Brasil, 15 de Dezembro de 2017
A- A A+

TOKIO MARINE SEGURADORA

CPFL Piratininga dá dicas de segurança para reformas das instalações elétricas

  • Escrito por  Loures Consultoria
  • Adicionar novo comentario
  • Publicado em Demais
  • Imprimir
  • Compartilhar::

Monitorar a rede elétrica e fazer um planejamento detalhado são medidas importantes para garantir segurança na obra, informa distribuidora

A CPFL Piratininga, distribuidora da CPFL Energia que atende mais de 1,70 milhão de consumidores em 27 municípios do interior e litoral paulista, faz um alerta: é fundamental estar atento a todas as medidas de segurança para evitar acidentes com os trabalhos nas proximidades das instalações elétricas – as internas e as externas.

“Em uma época em que muitas famílias usam o pagamento da primeira parcela do 13º salário para realizar reformas em seus imóveis, é muito importante não descuidar da segurança e estar consciente sobre os riscos dos trabalhos próximos às instalações elétricas. Nosso maior objetivo é reduzir ao máximo o número de acidentes e, acima de tudo, a preservação da vida", afirma o gerente de Saúde e Segurança do Trabalho, Marcos Victor Lopes.

Acondicionadas dentro das paredes ou sobre o forro, as instalações elétricas nas residências muitas vezes são esquecidas no momento de orçar as reformas. A rede elétrica antiga e sem reparos eleva o valor da conta de luz e aumenta os riscos de curtos-circuitos e incêndios. Além disso, o correto funcionamento de lâmpadas e eletrodomésticos dentro das residências não significa, necessariamente, que a fiação elétrica interna esteja em boas condições.

Manter a rede elétrica residencial monitorada é imprescindível para identificar a hora certa de reformar a instalação elétrica e evitar acidentes. As maiores causas de incêndios são resultado de instalações elétricas antigas – muitas vezes feitas pelos moradores utilizando fios e cabos defasados, o que pode colocar em risco toda a segurança da residência.

A CPFL Piratininga recomenda aos clientes inspeções anuais na instalação elétrica residencial e reformas, pelo menos, a cada cinco anos. Além da importância de contratar um profissional qualificado, o principal passo para a realização deste trabalho é um bom planejamento, desde identificar a localização da rede elétrica até a qualidade do material que será utilizado. A falta de estudo da rede e a ausência de uso dos Equipamentos de Proteção Individual e Coletivo são alguns dos erros fatais que mais ocorrem durante as reformas elétricas.

Fora de casa também é importante estar atento à proximidade com a rede elétrica. Ao construir ou reformar, cuidados especiais devem ser tomados com vergalhões, barras de ferro, réguas de alumínio e canos, entre outros materiais. O cabo extensor, para quem vai pintar, é condutor de energia e a sua aproximação dos fios causa graves acidentes. E andaimes devem ser montados longe da rede de eletricidade. A atenção deve ser redobrada e com reparos em lajes, telhados, segundo e terceiros pavimentos.

Conheça as principais dicas para evitar acidentes na sua residência:

• Nunca deixe a fiação ao alcance das crianças;

• Não utilize extensões para alimentação de vários aparelhos;

• Não mexa no chuveiro ligado;

• Utilize protetores nas tomadas, para evitar que objetos sejam introduzidos por crianças;

• Caso esteja utilizando equipamentos em ambientes úmidos e molhados, é necessário redobrar a atenção;

• Fios descascados, amassados ou com corrosão na capa isolante devem ser imediatamente substituídos;

• Fique atento à temperatura dos fios dos aparelhos. Se eles ficarem muito aquecidos durante o uso, chame um técnico eletricista;

• Não realize ligações de novas tomadas, disjuntores ou faça qualquer adaptação na instalação. Sempre que for necessário, contate um profissional;

• Nunca ligue um aparelho diretamente na tomada ou os desligue puxando-os pelo fio;

• Nunca use ‘benjamins’ para ligar mais de um aparelho na mesma tomada. Ligue apenas um aparelho por tomada;

• As tomadas, disjuntores e aparelhos elétricos devem ficar distantes de pias, torneiras ou de outros locais onde há água. Se isso não for possível, tome cuidado para que os equipamentos não entrem em contato com líquidos;

• Não utilize outros aparelhos elétricos durante o banho, como barbeador;

• Quando ocorre o desarmamento de disjuntores com frequência ou a queima constante de fusíveis é sinal que a instalação elétrica da sua casa está sobrecarregada. Neste caso, chame um eletricista para verificar a fiação;

• Nunca coloque arames ou moedas no lugar de fusíveis;

• Se for viajar, desligue todos os aparelhos eletrônicos das tomadas;

• Quando for trocar uma lâmpada, desligue disjuntores e a chave geral. Além disso, não toque na parte metálica da lâmpada;

• Evite deixar cortinas ou tapetes sobre os fios elétricos para evitar um incêndio em caso de curto circuito;

• Tire os aparelhos da tomada toda vez que perceber oscilação na energia elétrica de seu imóvel, e chame um técnico eletricista;

• Nunca deixe o carregador do celular ligado na tomada sem o aparelho. A outra extremidade da tomada pode ocasionar um choque elétrico em qualquer pessoa, inclusive, em crianças, provocando mortes devido à possível parada cardiorrespiratória;

• Choques ao tocar no registro do chuveiro elétrico ou na porta da geladeira são indícios que a rede elétrica está com problemas;

• Caso sinta cheiro de queimado, fumaça ou cabo derretido, chame imediatamente um técnico eletricista;

• Revise toda a fiação da sua casa a cada cinco anos como precaução.

Manutenção predial

· Ao manusear barras de ferro, perfilados de alumínio, telhas, calhas e outros matérias, certifique se constantemente para que as pontas não se aproximem das redes elétricas;

· Na construção ou manutenção predial mantenha distância segura ao manobrar equipamentos, ferramentas e outros materiais;

· Procure planejar a colocação de andaimes e sinalize corretamente quando da proximidade da rede elétrica. Os andaimes precisam estar montados de acordo com as normas de segurança;

· Certificar-se de que as instalações não estão danificadas, com “gambiarras” e adequadas à carga elétrica;

· Em local molhado, certifique se o equipamento é adequado para esta condição e atenção especial para os cabos de ligação;

· Ao trocar uma lâmpada, desligue a energia elétrica e nunca toque na parte interna do bocal (soquete). Segure somente pelo vidro;

· Quando um fusível derreter ou fundir, nunca o substitua por moedas, arames, fios de cobre, de alumínio ou qualquer outro objeto. Desligue imediatamente a chave e procure saber qual a causa do incidente. Troque sempre o fusível danificado por um novo, de igual amperagem e, se possível, troque por disjuntores, que oferecem maior segurança;

· Nunca use aparelhos elétricos, como por exemplo furadeiras ou lixadeiras, em locais com água ou umidade, nem com as mãos ou os pés molhados;

· Não ligue ferramentas em Benjamim ou tomada tipo T. Aparelhos elétricos ligados no Benjamim sobrecarregam a tomada, provocando um superaquecimento dos fios que podem causar um curto-circuito;

· Não se arrisque, pois somente profissionais capacitados ou qualificados devem executar serviços em instalações elétricas;

· Desligar sempre aparelhos elétricos antes de limpar ou fazer pequenos reparos;

· Verifica a exata voltagem da ferramenta elétrica antes de conectá-la à tomada.

O que fazer quando acontecer um curto circuito e princípio de incêndio?

• Primeiro de tudo, desligue a chave geral ou o disjuntor. Nunca jogue água em princípios de incêndio elétrico. A água é um condutor de eletricidade. A pessoa que estiver próximo à fiação pode receber uma grande descarga elétrica, podendo levá-la à morte;

• Ao usar equipamentos contra incêndio de origem elétrica, observe sua classificação e modo de uso (procure o indicado para equipamentos elétricos);

• Avise os bombeiros e, se necessário, contate a distribuidora responsável pelo fornecimento, para solicitar a suspensão de energia do imóvel, por questão de segurança.

Sobre a CPFL Energia

A CPFL Energia, há 105 anos no setor elétrico, atua nos segmentos de distribuição, geração, comercialização e serviços. Desde janeiro de 2017, o Grupo faz parte da State Grid, estatal chinesa que é a segunda maior organização empresarial do mundo e a maior companhia de energia elétrica, atendendo 88% do território chinês e com operações na Itália, Austrália, Portugal, Filipinas e Hong Kong.

Com 14,3% de participação, a CPFL Energia é líder no mercado de distribuição, totalizando mais de 9,1 milhões de clientes em 679 cidades, entre os estados de São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Paraná. Na comercialização, é uma das líderes no mercado livre, com participação de mercado de 14,1% na venda para consumidores finais. É líder na comercialização de energia incentivada para clientes livres entre as comercializadoras.

Na geração, é a terceira maior agente privada do País, com um portfólio baseado em fontes limpas e renováveis, como grandes hidrelétricas, usinas eólicas, térmicas a biomassa, Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCH) e usina solar. Considerando a participação acionária na CPFL Renováveis, maior empresa de geração da América Latina a partir de fontes alternativas de energia, a capacidade instalada do Grupo CPFL alcançou 3.283 MW, no final do terceiro trimestre de 2017.

A CPFL Energia possui ações listadas no Novo Mercado da BM&FBovespa e ADR Nível III na NYSE, além de participar do Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da B3 pelo 13º ano consecutivo. O Grupo também ocupa posição de destaque em arte e cultura, entre os maiores investidores brasileiros, por meio do Instituto CPFL.

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IIMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...
 
www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Esta ferramenta é automatizada...Sucesso!


Código de segurança
Atualizar

voltar ao topo

Sobre nós::

Siga-nos::

Notícias::

Mais Itens::