Brasil, 1 de Outubro de 2016
A- A A+

TOKIO MARINE SEGURADORA

Luiza Helena Trajano fala sobre otimismo e liderança feminina em encontro do LIDE Paraná

  • Escrito por  Mcomm Comunicação Dirigida
  • Publicado em Demais
  • Imprimir
  • E-mail
  • Compartilhar::

A presidente do Conselho de Administração do Magazine Luiza, Luiza Helena Trajano, participou, ontem (29), do Almoço-debate promovido pelo LIDE Paraná para líderes empresariais

O LIDE Paraná, Grupo de Líderes Empresariais, realizou ontem (29), no Castelo do Batel, em Curitiba, um Almoço-debate com a presidente do Conselho de Administração do Magazine Luiza, Luiza Helena Trajano. A empresária, que atualmente também dirige o Instituto para o Desenvolvimento do Varejo (IDV) e comanda o Conselho Público Olímpico, conversou com dezenas de líderes sobre o atual momento econômico do País e de que forma tem, ao longo dos anos à frente de um das maiores redes varejistas, driblado crises e ampliado as oportunidades de crescimento.

O encontro teve como tema “O papel do líder e a importância da rapidez de decisões em momentos de crise”. Segundo Trajano, a velocidade nas decisões e ações são, atualmente, uns dos principais fatores colaborativos para o sucesso. “Antigamente aprendíamos com a seguinte frase: ‘faça devagar para fazer bem feito’. E, de repente, nos vemos atualmente precisando fazer bem feito em menos tempo - com velocidade, qualidade e rentabilidade. Por isso, utilizo os três princípios: aprender rápido, agir rápido e falhar barato”.

A empresária explica que para ter velocidade nas decisões e ações, não pode haver, no entanto, o medo de errar. “E tem um detalhe: eu não gosto de errar o mesmo erro mais de uma vez. Quando você aprende a errar - isso quer dizer, que estudou o seu erro para não cometê-lo outra vez -, tudo sai mais barato. Se continuar a insistir no erro, com certeza pagará caro”. Segundo Trajano, tempos difíceis exigem também adaptabilidade e, mais que isso, entusiasmo para gerar resultados ainda melhores. “E aí está também o papel do líder, que deve conectar, entusiasmar e transmitir coragem à sua equipe. Líder é aquele que leva as pessoas além do que elas mesmas acham que podem ir”.

LIDE MULHER

A presença de Luiza Helena Trajano na edição do Almoço-debate também simboliza o anseio do LIDE Paraná em fomentar, cada vez mais, a participação feminina nos encontros do Grupo. A empresária, que esteve à frente do Magazine Luiza por 24 anos, figurou, em 2013, entre as três mulheres mais poderosas do Brasil, segundo uma lista elaborada pela revista americana Forbes. “Não por acaso a escolhemos para esse debate. Trajano é destaque entre as executivas brasileiras, tem pulso firme, mas conta com a sensibilidade feminina”, afirma o presidente do LIDE Paraná, Fabrício de Macedo.

Segundo Macedo, o movimento de empoderamento feminino tem se fortalecido em todas as escalas e é papel das instituições incentivar e consolidar isso. “O poder feminino dentro das empresas tem crescido, mas pode e deve crescer muito mais”. Sobre a participação feminina em papeis de liderança e em conselhos administrativos, Luiza Helena Trajano defende que é necessário cotas para equilibrar a participação. “É preciso deixar claro que cota é um processo transitório para acertar uma desigualdade. Há um estudo que afirma que há apenas 7% de mulheres em conselhos; se tirar a família, vai para 2%. O estudo diz que levaremos 100 anos para ter, pelo menos, 10% de mulheres em conselhos. Então, com o projeto de cota queremos atingir 20% de participação feminina em conselhos até 2020”. E complementa que “atualmente, temos 150 mulheres preparadas para estar em conselhos, mas que não são lembradas. É muito importante termos diversidade nesse ambiente corporativo”, afirma a empresária.

O Almoço-debate do LIDE Paraná reuniu dezenas de diretores, lideranças femininas e líderes de grandes empresas paranaenses, propiciando networking e também a possibilidade de novos negócios. Estavam presentes executivas como: Márcia Manfrin, presidente da Apetit Serviços de Alimentação e diretora da Associação Comercial e Industrial de Londrina (ACIL); Danielle e Juliane Karsten Lorenz, diretoras da DAJU; Elaine Guetter, vice-presidente de Tecnologia Educacional da Positivo Informática; Daniela Almeida diretora do JP Morgan; Kátia Garbin diretora da OI, Blanca Baggio, diretora da Construtora Baggio, Márcia Almeida, empresária da Bazaar Fashion e da Villa Batel; entre outras mulheres que têm se destacado no segmento empresarial.

O próximo Almoço-debate do LIDE Paraná acontece no dia 24 de agosto, com o tema “A reorganização do mercado de infraestrutura”.

UM POUCO SOBRE O LIDE

Idealizado e presidido pelo empresário João Dória Jr. o LIDE conta, atualmente, com mais de 1.700 empresas filiadas que, juntas, representam mais de 53% do PIB privado brasileiro. Tem matriz em São Paulo e unidades em diferentes estados brasileiros, além do Paraná. O Grupo também está presente internacionalmente, em quatro continentes, nos seguintes países: Alemanha, Angola, Argentina, Chile, China, Estados Unidos, Itália, Marrocos, Moçambique, Portugal, Uruguai e Oriente Médio.

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IIMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte.
 www.segs.com.br

Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

voltar ao topo

Compartilhar ou Seguir

Sobre nós::

Siga-nos::

Notícias::

Mais Itens::

SEGS NO SEU IDIOMA::
Portuguese English French German Italian Russian Spanish