Brasil, 18 de Outubro de 2017
A- A A+

TOKIO MARINE SEGURADORA

Aprendendo história com os índios

  • Escrito por  Tato Comunicação
  • Adicionar novo comentario
  • Publicado em Educação
  • Imprimir
  • Compartilhar::

# Projeto leva índios às escolas públicas e particulares do DF e entorno

# Edição 2017 terá intérprete de Libras e instrutor para crianças com deficiência visual

Há 20 anos na estrada, o projeto Circuito Escolas com o Grupo Walê Fulni-ô promove interação entre alunos e professores de escolas do Distrito Federal e os Fulni-ô, tribo indígena de Pernambuco. A partir desta semana até o dia 3 de maio , 23 escolas públicas do Distrito Federal irão redescobrir o Brasil por meio do Grupo Cultural Walê Fulni-ô.

Índios de tribo pernambucana com habilidades artísticas no campo da dança, da música e do artesanato. Integrantes do clã estão na cidade para promover intercâmbio cultural entre duas civilizações diferentes.

O objetivo desse encontro de forte caráter sócio-educativo, que já passou por 500 escolas do DF e realizou mil apresentações, em duas décadas de existência, é fazer com que a garotada se familiarize com a realidade de um povo que ajudou a formar a base da sociedade brasileira, os índios. Pela primeira vez, o projeto terá intérprete de libras e instrutor para crianças com deficiência visual .“Era o que faltava para esses encontros, dar condições de acesso e igualdade ao ensino-aprendizagem às crianças com necessidades especiais. Por isso, em 2017, priorizamos as apresentações em escolas inclusivas, explica a coordenadora do projeto Carla Landim.

“Sair um pouco do livro e da sala para aprender sobre os índios diretamente com eles, quebrando preconceitos e estereótipos, levando cultura para as escolas”, diz o idealizador e arte-educador Pablo Ravi, explicando a importância do programa. “Trata-se de um projeto inédito, que poderia servir de exemplo para o governo realizar com todas as tribos em todos os estados. Todos saem ganhando: as crianças aprendem mais, os índios podem divulgar sua cultura e vender seus artesanatos, ajudando também financeiramente grande parte da aldeia”, defende.

Com experiência profissional junto à FUNAI - entidade nacional responsável pelos interesses indígenas – ele e o também arte-educador Daniel Santos fazem um primeiro contato junto às escolas promovendo palestras lúdicas, descontraídas e interativas. A ideia é despertar o senso crítico e trazer novas reflexões sobre a comunidade indígena brasileira. “Tem escolas, tanto públicas como particulares, que ligam todo ano querendo receber o grupo”, comenta Ravi.

A segunda etapa é ainda mais divertida, com apresentações de danças, canções e rituais Fulni-ô para alunos, professores e funcionários das escolas, fazendo que todo mundo, literalmente, entre na roda. Brincando, se divertido e interagindo, todos aprendem histórias da tribo e um pouco da língua nativa yatê. Ao todo, serão 42 apresentações, de manhã e à tarde em 23 escolas de Brasília e entorno. O Grupo Walê Fulni-ô fará as apresentações sócio-educativas na Ceilândia, Planaltina, Guará, Taguatinga, Sobradinho, Águas Claras, Parkway e também no DF.

Para difundir os costumes, tradições e o dia a dia da tribo indígena uma exposição de artesanato será montada durante a passagem do Grupo Walê Fulni-ô pela escola. Uma lembrança marcante dessa experiência poderá ser adquirida com a compra de brinquedos baratos como arco e flecha, brincos, apitos, chocalhos, flautas e cocas.

Com apoio do Fundo de Apoio à Cultura, o projeto Circuito Escolas com o Grupo Walê Fulni-ô contempla o cumprimento de lei que determina o ensino de Cultura Indígena nas escolas. A iniciativa é um reconhecimento da importância dos índios na formação do povo brasileiro. Atualmente, existem no Brasil mais de 230 tribos indígenas, mostrando a imensa diversidade dessa cultura.

Escolas que tenham interesse pelo projeto, poderão consultar a disponibilidade na agenda pelo .

Serviço

Aprendendo história brincando de índio

Projeto Circuito Escolas com o Grupo Walê Fulni-ô

Até o dia 3 de maio

Locais e Horários: Consultar programação

Gratuito

Informações: 97400-7448

Agendamento:

CI- Livre

 

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IIMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...
 
www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Esta ferramenta é automatizada...Sucesso!


Código de segurança
Atualizar

voltar ao topo

Sobre nós::

Siga-nos::

Notícias::

Mais Itens::