Brasil, 24 de Setembro de 2016
A- A A+

TOKIO MARINE SEGURADORA

Expo Revestir em sintonia com a sustentabilidade

  • Escrito por  MÃO DUPLA COMUNICAÇÃO/Foto: Daniel Mansur
  • Publicado em Demais
  • Imprimir
  • E-mail
  • Compartilhar::

Vanessa Figueiredo Vanessa Figueiredo

A arquiteta Vanessa Figueiredo esteve presente na Expo Revestir 2016 e destaca os lançamentos em revestimentos sustentáveis, que ganham força nos projetos arquitetônicos

A Expo Revestir 2016, que aconteceu de 01 a 04 de março, em São Paulo, mostrou para os profissionais da arquitetura e do décor as novidades em revestimentos que visam a sustentabilidade dos projetos, tanto em edificações como em ambientes internos.

Sempre atenta às novas tendências do mercado sustentável, a arquiteta Vanessa Figueiredo, esteve presente na feira e fala sobre dois produtos que considera como grandes destaques.

O primeiro deles é a Fachada Ventilada, que vem aderindo cada vez mais fabricantes para que nos dê um maior número de opções. A Solarium, por exemplo, incluiu essa tecnologia em sua gama de produtos. Essa fachada apresenta uma câmara de ar, que é um afastamento entre o revestimento externo e a base suporte do edifício, na qual ocorre a ventilação pelo efeito chaminé. “A Fachada Ventilada é uma alternativa sustentável que auxilia na melhoria do conforto térmico, sendo capaz de reduzir, aproximadamente, entre 30% e 50% do consumo de energia do edifício”, explica Vanessa.

O outro destaque vai para o Cleantec, da Eliane Revestimentos em parceria com a Toto, que consiste em um revestimento com tecnologia japonesa que proporciona economia, praticidade e ainda favorece a qualidade de vida dos moradores. “Trata-se de um sistema autolimpante, antibacteriano, antiodor e que purifica o ar, garantindo um ambiente saudável com menor custo de manutenção”, conta a arquiteta. É uma ótima opção para ambientes hospitalares, pois a tecnologia impede a proliferação das principais bactérias que causam infecções hospitalares.

Segundo Vanessa, a tecnologia do Cleantec permite que o revestimento haja como se fosse uma planta fazendo fotossíntese. Na presença de umidade, da luz do sol ou artificial, os óxidos de metais nobres produzem uma reação fotocatalítica, que purifica o ar, faz o processo de autolimpeza e impede a proliferação de bactérias e fungos. A arquiteta faz um comparativo para explicar melhor a eficiência do material: “Em uma casa de 150 m² revestida com o Cleantec, o ar é purificado em uma proporção equivalente a de uma floresta do tamanho de 1000 m². Essa mesma casa é capaz de purificar o ar que foi poluído por 12 carros percorrendo 30km por dia”, explica.

Vanessa Figueiredo faz um levantamento positivo da Feira este ano. “Foi muito bom ver na feira estes lançamentos sustentáveis voltados para a arquitetura de interiores, pois neste segmento, infelizmente, os recursos sustentáveis ainda são escassos”, arremata Vanessa Figueiredo.

“Como profissional de arquitetura me sinto responsável em melhorar a qualidade de vida dos indivíduos e do meio onde moramos, por isso foi muito bom ver os recursos oferecidos nesses sentidos na Expo Revestir deste ano”, Vanessa Figueiredo, arquiteta

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IIMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte.
 www.segs.com.br

Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

voltar ao topo

Compartilhar

Seguir

Sobre nós::

Siga-nos::

Notícias::

Mais Itens::

SEGS NO SEU IDIOMA::
Portuguese Afrikaans Albanian Arabic Armenian Azerbaijani Basque Belarusian Bengali Bosnian Bulgarian Catalan Chinese (Simplified) Chinese (Traditional) Croatian Czech Danish Dutch English Estonian Filipino Finnish French Galician Georgian German Greek Haitian Creole Hebrew Hindi Hungarian Icelandic Indonesian Irish Italian Japanese Khmer Korean Lao Latvian Lithuanian Macedonian Malay Maltese Mongolian Nepali Norwegian Persian Polish Romanian Russian Serbian Slovak Slovenian Somali Spanish Swahili Swedish Thai Turkish Ukrainian Urdu Vietnamese Welsh Yiddish

Ao se cadastrar, você aceita todos os Termos e Condições de Uso do Segs.com.br que consta no rodapé de todas as páginas do SEGS.