Brasil, 29 de Setembro de 2016
A- A A+

TOKIO MARINE SEGURADORA

ABIH Nacional participou de audiência pública em Brasilía para fomentar o turismo brasileiro

Dirigentes e representantes da hotelaria e do turismo debateram vários temas na Comissão de Turismo da Câmara dos Deputados

Uma comissão de empresários da hotelaria nacional, membros da Diretoria Executiva da ABIH Nacional (Associação Brasileira da Indústria de Hotéis), e várias entidades ligadas ao turismo, estiveram em Brasília participando de audiências públicas para debater medidas para fomentar o turismo brasileiro.

Na quarta-feira, o grupo de representantes esteve reunido na Comissão de Turismo da Câmara dos Deputados. O debate, sugerido pelo deputado Otávio Leite (PSDB-RJ), trouxe à luz da discussão medidas para captação de turistas estrangeiros para o Brasil pós-Olimpíadas.

"Após um torneio internacional dessa magnitude não podemos perder a oportunidade da divulgação do Brasil no exterior. Temos uma expectativa otimista de que o país ganhe mais visibilidade no mercado internacional e creio que este debate é importante para viabilizarmos condições de um crescimento sustentável do turismo nos próximos anos", comenta Dilson Jatahy Fonseca Jr., presidente da ABIH Nacional.

Segundo o deputado Herculano Passos, presidente da Comissão de Turismo da Câmara, a continuidade da presença de turistas estrangeiros pós-Olimpíadas depende também de investimentos em publicidade. "Os jogos serão um evento tão bom para o Brasil quanto foi a Copa, mas é preciso que a divulgação e a infraestrutura não parem", explica o deputado do PSDB-SP.

Entidades como a CNC - Confederação Nacional do Comércio - também participaram da audiência. Na opinião de Alexandre Sampaio, presidente do Conselho de Turismo do órgão, "esta é uma oportunidade de convidarmos milhares de jornalistas para visitarem pontos turísticos e gerarem essa demanda para os canais de comunicação e para os espectadores de fora. É uma forma de divulgação praticamente gratuita", enfatiza o dirigente.

Também José Antonio Parente, presidente substituto da Embratur, outra das entidades que estiveram em Brasília, manifestou sua opinião sobre o tema. "Os investimentos em publicidade são escassos e este é um dos principais problemas a serem solucionados. Nós esperamos, com o apoio da Câmara, reverter essa questão do financiamento das promoções, pois sem divulgação do Brasil no exterior, nós não conseguiremos aumentar o fluxo de turistas", destacou Parente.

A participação da ABIH Nacional, segundo seu presidente, "faz parte das metas da nova gestão da entidade em apresentar soluções para alavancar o mercado hoteleiro, o turismo nacional e internacional. Temos proposto várias medidas para ampliar as oportunidades de negócios para os empresários, tais como a equiparação do sistema de hospedagem no formato de Economia Colaborativa, praticado por algumas empresas que ainda não estão devidamente regulamentadas no cenário turístico nacional e que tem prejudicado os meios tradicionais de hospedagem," conclui Jatahy.

 

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IIMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte.
 www.segs.com.br

Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

voltar ao topo

Compartilhar ou Seguir

Sobre nós::

Siga-nos::

Notícias::

Mais Itens::

SEGS NO SEU IDIOMA::
Portuguese English French German Italian Russian Spanish

Ao se cadastrar, você aceita todos os Termos e Condições de Uso do Segs.com.br que consta no rodapé de todas as páginas do SEGS.