Brasil, 22 de Setembro de 2017
A- A A+

TOKIO MARINE SEGURADORA

Rinite e asma são as doenças crônicas que mais causam complicações durante o inverno

  • Escrito por  Béatrice Zozzoli
  • Adicionar novo comentario
  • Publicado em Saúde
  • Imprimir
  • Compartilhar::

Gripes, resfriados, rinites, otites, pneumonias, sinusites, bronquites, traqueítes, são algumas das doenças que se tornaram sinônimo de preocupação para muitas pessoas entre os meses de julho e setembro, período de inverno no Brasil. 

Para ajudar a tirar dúvidas e a descobrir formas de tratamento que evitam o contágio ano após ano, a Doctoralia, plataforma líder mundial para a conexão de profissionais de saúde com pacientes em todo o Brasil é um dos locais mais acessados para tirar dúvidas e descobrir formas de prevenção.

A alergologista Anna Luiza Porto Gonçalves que faz parte dos médicos cadastrados na plataforma, explica que as mudanças bruscas de temperatura, o clima úmido, dias com baixa temperatura e mudança de hábitos são os principais fatores que ajudam a elevar a incidência de doenças respiratórias durante essa época. Segundo a especialista, as doenças se agravam durante o inverno porque as pessoas têm tendência a se resguardar do tempo frio e a buscar espaços mais aquecidos, menores, com pouca circulação de ar para ficar protegidos, o que favorece, circulação de vírus e bactérias no ambiente e a contração de doenças de fácil transmissão, como as gripes e os resfriados.

Na entrevista a seguir, Anna Luiza fala sobre as melhores formas de se prevenir contra doenças do inverno.

1.Quais as doenças que mais impactam os brasileiros neste inverno?

Uma pesquisa realizada recentemente pelo Ibope, apurou que cerca de 40% dos brasileiros apresentam doenças respiratórias no inverno. De um modo geral, a rinite e a asma são as doenças crônicas que apresentam maior prevalência de complicações nesse período do ano seguidas das gripes, amigdalites, otites e as sinusites.

2.Quais as diferenças entre as doenças nas cidades e no campo?

Normalmente, fica a impressão de que as grandes cidades são, em geral, mais poluídas e as moradias menos espaçosas além de ter um contingente populacional superior, o que é considerado como uma grande causa de muitas das doenças respiratórias. Mas, ao mesmo tempo, é valido ressaltar um estudo feito na região de Presidente Prudente e arredores que mostra que a principal fonte de poluição está no campo, devido às queimadas das plantações, como é o caso da cana de açúcar. Diante disso, a estimativa de internações por agravamento das doenças respiratórias apresenta um aumento em torno de 80% no período das queimadas. Evidencia-se, cada dia mais, que a diferença da vida no campo e nas cidades cai, quando comparamos questões como as doenças ambientais.

3.O que devemos fazer para nos prevenir sobre doenças típicas de inverno?

- Evitar varrer a casa com vassoura, preferir passar pano úmido;

- Evitar aglomerações e ambientes fechados. Em casa, deve-se manter os ambientes ventilados;

- Ingerir líquidos frequentemente;

- Manter o nariz sempre hidratado (utilizar soro fisiológico);

- Atenção ao usar mantas, blusas de lã e cobertores. Embora limpos quando foram guardados, cabe a higienização adequada antes do uso;

- Manter hábitos saudáveis, alimentação balanceada (com alimentos ricos em vitamina C, como laranja, limão, acerola, abacaxi) e atividade física, além de ter uma boa noite de sono.

4.Quem é mais afetado no inverno no Brasil?

As crianças e os idosos. A baixa imunidade desses dois grupos, associada aos fatores estressantes e aos fatores de risco que não controlamos, como mudanças bruscas de temperatura e baixa umidade do ar, contribuem para que este grupo seja mais afetado pelas doenças respiratórias, principalmente as de origem infecciosas de fácil transmissão, como as infecções virais. Desta forma, torna-se imprescindível que esse grupo se previna de complicações mais graves, por meio da imunização para gripe através da vacinação, o que ajuda a reduzir complicações mais severas dessas patologias.

Sobre Doctoralia

Doctoralia é a plataforma líder mundial que conecta profissionais de saúde com os pacientes, transformando e melhorando a relação entre eles por meio do fornecimento de ferramentas que contribuem para melhorar a visibilidade online dos profissionais de saúde, ajudando-os a encontrar mais pacientes e a melhor gerenciá-los. No que diz respeito à saúde do usuário, proporciona um espaço para tirar dúvidas, dar opiniões e encontrar o melhor profissional de saúde para atender suas necessidades. Doctoralia tem 9 milhões de usuários mensais e está disponível em 20 países: Brasil, Espanha, México, França, Argentina, Itália, Reino Unido, Canadá, Portugal, Índia, Estados Unidos, Alemanha, Suíça, Holanda, Colômbia, Chile, Emirados Árabes Unidos, Áustria, Peru e Austrália. Conheça mais em www.doctoralia.com.br

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IIMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...
 
www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Esta ferramenta é automatizada...Sucesso!


Código de segurança
Atualizar

voltar ao topo

Sobre nós::

Siga-nos::

Notícias::

Mais Itens::