungunya e 6 por zika. No mesmo período de 2015, as três doenças haviam provocado 1.001 mortes: 984 por dengue, 14 por chikungunya e 3 por zika.

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IIMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...
 
www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Esta ferramenta é automatizada...Sucesso!


Código de segurança
Atualizar

voltar ao topo

Sobre nós::

Siga-nos::

Notícias::

Mais Itens::