Brasil, 25 de Setembro de 2016
A- A A+

TOKIO MARINE SEGURADORA

Câmara Espanhola debate cenário econômico da América Latina

Com quase 40% de participação no PIB da região, o descompasso entre o momento econômico do Brasil em relação a seus vizinhos foi destaque..

FMI, Banco Mundial, OCDE e Embaixada da Espanha apresentaram cenário macroeconômico na primeira parte do evento.

Empresas com foco de negócios na América Latina e atuação regional, como everis, Telefónica Vivo, Banco Popular e Llorente & Cuenca reforçaram necessidade de desburocratização do país.

A Câmara Espanhola de Comércio do Brasil, realizou ontem, em São Paulo, seu primeiro seminário dedicado à discussão de temas com foco na América Latina, sob o ponto de vista de organizações internacionais e empresas que, atualmente, investem na região. Para abrir com um panorama macroeconômico, participaram o representante residente no Brasil do Fundo Monetário Internacional (FMI), Fabian Bornhorst, o representante brasileiro da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), Jens M. Arnold, o Program Leader Brasil do Banco Mundial, Roland Clarke e o Conselheiro Econômico e Comercial Chefe da Embaixada da Espanha no Brasil, Fernando Salazar Palma.

“A proposta do evento é apresentar e debater o cenário político econômico da região, apresentando aos associados e futuros investidores alguns caminhos e tendências. Além disso, por meio do painel, foi possível discutir e mostrar os desafios da gestão regional de grandes empresas com presença na América Latina”, afirmou Carolina Carvalho, diretora executiva da Câmara Espanhola.

Segundo o representante brasileiro da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), Jens M. Arnold, as companhias brasileiras possuem características diferenciadas e seu processo de desenvolvimento também é bem específico. “No Brasil as empresas que mais crescem são as que menos produzem, afirma. Para contextualizar este cenário o executivo contrapôs o exemplo do Reino Unido, onde acontece exatamente o oposto. Ou seja, as empresas menos produtivas cedem espaço para que as mais produtivas cresçam e contratem mais.

Em relação aos desafios enfrentados pelo Brasil, os participantes concordam que os investimentos em infraestrutura e em políticas públicas sustentáveis, são pontos a serem enfrentados para que o país possa superar a crise. De acordo com Roland Clarke, do Banco Mundial, “para combater os efeitos da crise no país, um dos caminhos é a geração de emprego para a redução da pobreza. Além disso torna-se necessário aumentar os investimentos públicos e privados”.

Na segunda parte do evento, executivos de empresas com forte atuação regional participaram de um debate em que expuseram seu ponto de vista sobre a situação econômica da América Latina. Participaram o COO Américas da Everis, Teodoro Lopez, o vice-presidente Conselheiro da Telefônica - Vivo no Brasil, Santiago Fernandez Valbuena, a diretora do Grupo Banco Popular Espanhol, Elena Ferrero, além do presidente da consultoria de comunicação Llorente & Cuenca, José Antônio Llorente. No formato de mesa redonda, discutiram-se os modelos de gestão regional de grandes empresas. Segundo Llorente, um dos principais desafios da internacionalização é desenvolvimento de negócios em novos mercados. “Torna-se necessário criar um plano específico, de acordo com as necessidades de cada país”, acrescenta.

A urgência de programas de Responsabilidade Social Corporativa para o continente foi destacada por Teodoro López, da everis. “Buscamos conversar com os governos e representantes dos países onde atuamos, estreitando o relacionamento e construindo uma relação de confiança e respeito entre eles”, explica.

O objetivo do encontro foi promover a interação entre palestrantes, associados e potenciais investidores sobre temas da atualidade, debatendo questões e tendências em evidência.

SOBRE A CÂMARA ESPANHOLA

A Câmara Oficial Espanhola de Comércio no Brasil é uma associação empresarial que atua há mais de 60 anos na promoção das relações econômicas entre Espanha e Brasil e conta com associados dos mais diversos setores, porte e nacionalidades. Além do intercâmbio comercial entre os dois países, sua missão é promover um ambiente de negócios ativo, valorizando o networking e gerando o compartilhamento de informações estratégicas através dos eventos e comitês setoriais de trabalho, apoio a missões empresariais, busca de importadores e parceiros comerciais e apoio ao posicionamento da marca das empresas associadas no mercado brasileiro.

Para saber mais informações acesse o site www.camaraespanhola.org.br

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IIMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte.
 www.segs.com.br

Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

voltar ao topo

Compartilhar ou Seguir

Sobre nós::

Siga-nos::

Notícias::

Mais Itens::

SEGS NO SEU IDIOMA::
Portuguese English French German Italian Russian Spanish

Ao se cadastrar, você aceita todos os Termos e Condições de Uso do Segs.com.br que consta no rodapé de todas as páginas do SEGS.